AMOR

"Ensina só Amor, pois é isso que tu és"

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

“A Forma Certa de Evoluir Para Uma Felicidade Permanente”


“A Forma Certa de Evoluir Para Uma Felicidade Permanente”

Ou

“Temos De Nos Deixar de Tretas”

:D


Pergunta de leitor:

“1.Pedro, no nosso caminho de evolução, é mais apropriado estudarmos e seguirmos as ideias e os valores do nível de consciência mais próximo ou, se já conhecemos um nível mais elevado, segui-los? Há um tempo, comecei a ler os livros do Hawkins, como sugerido, e daí, observei a tabela de consciência. É o adequado, por exemplo, ler autores do nível da coragem, e depois da neutralidade, e assim por diante, ou, sem saber o nível em que vivemos, ler somente a sabedoria mais elevada (por exemplo, o do David H.)? Comecei a fazer o Livro de Exercícios do Um Curso Em Milagres e, ele muda a nossa visão do mundo para um Amor Incondicional, segundo Hawkins, quando vivemos com esses valores e rendemos completamente os pensamentos e as atitudes anteriores aos novos, levando esforço e dedicação por um bom tempo. Entretanto, a dúvida: devemos ter uma "base" dos níveis anteriores na nossa vida, sem saber em qual estamos, ou podemos nos dedicar e nos esforçarmos a esse valor mais elevado do Curso.

Outra pergunta:

2.Onde eu moro (cidade de Fortaleza-Brasil) percebo que acontecem, em quase toda a volta, actos que me desestimulam. Roubos, mortes, mentiras, não poder andar na rua, furas de filas e estatística de mortes diárias, uma Guerra Civil de se espantar. Aqui mesmo onde está minha casa, era, antigamente, um lugar em que se podia ouvir os cânticos dos pássaros e o silêncio da natureza. Porém, hoje, no outro lado do mangue que aqui há, estão colocando paredões que tremem as portas, com as músicas mais perversas e desrespeitosas (parecem uma pornografia transformada em música) que somos obrigados a ouvir (a polícia da maioria das cidades brasileiras tem medo agir). Entretanto, talvez terei a oportunidade de mudar de cidade, para uma menos violenta. Como disseste, o ego estará em qualquer lugar que irmos, e essa situação, também, deve ser de mérito kármico, mas surge a dúvida: devemos mudar de local para um em que notamos que as pessoas têm atitudes mais harmoniosas, ou, devemos treinar a nossa mente a adequar-se, e com a meditação, com o Um Curso Em Milagres, com os ensinamentos de grandes mestres, por exemplo, construir uma vida onde se está? O que farias neste contexto?



Resposta, comentários:

A nossa evolução não é linear, nem é possível de ser controlada. É algo que nos acontece, se deixarmos. É inteiramente e perfeitamente orientada e provocada pelo Espírito, e tem de ser aceite como tal. Ao deixarmos a evolução acontecer, isso na prática significa que não resistimos ao que nos acontece naturalmente na vida, e lidamos com o nosso agora tal como ele é. Se realmente queremos evoluir o Espírito irá colocar à nossa frente as situações que nos levarão às experiências pelas quais precisamos de passar para aprendermos o que precisamos de aprender, e assim evoluir. E estas experiências são sempre perfeitas para a nossa evolução e sempre no momento certo. É o Espírito que sabe do que precisamos para evoluir, não nós, não o ego. A evolução regra geral é lenta e difícil, mas é possível. E é possível haver grandes saltos em consciência, mas isso é a excepção, não é a regra. Evolução é portanto uma questão de intenção. Queres mesmo? Então prepara-te para um mega carrossel de aventuras, pois o Espírito não brinca em serviço, e aquilo que temos de enfrentar para evoluir não são massagens, festas e sexo oral (apesar de ser espectacular haha!)… são coisas bastante desagradáveis que estão no nosso inconsciente. É o lado feio do ego, e as suas expressões na nossa maneira de ser, e em tudo o que nos rodeia. Boa sorte! :D

Agora que 90% das pessoas já fugiu daqui (haha!) vamos passar a explicações mais "leves" :D

Primeiro decides o que queres. Como queres ser? Como queres que a tua vida seja? O que queres experienciar na vida? Do que queres ser capaz de fazer? O que gostarias que te acontecesse? Como gostarias de te sentir no dia-a-dia?

Depois de saberes o que queres começas a pesquisar informação e mestres que te possam orientar no teu caminho de mudança e evolução. Descobres um ou dois que amas e fazes aquilo que ele disser. Aplicas todos os seus princípios, práticas e exercícios. Mergulhas nos seus ensinamentos como se a tua vida dependesse disso. A tua evolução torna-se a área mais importante da tua vida, e estás disposto a morrer pela tua felicidade. E tens de estar, pois o ego vai-te sempre sabotar o caminho com o medo da morte disfarçado de outros medos mais superficiais, justificados para parecerem plausíveis e uma boa ideia de seguir. Mas não são uma boa ideia de seguir haha! E não são uma boa ideia de seguir pois vão-te paralisar no teu caminho. Vão-te bloquear e fazer não dar o próximo passo, e ficas na mesma. E há também a possibilidade de regredires em consciência, o que não é nada fixe :D

Não há como sabermos o nosso nível de consciência, pois estamos a viver nele e é-nos inconsciente. E mesmo que um mestre espiritual nos diga qual é o nosso nível de consciência, isso é mais prejudicial que benéfico. Porquê? Porque o ego vai pegar nessa informação e usá-la a seu belo prazer, para fins de te iludir ou desiludir, e assim sabotar a tua evolução. E não te enganes, o ego é infinitamente esperto! Afinal de contas ele tem-te enganado até agora e nunca deste por nada haha! Subestimar o ego é um erro, vigilância constante é necessária, e sem um estilo de vida contemplativo isso é impossível. Tens de ser implacável na tua vigilância, ou nada feito. Se não o fores o ego irá sempre dar-te a volta com as suas sugestões “plausíveis” do que seguires, e de que escolhas fazeres. A direcção é óbvia: é sempre para baixo e a acelerar! Haha ele quer que vires as costas à Luz, quer que acredites que esta não existe e que só há sombra, e fará de tudo para te manter assim.

Em termos de evolução dedica-te aquilo que amas. Aquilo que te fascina. Aquilo que te entusiasma! Se te faz sentir bem, se faz sentido para ti, atira-te de cabeça! Tudo é descoberta e aprendizagem. És tu quem escolhe o mestre, conforme os ensinamentos deste te fazem sentir. E depois tens de aplicar esses ensinamentos, correctamente e consistentemente, para realmente saberes onde eles te podem levar. E conforme os frutos dessa dedicação, a Verdade ser-te-á revelada.

Quanto ao contexto onde vives… eu punha-me a andar daí para fora o mais rápido possível!

Sai daí assim que puderes. Vai viver para um sítio mais bonito e agradável.

Não acredites na ilusão de que a tua evolução te vai tornar invulnerável ao negativo da vida, isso não existe. Não irás passar a viver anestesiado, garanto-te haha! Quando evoluímos ganhamos mais consciência de tudo, do bom e do mau em nós, nos outros, no mundo e na vida. Sentimos tudo mais intensamente, pois estamos mais acordados. Temos mais consciência, logo temos acesso a mais de tudo. Logo evoluindo vais sentir mais o negativo, e é por isso que podes afastar-te dele: pois tens mais consciência dele. Isso leva-te a uma saturação do mesmo, esteja esse negativo em ti, nos outros ou onde vives. O mundo é para transcender, não é para mudar. Felicidade é selecção. Se queres ser mais feliz irás passar a viver através do princípio da selecção consciente: afastas-te daquilo que é consistentemente baixo em energia, negativo, narcisista, ilusório, e por isso, prejudicial. Só quer saber disto, claro, quem quer saber do destino da sua alma. E se hoje sofres e estás insatisfeito, é porque nunca quiseste saber disso o suficiente :D mas relaxa, ainda estás a tempo =) Mais importante que a sobrevivência do corpo, ou a satisfação do ego, é o destino da alma. É aí que está o segredo da nossa felicidade: na nossa essência, como somos, o nosso karma, o nosso nível de consciência, a nossa autenticidade. Portanto afastas-te daquilo que é negativo e ilusório, seja em ti, seja nos outros, seja na tua vida, e aproximas-te daquilo que é verdade e que te eleva a alma.

Obrigado pela tua pergunta, segue o que Amas.

Pedro C.

3 comentários:

David Nunes disse...

Muitíssimo obrigado!!!
Tudo de bom

DanyBe disse...

Ola Pedro tudo bom ! Vim aqui agradecer pela grande consideração que tiveste ao ler o outro post. Muito obrigado.
Muitos pontos que tu aborda tu acerta em cheio que se passa. Imagino que isso venha mesmo de experiência pessoal e não meramente leitura ou algum conhecimento. Valeu !!!

Angelo disse...

Olá Pedro. É curioso que o caminho de evolucao nao é propiamente agradavel/facil tal como se pode ler em muitos de internet. É duro olhar para dentro e ver o que realmente há por ai. Nao é bonito pelo menos ao inicio. Obrigado pelo teu blog. És uma inspiraçao para mim. Ouvir a tua historia dá me esperança de que algo melhor é possivel tambem para mim. Já comecei a sair mais e a enfrentar medos, já nao há volta atrás. O bom disso é que já me sinto melhor por breves momentos. Abraço Pedro!