segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

“Como Expressar o Interesse a Uma Amiga Por Quem Se Está Apaixonado”

“Como Expressar o Interesse a Uma Amiga Por Quem Se Está Apaixonado”


Pergunta de leitor:

“Boas, eu tenho um grande problema que me afronta já há 2 anos (pode parecer estúpido mas é verdade). Eu estudava numa cidade onde conheci uma rapariga incrível que era minha amiga e só me apercebi que estava apaixonado por ela no último ano. Deparei-me então com um dilema: Ou dizia-lhe o que sentia e a nossa amizade nunca mais seria a mesma, ou então tentava esquecê-la.

Burro, escolhi a segunda opção. Nisto entrei na faculdade noutra cidade e a nossa amizade ficou esmorecida, raramente a vejo, ou falo com ela. Conclusão, já se passaram 2 anos e ainda não a consegui esquecer, por isso estou a tentar ganhar coragem para me expressar, coisa que já devia ter feito há mais tempo, mas arranjo sempre desculpa para não o fazer.

Eu não me considero tímido, muito pelo contrário, mas quando estou com ela nem eu me reconheço, até a minha maneira de falar muda. Vou estar com ela em breve, por isso imploro por algumas dicas, sugestões, ou até certos passos para me preparar. Só não quero é ficar a pensar que devia ter dito ou feito isto em vez daquilo. Ela é muito social e com isto eu quero demarcar-me perante ela, quero que ela me ache interessante e que valha a pena estar comigo, só isso. Eu não ando à procura de aulas para falar ou seduzir mulheres pois apenas quero aquela. Ela é especial e eu só quero ter um pequeno avanço, para não bloquear. Abraço.”


Resposta, comentários:

Não tem a ver com o que dizes ou fazes, tem a ver com quem és, tem a ver com como és. E ou és homem suficiente para ela, ou não és e nada feito. É o teu nível de consciência e compatibilidade sexual com ela que definirá se haverá namoro ou não.

Se te queres expressar basta seres simples e directo, e dizer a verdade. Depois depende daquilo que eu já disse acima.

"eu não ando à procura de aulas para falar ou seduzir mulheres pois apenas quero aquela"

Eu também não dou aulas para falar ou seduzir mulheres, haha! Apresento um caminho para se aumentar a consciência, ou seja, não é uma "escola" de actores com um guião de coisas para dizer e fazer decoradas, mas sim uma "escola" para se mudar a essência, evoluir, subir de nível de consciência, para depois apenas sendo nós próprios, com coragem e autenticidade, as coisas começarem a correr melhor e a serem mais bonitas com as mulheres e com a vida no geral.

Se o teu nível de consciência fosse mais elevado, já estarias a namorar com ela e não teriam passado 2 anos sem que te conseguisses expressar. Achas que não, mas na verdade és tímido. Dizeres-lhe o que sentes e qual é a tua intenção é bom, mas um namoro não é apenas conversa, é entrar em acção de forma apropriada no contexto apropriado. Se vale a pena estar contigo isso depende do teu nível de consciência actual, depende da tua essência real, e não há nada que possas fazer ou dizer para a convencer (controlar ou manipular) do contrário.

Pensa menos em como ser aceite e admirado, e mais em como a podes amar, servir, alegrar e apreciar. Se pensares menos em ti e no que te vai acontecer ao expressares o que sentes, e mais nela e no que podes fazer por ela (não para ela gostar de ti e obteres o que queres, mas sim e apenas para a veres feliz e vê-la feliz é a tua recompensa, digamos assim), certamente tudo irá correr melhor.

É muito provável que a tua oportunidade tenha passado há dois anos atrás, e que ela tenha perdido o interesse em ti (se é que chegou a ter esse interesse, pois é possível que só gostasse de ti como amigo). Não é normal não esquecer alguém passado dois anos, não é normal estar dois anos sem se conhecer outra pessoa e ter experiências com outras mulheres. Só a quereres a ela é uma atitude fraca, não é uma atitude bonita de amor. Eu percebo o que queres dizer, mas como achas que serás bom namorado se não tens experiência com mulheres...? De onde achas que vem essa experiência? Do ar? Haha pensando muito nela? :D nope!

Regra geral, ou se avança e se dá um beijo na mulher nas primeiras 3 ou 4 saídas ou esquece. Mais vale esquecê-la e passar para outra. Ficar-se 2 anos a pensar numa mulher não vem de amor, mas sim de carência. Só quem não consegue ter opções na vida amorosa é que fica assim preso a alguém que nem sequer sabe se também sente atracção. Mexe-te ou esquece.

Obrigado pela tua pergunta.

Segue o que Amas,
Pedro C.

2 comentários:

Romário Belarmino disse...

Realmente, existem mulheres que passaram pela nossa vida e que deixaram marcas umas mais do que outras e que, de certa forma, não será tão fácil esquecermo-nos dos bons momentos passados juntos. Pronto, não sei se isso tem a ver com a fantasia do ego ou outra coisa qualquer, mas é facto que a nossa mente, de vez em quando, nos traz à memória essas lembranças. E, por mais que tentemos fazer um esforço para apagá-las, não iremos conseguir.

Pedro C. disse...

Romário B.: "E, por mais que tentemos fazer um esforço para apagá-las, não iremos conseguir."

A intenção não é apagar memórias nem esquecer ninguém. É mudar a percepção que temos dessas pessoas e bons momentos que passamos com elas. Em vez de vermos essas memórias através dos olhos negativos da carência e dependência (a tristeza do que acabou), passamos a ver essas memórias através dos olhos positivos da independência (a gratidão dos bons momentos que tivemos).