AMOR

"Ensina só Amor, pois é isso que tu és"

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

“Como Ter Mais Momentos Extraordinários No Contexto Da Vida Social”

Como Ter Mais Momentos Extraordinários No Contexto Da Vida Social”

ou

YEAAAH!! Woohooo!!!”


Pergunta de leitor:


Olá Pedro!

Conheci o Cool Vibes em 2009 quando andava atrás de informação sobre desenvolvimento pessoal. Desde 2011 venho estudando os livros do DR. Hawkins e o mapa da consciência.

Minha compreensão anterior da vida social era de coragem (cal200) onde devia me desafiar, conhecer pessoas, fazer coisas que me davam medo, etc... isso me colocava em um estado de mente muito ativa, e quase não desfrutava nada do momento, e coisas bonitas e espontâneas raramente aconteciam.

Hoje minha interpretação da vida social está mais neutra (cal250), evito não pensar em nada quando saio à noite, dou o melhor de mim em questão de imagem pessoal e conversas que contribuem para o momento e serviço. Percebo que as coisas “funcionam” muito melhor assim.

Como um estudante do mapa da consciência, como atualmente você vê o contexto da vida social? Mais de coragem? Mais neutra? Ou até mais elevado?
Desde já agradeço sua resposta. Obrigado por contribuir para minha evolução!”



Resposta, comentários:

De nada, é uma honra poder contribuir para a tua evolução.

Queres mesmo saber como vejo o contexto da vida social? :D

Para mim é de liberdade total! Aventura! Diversão! E mulheres atraentes!

E é isso que acontece! Hahaaaa!! :D

Esquece os números e o “estudo do mapa de consciência”! Não é essa a verdadeira mensagems que o David Hawkins quis passar para todos nós. Esquece a mentalização da realidade, e vive a realidade!! Sai da cabeça e mergulha em ti próprio!

Para mim o contexto da noite é como que um portal para outra dimensão, em que a vida flui como um sonho! Não dá para controlar, só acontece se estivermos em determinado estado interior não linear e deixarmos acontecer, como uma criança num carrossel! Hahaaa!! :D

É como se fosse a mistura da viagem psicadélica do final do filme 2001: A Space Odyssey e o final da música Blue Monday dos New Order!

Não é 200 nem 250 nem 4789! É simplesmente... WOOOOOOOOOOOOOOW!!!

hahaaa!!

E não, eu não tomo drogas :D e mesmo que bebas álcool isto não é possível de experienciar se não tiveres a base suficiente para lá chegar, e a intenção. Tens de viver para este estado, dedicado ao não linear, alinhado com a verdade, todos os dias.

É esta a consciência que queres ter da vida social e da noite: não linear. Pois só assim o Espírito te pode levar a passar pelos momentos mais extraordinários possíveis, para além da tua imaginação, e para além de qualquer capacidade de compreensão ou planeamento da mente!

És sempre tu e o infinito, completamente livre. Antes de saíres tens de imaginar que a vida social é um universo de possibilidades extraordinárias, e um contexto no qual estás totalmente livre, e em que tudo de bom é possível e pode acontecer-te de surpresa a qualquer momento. Tem de ser esta a nossa atitude, visão e estado em relação à vida social, pois é essa a sua Verdade.

Obrigado pela tua pergunta.

Segue o que Amas,

Pedro C.

3 comentários:

Miguel disse...

Hey, muito bom dia Pedro, venho aqui hoje super entusiasmado!! O ano estava a começar e eu estava pela primeira vez dentro de uma discoteca (quer dizer não era uma discoteca oficial, mas tinha tudo igual a uma, DJ, bebidas, mulheres, dança, luzes, enfim xD.)
Não fui para lá em lazer, mas sim em trabalho, mas é incrível como as pessoas sem me conhecerem falaram comigo, pagaram-me bebidas (eu também ofereci algumas eheheh) foi tipo mágico, é importante aqui realçar que houve um homem que veio ter comigo ao bar dizendo que eu me tinha enganado no troco e dado a ele um euro a mais e ele devolveu-me o dinheiro, uma atitude integra que deve ser mencionada :).Praticamente não senti bloqueios nem desconforto, parecia que estava farto de fazer aquilo, sai de lá ás seis e meia da manha, e foi Brutal!
Mas calma Cowboy, a história ainda vai a meio hahaah, ontem pela primeira vez nos últimos 6/7 anos consegui sair com uma rapariga, e tipo não há palavras, só o simples facto de eu ter enfrentado os meus medos já me deixou super feliz. Foi muito difícil para o ego acredita, mas eu coloquei-o num caminho sem saída e mantive-me firme tipo William Wallace xD, meu ego inventou mil e uma desculpas para não me encontrar com a rapariga, "hoje não, tá a chover", "hoje não porque não estou penteado" "fica para amanha" "Fica para a semana" "hoje não, esqueci-me de perfume", acredita essas coisas parvas passaram me pela cabeça. Uma vez ouvi num audio teu o seguinte "...é apenas uma desculpa para amar" e o ego cria desculpas para não amar xD.

Agora uma pergunta :)
Há dois anos para cá que eu estudo e trabalho e tenho digamos muitas "preocupações" testes, trabalhos, avaliações e um monte de coisas para decorar/saber O menu das refeições, a carta dos cocktails, aprender a preparar os cocktails, saber os vinhos, onde são produzidos, como são produzidos, etc, por isso minha mente ou está no futuro ou está no passado e não consigo ou tenho medo de me colocar no momento presente porque o presente diz "o que importa é o AGORA" e outra parte diz "o que importa é o teste que vais fazer amanha" e eu tenho muitas dificuldades de assimilação por isso esqueço me das coisas com facilidade o que me dá mais preocupação...resumindo como viver o "AGORA" neste contexto?

Muito obrigada Pedro, Abraço! :P

Gregorij Branco disse...

Olá Pedro!
Uma pergunta: Desde a uns tempos para cá tenho deixado de sentir no corpo uma espécie de energia que circulava e que me fazia sentir mesmo muito bem, era como se uma sensação de formigueiro que sentia principalmente e com mais intensidade na zona da testa e, como disse anteriormente, por todo o corpo. De momento, deixei de sentir isso por completo, a minha vida alterou-se muito a partir dai, posso dizer que piorou até bastante! Sempre acreditei que essa sensação de sentir essa energia poderia ser algo vindo directamente do espirito. Achas que me podes ajudar Pedro? Não procuro soluções milagrosas apenas procuro perceber se entendes algo sobre este assunto, e se me podes ajudar!

Obrigado Pedro, mais uma vez pelo teu maravilhoso trabalho e dedicação ao projecto Cool Vibes!

Um abraço! Greg.

Pedro C. disse...

Gregorij Branco: "Desde a uns tempos para cá tenho deixado de sentir no corpo uma espécie de energia que circulava e que me fazia sentir mesmo muito bem"

Qualquer aumento de energia em nós é energia vinda do Espírito. Não há nada que possas fazer, é normal haver altos e baixos no caminho. A única coisa que podes "fazer" é sempre que sintas essa energia teres uma atitude de gratidão, e continuares a praticar os princípios espirituais que têm contribuído para a tua evolução e felicidade. Mais cedo ou mais tarde a energia volta, mas tens de te manter no caminho e ser persistente na dedicação, acreditando sempre que o melhor está para vir, e que não podes controlar esses estados nem a tua evolução, apenas aceitar com gratidão a dádiva quando a experiencias, dure o tempo que durar.