terça-feira, 29 de dezembro de 2015

"Como Evoluir e Ser Mais Feliz"



Como Evoluir e Ser Mais Feliz

Perguntas e respostas com princípios para se evoluir e ser-se mais feliz, e começar 2016, ou qualquer ano, em grande!



"Letting Go: The Pathway of Surrender" - David R. Hawkins



Letting Go: The Pathway of Surrender
David R. Hawkins












Blue Monday - New Order




Blue Monday
New Order




Star Wars: A New Hope - Filme íntegro da semana



Star Wars
A New Hope









Filme íntegro da semana:
A sugestão de um filme íntegro que é seguro e útil veres para a tua evolução espiritual, consciência e integridade. Não precisas de compreender o filme, nem de saberes porque é íntegro (seja a história em si ou as suas personagens, etc). A sua energia e nível de verdade intrínseco irão sempre inconscientemente influenciar-te positivamente e ajudar-te no teu caminho, se a tua intenção for alinhares-te com a Verdade e tornares-te íntegro.



Citação da Semana de David Hawkins






“With humility comes the willingness to stop trying to control or change other people or life situations or events ostensibly 'for their own good'. To be a committed spiritual seeker, it is necessary to relinquish the desire to be 'right' or of imaginary value to society. In fact, nobody's ego or belief systems are of any value to society at all. The world is neither good nor bad nor defective, nor is it in need of help or modification because its appearance is only a projection of one's own mind. No such world exists.” 



― David R. Hawkins

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

"Porque Há Homens Que Conhecem Muitas Mulheres"


"Porque Há Homens Que Conhecem Muitas Mulheres"


Recentemente apercebi-me de que ainda não tinha falado sobre isto lol mais parece um tema de 2008, mas é algo que sinto que será útil desmistificar e clarificar.

Nesta era dos perfis online, sites de redes sociais e sites para conhecer pessoas e ter encontros, é fácil uma mulher julgar um homem por este ter muitas amigas adicionadas no seu perfil, ou apenas por fazer parte de um site como o Badoo ou o Twoo. Como é que ela o julga ao ver que ele tem muitas amigas...? Como um narcisista, desinteressado em ter uma relação, que anda no engate, que vai para a cama com muitas mulheres, e que usa as mulheres como objecto sexual e objecto de validação para alimentar o orgulho do seu ego masculino.

Ok, está certo. Há homens assim, é verdade. Mas também há mulheres assim lol e nem todos os homens que conhecem muitas mulheres, ou que têm muitas amigas, ou mais correctamente, que parecem conhecer muitas mulheres, são assim e é essa a sua intenção e estilo de vida. E é isso que eu pretendo desmistificar e clarificar com este post.

Na sua relação com as mulheres e sexualidade, existem essencialmente três tipos de homem: o cobarde, o manipulador e o autêntico. Outros adjectivos podem ser usados para descrever no geral a essência de cada um, mas chamemos-lhes o que lhes chamarmos, o importante é percebermos bem, e termos claramente em mente, como é a essência de cada um, pois os dois últimos têm aparências semelhantes, apesar de as suas intenções e essências serem completamente diferentes. Passo a explicar cada um dos 3 tipos:

Primeiro temos o cobarde. A sua insegurança pode ser muita ou pouca, mas este tipo de homem, no geral, tem medo de ser rejeitado e é controlado por este medo. Uns mais que outros, mas o que acontece é que regra geral é tímido, negativo e desconfortável com a sua sexualidade e atracção/desejo que sente pelas mulheres. Pode ser socialmente normal ou não. Pode ser do tipo que se isola e só joga videojogos e jogos de tabuleiro, por exemplo, como pode ser o aparente extrovertido que tem muitos amigos e amigas, sai com colegas de turma, curso e faculdade, mas quando chega o momento da verdade com uma mulher, seja para ir falar com ela ou beijá-la, o medo controla-o e nada faz. Este tipo de homem, cobarde, tímido e complexado, é normal que na maior parte das vezes que se interessa por uma mulher fique apenas como "amigo" desta. Ele sente atracção... mas ela não.

Não escrevi "amigo" entre aspas por acaso, pois este tipo de homem é um falso amigo, em essência e intenção. Repara, ele foi falar com a mulher, e conheceu-a, não porque queria uma amizade com ela, mas queria sim algo amoroso, romântico, sexual, um namoro! Só que ao ser rejeitado, e uma vez que a mulher até gosta da sua companhia e de falar com ele, ele aceita ficar amigo da mulher. Parece algo bonito de acontecer, como se o homem rejeitado estivesse a expressar algum sentimento nobre pela mulher apesar de não andar a fazer sexo com ela, e sem andar a fazer sexo com ela continuasse a apreciá-la à mesma, e a sair e conversar com ela.

Pois... :D

Mas a verdade é bem mais... feia. ^_^

Ele não quer ser amigo dela de forma alguma. Não era essa a sua intenção inicial e verdadeira. Ele sente atracção e quer essa atracção satisfeita. Para ele, ficar "amigo" da mulher não é nada mais do que uma táctica de manipulação disfarçada de simpatia. Por ser fraco e não conseguir mulher, o melhor que pode conseguir é a companhia de uma como amiga por quem ele se sente atraído, na esperança de a conseguir convencer a gostar dele da mesma forma que ele gosta dela. Ou seja, ele pensa que talvez um dia ela o ame e o queira como seu namorado e homem com quem faz amor. 

Encarnando o papel de uma espécie de super-amigo, este homem tímido usa a táctica de estar sempre disponível, ser o mais prestável possível, e estar por perto da mulher o mais tempo possível, para indirectamente a tentar convencer de que é sem dúvida uma boa escolha como namorado e parceiro romântico e sexual. Esta atitude pode ser consciente ou inconsciente, o homem pode mesmo convencer-se de que apenas quer amizade e de que toda a bondade e simpatia de amigo são genuínas lol mas na verdade ele está em negação em relação à atracção que sente pela "amiga". Isto é o melhor que ele consegue, e ao fazer isto não estou a dizer que ele é maligno e mal intencionado... não, ele simplesmente é assim, é a sua limitação humana. O medo controla-o e ele faz o melhor que consegue com as mulheres que conhece e de quem gosta. Vive numa esperança fantasiada, e frustração, consciente ou inconsciente, pois a atracção que sente não desaparece nem está a ser satisfeita, e o tipo de relação que tem com a mulher em questão não é a que ele realmente quer. É simplesmente a melhor opção a seguir ao que ele realmente queria... pelo menos convive e conversa com ela, mas nada de tocar ou beijar! :D

Se a mulher colocasse isto à prova e perguntasse a todos os seus amigos homens mais próximos, "preferes ser meu amigo ou namorar comigo?", "queres fazer sexo comigo?", provavelmente iria ficar chocada com a maior parte das respostas lol duas reacções seriam as mais comuns: uma seria a resposta verbal directa, "Sim! Eu quero namorar contigo! Bora fazer sexo!", a outra seria uma reacção de desconforto na linguagem corporal que demonstraria claramente que ele quer essas coisas mas tem medo de admitir pois tem medo da reacção da mulher e de estragar a sua oportunidade (estragar a "amizade" lol). Em ambos os casos, a amizade não é a preferência. Ups! :D e tudo bem, até seria melhor para ambos se houvesse mais sinceridade de ambos os lados.

Até porque há mulheres que usam este tipo de homem como companhia enquanto não encontram um com quem de facto querem ir para a cama e namorar lol são mulheres espertas, pois sabem que este tipo de homem é fraco, não lhes vai fazer nada, e não vai avançar. É portanto tranquilo lol ele nem tem a coragem de admitir o que quer e avançar, nem a coragem de aceitar a clara rejeição e ir-se embora. Portanto este tipo de mulher tem aqui um "escravo" ou "servo" perfeito, grátis e garantido, e praticamente sempre disponível, para quando ela se sente só, ou precisa de desabafar, ou precisa de boleia para a discoteca e depois para casa, etc. É maravilhoso! ^_^

Seja o mais isolado, ou seja o mais socialmente normal, ambos pertencem a este tipo de homem cobarde e tímido. Eu era assim, por isso sei do que estou a falar. Conheço todos os detalhes e subtilezas desse buraco de falta de coragem perante as mulheres e a atracção/sexualidade lol graças a Deus atingi o fundo desse buraco, já não aguentava mais, e lentamente e com coragem saí dele. A vida é uma tortura para este tipo de homem, e eu não o condeno pelas suas escolhas. Não é fácil, mas se queremos ser mais felizes temos de trazer à consciência estes impulsos narcisistas negativos que nos impedem de funcionar normalmente e assim de termos uma vida mais alegre, e uma relação com as mulheres mais estimulante, sincera e bonita.

A seguir vêm os palhaços, quero dizer, os manipuladores! :D

Este tipo de homem é mais confiante e confortável com as mulheres, a atracção e desejo que sente por elas, e a sua sexualidade. É mais livre para funcionar com a atracção que sente pelas mulheres que encontra na sua vida e online. É também mais raro que o homem tímido. O problema, chamemos-lhe assim, é que é também um tipo de homem narcisista. Ou seja, o desejo põe-no a mexer, controla-o, ele quer e tem de ter! Ele tem de satisfazer o seu desejo, e em muitos casos o satisfazer deste desejo está ligado ao seu orgulho, ao orgulho do seu ego masculino. Portanto ele não pode falhar! lol é como se relacionar-se com uma mulher fosse um teste de matemática e determinasse o seu valor como ser humano, haha!

Neste tipo de homem enquadram-se (entre outros), os pintas, os mulherengos, os casados/comprometidos com casos e os sedutores "sofisticados". São homens narcisistas controlados por desejo e orgulho, cujo estilo de vida anda à volta de caçar mulheres, usando-as como objecto sexual e de validação. Na verdade não querem saber das mulheres para nada, mas sim do que podem conseguir obter delas. Sempre que possível metem-se com mais uma que acham atraente, e tentam sacar dela tudo o que conseguirem, tentando controlar toda a experiência para que aconteça o que eles querem (orgulho, "sou o maior!"), e não aconteça o que eles não querem (rejeição, a vergonha de falhar no objectivo, a vergonha de não ser o garanhão desejado por todas, lol).

Este tipo de homem vai desde o mais básico, primitivo e desinteressante, que passa a vida no ginásio... ao mais bem vestido, com estilo e dinheiro, que até sabe ler e ter uma conversa minimamente de jeito... ao mais manhoso, esperto e com planos de manipulação preparados em casa antes de sair, como se de um guião para actor se tratasse.

Estes até fazem parte de uma "secreta" comunidade de sedutores, com nomes de código como se fossem super-vilões da Marvel Comics, e que partilham os seus sucessos em detalhe em fóruns secretos na internet. Hilariante! LOL é comum entre eles haver psicopatas, haha porquê? Porque só um psicopata sem remorsos e sem medo, sem emoções humanas normais, é que finge completamente ser alguém que não é, decora todo o tipo de técnicas para parecer humano (lol) e para conseguir interagir com uma mulher de forma a tentar controlar o que ela sente e acha dele, para que consiga dela o que quiser (validação e sexo, pois é essencial para ele ter a identidade do garanhão que é adorado por todas lol). Ele procura forçar a interacção a ir na direcção que ele quer, pois ele simplesmente vê a mulher como um alvo, um objecto, a usar a seu belo prazer. Ele não quer saber de como a mulher se sente, e não quer saber do nível de falsidade e crueldade dos meios que usa. Claro que não quer saber, ele nem sequer é um ser humano normal! LOL falta-lhe emoção humana normal, empatia, inocência, espontaneidade... normalidade, haha! É um escravo da frieza doentia da necessidade de validação do ego aliada à mente e às suas ilusões, e está perdido, e não quer saber. Valores? Princípios? Respeito pelos outros? Querer saber dos outros? Esquece... porque isso pode meter-se no caminho entre ele e a satisfação dos seus desejos. São actores sofisticados que sabem parecer normais e charmosos, masculinos e genuínos, bem intencionados e espontâneos, mas é tudo planeado em casa, decorado e treinado :D está no seu olhar vazio de energia, está na sua presença e aura narcisista de caçador sem consideração e remorsos.

Vendem a alma constantemente para satisfazer desejos do seu ego... o problema é que quando se vende a alma vezes suficientes, fica-se sem ela.

Quase ninguém quer saber disto, mas o problema não é meu. O karma é deles! :D

Este tipo de homem narcisista manipulador vai sim ter muitas "amigas" no Facebook, é mulherengo, e está nos sites de encontros para aquilo que a mulher comum julga: usar todas as mulheres que conseguir para obter aquilo que quer delas sem consideração ou remorsos. Sim, é narcisista e falso, e a mulher aqui está correcta na sua observação. Mas no fim apenas atraímos aquilo que somos, por isso só cai na sua teia quem não tiver o discernimento de perceber o que se está a passar.

Mas há um terceiro tipo de homem, mais raro que o narcisista.

Eu chamo-lhe de o homem autêntico. Nem é tímido, nem narcisista. Não finge amizades com uma mulher na esperança de um dia a ter como namorada ou de fazer sexo com ela, nem usa as mulheres como se fossem objectos. Não engana, não finge. Tem a coragem para ir falar com as mulheres que acha bonitas, mas a sua prioridade não é fazer sexo nem alimentar o seu orgulho. Não decora nada em casa (lol) para conseguir falar com uma mulher, nem usa qualquer tipo de técnica de manipulação para causar atracção (lolol), ou para tentar controlar o que a mulher sente e acha dele.

O homem autêntico tem inocência no olhar, mas confiança também. É espontâneo, mas não é urso. Quer a mulher, mas não a usa como um objecto. Quer saber de como a mulher se sente e respeita-a, mas ao mesmo tempo é selectivo pois tem auto-respeito. Este tipo de homem não está em negação em relação ao que sente por uma mulher bonita. Ele sabe que quando se sente atraído por uma mulher, ir falar com ela, seja na vida real seja num site, não só é uma atitude normal, como é também uma atitude sincera (pois não está a esconder o que sente), e pode levar a algo bonito entre ambos. Ele gosta de estar numa relação e gosta de se dedicar a uma só mulher. Quantidade para ele não tem qualquer valor ou significado. Ele busca por qualidade, pela qualidade do amor, da entrega, da intimidade a todos os níveis. Ele igualmente tanto gosta de conversar com uma mulher, como rir com ela, passear com ela, brincar com ela, aprender com ela, e fazer sexo com ela. Nada é menos importante, e não há julgamentos morais a fazer. Sexo é normal, e dá-me vontade de rir ao escrever isto pois é cómico acabar por ter de o escrever, hahaha!

Um à parte: na sociedade actual a mulher que vai fazer amor com um homem que mal conhece é mal vista. Seja por ela própria na sua cabeça, seja por quem souber do que aconteceu.

Meeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeehh! Treta! :D

Mal vista porquê?

Se ambos o queriam fazer, se ambos sentiam o mesmo, se ambos o consentiram, se ambos deixaram acontecer, se ambos se respeitaram, se ambos sabiam o que estavam a fazer, qual é o problema? Não há problema nenhum, e não há nenhum julgamento moral a fazer. Uma vez solteira, a mulher faz sexo com quem quiser quando quiser, e pode ser uma grande mulher à mesma.

O único senão, e mesmo assim não é um problema, é se a mulher for narcisista e só quiser encontros sexuais. Ou seja, não quiser ter relações pois não está para querer saber de ninguém a essa nível. E depois? lol ela é livre. Não é uma atitude bonita fechar a porta a relações e não querer saber de ninguém, mas isso é problema dela, é o seu karma.

Sem sexo não há relações amorosas, apenas amizaaaaaaaaaaaaaaaaaaade. lol Amiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiizaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaade, haha! Ligações assexuadas, que devem ser a maior causa de frustração, irritação e depressão nos homens! :D se a mulher não tiver desejo sexual por um homem, esquece! Nenhuma quantidade de simpatia da parte do homem a vai levar a querer ser sua namorada. Esta é a realidade.

Infinitamente pior do que uma mulher ir para a cama com um homem que mal conhece, é aquela idiota atitude da mulher que na verdade está interessada no homem... MAS FINGE NÃO ESTAR!!!

Hã?!

haha! :D

Aquela atitude completamente insana de se fazer de difícil, quando na verdade gosta do homem. Isto leva a mulher a não responder a sms do homem de propósito! A recusar convites para sair quando na verdade estava livre para ir ter com ele! A fazer jogos de ciúmes, jogos de distâncias, testes de todo o tipo, estar com ele de pé atrás, recusar beijos, etc, etc. HÃ?!?!?!?! (dizem os burros de manhã ;) oh yeah! lol)

Mas em que planeta descerebrado é que aprenderam isto???

Evitar e adiar o que ambos querem quando ambos querem?! HAHAHA!!

Wow...

Planeta Terra, venha cá passar férias, e passe-se da cabeça! :D

Phadass... LOL

Eu desconfio que até o Super Pateta já desistiu disto... e deve ter levado todos os amendoins com ele. O que é de lamentar, mas é assim a vida... no planeta... Terra.

É que eu compreendo perfeitamente que a mulher tenha de seleccionar o homem, e isso leva o seu tempo. Tem de haver processo de selecção para ela perceber se o homem gosta mesmo dela ou se está a ser controlado por impulsos narcisistas temporários fantasiados. Tudo bem, perfeito. Eu faço o mesmo com as mulheres, não me apetece ser violado por uma ninfomaníaca :D eu compreendo!

Mas se *JÁ* gosta do homem... se quer estar com ele... porque raio é que prefere fazer-se de difícil e recusar os avanços e convites do pobre desgraçado... em vez de preferir estar com ele e desfrutar o convívio com ele?!?! É insano. E falso! :D

Enquanto que a mulher que vai para a cama com o homem que mal conhece está a ser sincera em relação ao que sente e quer... (e tem a coragem de o seguir e fazer), este tipo de mulher escolhe livremente ser falsa e desrespeitar o homem.

E depois admira-se que ele desapareça! "Estás a ver? Afinal ele não gostava mesmo de mim! Nunca mais disse nada!". Claro que não! Então o pobre desgraçado foi sincero em relação a mostrar o seu interesse, e a mulher ou depois não lhe respondia, ou recusava os seus convites, ou não aparecia nas saídas combinadas! Isto para não falar quando têm a bela atitude de NUNCA demonstrar ao homem que gostam dele e que querem estar com ele. Não, é o pobre desgraçado que tem de ser humano, demonstrar tudo sempre e andar atrás dela lol

Claro que estou a dar o exemplo de um extremo, mas acontece bastante e é de lamentar. Pois em vez de ambos estarem felizes a desfrutar a companhia e carinho um do outro, devido à insegurança ou orgulho da mulher nada acontece.

Voltando ao homem autêntico, em aparência ele faz o mesmo que o homem manipulador: vai falando com várias mulheres, tem muitas amigas no Facebook e usa sites de encontros. A diferença está na intenção: ele não está em busca de quantidade, mas de uma mulher com quem namorar. O que acontece é que o homem autêntico é selectivo, e que na verdade apenas uma pequena minoria das mulheres vai realmente gostar de nós como nós somos. 

As "amigas" do Facebook são mulheres que na sua grande maioria nunca lhe responderam ou ele nunca conheceu pessoalmente. Não, não houve sexo narcisista lol Apesar da sua boa intenção e esforço, da sua simpatia e sentido de humor, grande parte dessas mulheres nunca lhe responderam à mensagem que lhes enviou. E é normal isso acontecer por várias razões, ou porque simplesmente não há atracção da parte da mulher, ou não há o mínimo de compatibilidade, ou porque elas vão pouco ao Facebook, ou porque têm namorado e não o dizem no perfil, ou porque recebem tantas mensagens que não têm tempo nem paciência para ler todas, etc. Só que depois ao ver tanta mulher como amiga desse homem no Facebook, dá a imagem que ele anda aí a sair com uma diferente todos os dias e a usá-las para sexo à mulherengo. É uma busca, e nessa busca autêntica é preciso falar com muitas mulheres até se descobrir a especial com quem se terá uma relação.

Não é à primeira, infelizmente lol

Ele mexe-se e faz pela vida. Ele quer uma mulher e vai à procura dela. E é importante estar-se consciente de que este tipo de homem tem auto-respeito e é selectivo: ele não se vai contentar com qualquer uma. Não pode ser uma mulher demasiado negativa nem narcisista cuja relação com ela só lhe irá sabotar a qualidade de vida e nível de felicidade. Com esta atitude de autenticidade e coragem, ele não controla o processo mas acelera-o. Não há necessidade de sofrer porque não se tem alguém especial na vida, pode-se ir em frente e ir à procura dessa pessoa!

O que é suposto um homem fazer afinal? Falar com uma mulher apenas, e se ela não o quiser nunca mais falar com nenhuma e ficar solteiro para sempre? HAHAHA isso é...

ESTÚPIDOOOOOOOOOOOOOOOOO!!! :D :D :D

Claro que vai falar com outra! E outra, e outra, e outra, até descobrir uma que sinta atracção por ele, que seja compatível com ele a nível pessoal e a outros níveis, e com quem as coisas avancem e aconteçam naturalmente e facilmente. Com sinceridade, respeito e entusiasmo mútuo! E é por isso que ele acaba por falar com muitas, e está em sites de encontros, tem muitas "amigas" no Facebook, e vai tendo todo o tipo de experiências com mulheres conforme aquilo que elas são e querem com ele. É uma busca, um processo de selecção, e não é fácil. Não é fácil lidar com a solidão, com as dezenas de rejeições, com a má educação e arrogância de muitas das mulheres com quem se vai falar (ou se contacta num site), e com o julgamento externo daqueles que julgam saber o que se passa e como as coisas deviam ser.

É normal a mulher ser receptiva e mais passiva na sua vida amorosa, mas se o homem for assim... é o NADAAAAAAAAAAAA! lol nada acontece, está sozinho a maior parte da vida. Quase nenhuma mulher se vai meter com um homem porque o quer conhecer, por sua vez porque o viu e se sentiu atraída por ele. E tudo bem, isso é natural. No caso do homem, esperar não leva a lado nenhum. No caso da mulher sim, mas do homem não. É diferente. O homem tem de se mexer! lol E pode mexer-se sendo ele próprio, sem esquemas, bem intencionado, bem disposto, com coragem, sinceridade, respeito e a esperança de que a próxima mulher bonita com quem for falar é aquela por quem ele procura.

Com menos julgamentos e mais autenticidade, todos podemos ter melhores relações e também mais alegria enquanto a pessoa especial não surge na nossa vida.

Obrigado por teres lido este post e que descubras a tua felicidade.

Segue o que Amas,

Pedro C.

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

"Man in the Wilderness" - Filme íntegro da semana


Man in the Wilderness

*

Filme íntegro da semana



Nota: a explicação que se segue estraga as surpresas do filme. Ups! :D

Inspirado num caso verídico do início do século XIX, "Man in the Wilderness" conta a história de Zachary Bass. Atacado por um urso durante uma expedição, Bass fica de tal forma ferido que os seus companheiros acham que ele vai morrer em pouco tempo. Nada podendo fazer por ele, e com receio de serem atacados por índios, abandonam-no julgando-o morto... mas Bass estava vivo. Estava muito mal tratado, mas vivo. Bass sobrevive então sozinho, tratando-se e curando-se com o que encontra na natureza, coxeando e caminhando na direcção da expedição, perseguindo-a com o objectivo de se vingar de quem o abandonou.

Até aqui tudo mal: uma história de vingança :D

O que o filme tem de extraordinário para mim, é a evolução de Bass. Não só pela fantástica história de coragem e sobrevivência que passa diante dos nossos olhos, como pela sua mudança de estado e intenção conforme o filme vai chegando perto do fim. Ele inicialmente queria-se vingar e matar quem o abandonou, mas depois, aos poucos, vai largando o ódio que o motivava. Sozinho e sem nada no meio da natureza, Bass vai descobrindo a gratidão por todas as pequenas coisas que vai descobrindo e que o ajudam a tratar-se, comer e a sobreviver melhor e com mais conforto. Não só isso, como se vai lembrando da mulher e do filho, o que o leva a largar o ódio e a deixar-se motivar cada vez mais pela gratidão do que tem de bom e bonito na vida, e pelo amor que tem por isso. Vai portanto de um sentimento de vingança a apenas querer voltar para casa vivo e desfrutar a vida com a sua família.

A história de sobrevivência e transformação de Bass faz-nos lembrar que é apenas quando atingimos o nosso fundo de sofrimento que vamos largar o que precisamos para nos erguermos e alcançarmos um novo e mais elevado nível de consciência. Para Bass largar aquela vida dura e aquelas companhias duvidosas das expedições, passando a valorizar a vida bonita e de amor que tinha com a sua mulher e filho, foi preciso ser atacado por um urso, ficar às portas da morte, ser abandonado meio morto, e ter de se tratar e sobreviver sozinho no meio da natureza. Uau! O ego é mesmo um chato :D 

O filme é simples, e não é uma obra-prima do cinema. É um filme bonito, pela evolução de Bass, pelas lições de gratidão e pelas paisagens naturais. Os índios têm um visual bonito também, talvez dos mais bonitos que já vi - e eu já vi muitos westerns mesmo. Tem também um lado um pouco surreal visualmente, pois a expedição tem cavalos a puxar... um barco! Yap, a ideia deles é chegar ao próximo rio e ir o resto do caminho de barco, mas até lá o barco tem rodas e está a ser puxado por cavalos. Parece uma imagem ridícula, e poderia ser se fosse visualizada e tratada de outra forma, mas o filme tem boa energia, e uma intenção bonita que conta uma boa história de bons princípios com simplicidade e beleza.

"Power vs Force" - David R. Hawkins



Power vs Force
David R. Hawkins













quarta-feira, 26 de agosto de 2015

"Como Aumentar a Probabilidade de Conhecer Mulheres e de Encontrar Namorada Mais Rápido"

"Como Aumentar a Probabilidade de Conhecer Mulheres e de Encontrar Namorada Mais Rápido"


Pergunta de leitor 1:

"Boa ideia Pedro ainda não tinha pensado nisso, ouvi o áudio depois de vir do estágio, vou ouvi-lo pela manhã.

Gostava de fazer uma pergunta ou várias xD sobre a minha situação actual:

1 - Uma rapariga no Badoo ficou interessada em mim e queria ter algo íntimo comigo. Eu perguntei-lhe se tinha namorado e ela respondeu que não. A partir daí não vi nenhum obstáculo uma vez que eu também a achava atraente, e de seguida ela pediu-me que lhe enviasse fotos íntimas de mim e eu, não sei bem porquê, disse que não enviava fotos íntimas, porque não me sinto seguro a fazer isso pela net, e a partir daí ela descartou-me. O que aconteceu aqui Pedro, eu agi correctamente ou eu sabotei-me a mim próprio? O que devemos fazer nestes casos?

2 - Às vezes dou por mim num sentimento de superioridade quando sigo princípios íntegros, o que fazer para combater isso? Humildade? Já tentei mas depois o ego ataca e diz algo do tipo "eu sou humilde, não sou como vocês" e o ataque é um ataque de cócegas porque eu gosto daquele sentimento de superioridade. Para dizer a verdade não sei bem se é de superioridade ou se é outro sentimento porque às vezes olho para certas pessoas que estão frustradas com coisas que para mim não vale a pena estarem frustradas e surge um sentimento do tipo "caramba, ainda bem que sou humilde e grato o suficiente para não ficar assim frustrado". 

3 - Vida Social xD
Há um ano para cá que tenho aumentado muito a minha vida social, passo os dias na escola, centro comercial, bares, restaurantes, centro da cidade e até tive a estagiar num restaurante. Apesar de até haver momentos de grande diversão e alegria, a verdade é que a maior parte das vezes eu sinto-me como um peixe fora de água xD porque olho à minha volta e a sensação que tenho é que as pessoas estão a ser falsas do tipo, é o fumar para dar nas vistas, o ficar bêbado para dar nas vistas, o tomar café para parecer adulto, é a maneira como se vestem para se acharem superiores, até as próprias conversas eu raramente me enquadro nelas. Não tenho nada contra quem fuma nem contra quem bebe aliás eu adoro beber as minhas caipirinhas xD e de vez em quando bebo um café, não é isso que está em causa, mas sim as pessoas em si. Tipo eu até que adorava essa vida se as pessoas fossem como eu desejo xD mas como não as posso mudar xD não posso fazer nada, mas vou continuar com a minha vida social, ainda não consegui ir a uma discoteca precisamente por ter a ideia de que as pessoas que frequentam aquilo vão para lá para beber shots de aprovação xD mas ainda vou me aventurar numa para ver se desfaço essa minha crença.

Obrigado Pedro, um Abraço!!

Não perca brevemente mais perguntas de Miguel Stallone num cinema perto de si!! :) "


Resposta, comentários:

1 - Não és obrigado a enviar fotos íntimas tuas a ninguém, mas se queres ter experiências excitantes com mulheres pela internet, então enviar fotos desse género é algo que por vezes terás de fazer. Nesse contexto acobardaste-te e sabotaste-te. O que eu não sei é se o perfil dessa rapariga era verdadeiro, ou se era alguém a gozar contigo. Tens a certeza que era um perfil real, de uma mulher real? Se sim, e se querias ter algo excitante com ela pela internet, então perdeste uma oportunidade devido a medo.

"...de seguida ela pediu-me que lhe enviasse fotos íntimas de mim e eu, não sei bem porquê, disse que não enviava fotos íntimas..."

Não sabes bem porquê, dizes, mas na verdade sabes que foi por medo. Acobardaste-te e tens vergonha de pensar nisso e de o confessar. Provavelmente esse medo está associado a uma auto-imagem negativa, a desconforto e insegurança em relação ao teu corpo e/ou sexualidade. O ego esconde as suas verdadeiras motivações (ou inventa-as) para não ter de lidar com sentimentos de culpa e vergonha, por exemplo. Mas só admitindo todas as emoções e pensamentos que temos exactamente, é que vamos poder transcendê-los e deixar de ser limitados por eles. No teu caso foi medo, cobardia. Podias ter simplesmente arriscado, mas decidiste seguir o medo, e sabes disso, e tens vergonha disso. E depois? Isso apenas significa que és humano, nada mais. Se te mantiveres activo na internet, mais cedo ou mais tarde uma nova oportunidade surgirá e a minha sugestão é que dessa vez envies a foto que a rapariga te pedir. Tendo em conta, claro, que achas que o perfil dela é real e que te sentes atraído por ela.

2 - "eu sou humilde, não sou como vocês". haha!! O ego é um comediante ^_^

É normal que te sintas bem contigo próprio quando fazes algo genuinamente bom na vida, como por exemplo seguir um princípio íntegro na prática, através de uma escolha. É daí que vem a confiança real, e a auto-estima real: fazendo coisas genuinamente boas na vida, e não apenas coisas narcisistas, seguindo emoções negativas. Claro que depois vem o ego tentar mascar essa energia por motivos de orgulho, e sim, humildade é a solução. Não humildade como conteúdo, "eu sou humilde", mas como atitude de gratidão. Sentes-te grato por te ter sido concedido o poder de ser alguém que consegue seguir princípios íntegros, e grato pelo bem estar que isso te traz depois.

"caramba, ainda bem que sou humilde e grato o suficiente para não ficar assim frustrado"

Isso que dizes a ti próprio é uma forma de gratidão. Não estás a criticar os outros pela forma como pensam e por serem frustrados, estás apenas aliviado e grato por não seres assim e não teres esse sofrimento. O nível a seguir dessa observação seria algo do género: "Obrigado Espírito por me guiares para ser humilde e grato o suficiente para não sofrer de frustração". =)

E lembra-te sempre: é o ego que vem com essas ideias, não és tu. Tu és apenas Silêncio e Alegria. Basta estares consciente de que essas ideias vêm do ego e não de ti, e escolheres ignorá-las e não as seguir.

3 - Estás a cair em julgamentos do ego. Nem todas as pessoas fazem essas coisas por essas razões. Estás a projectar o teu próprio orgulho nas pessoas que observas na tua vida social. Se queres evoluir nessa área, é essencial que saias muito, mas só isso não chega. Estar nesses locais e ficar a observar e a julgar não te vai levar longe lol tens de te mexer! Tens de meter conversa com as pessoas, perguntar-lhes o que estão a beber, por exemplo. Falar com empregados, fazer observações, brincar um pouco, etc. A ideia é transcenderes o medo de falar com desconhecidos, e ganhares o gosto de falares de vez em quando com as pessoas que estão a frequentar o mesmo local que tu. Não és obrigado a nada, muito menos a ires falar com pessoas que não te agradam, nem a ir sair sozinho à noite para discotecas. Mas na minha experiência pessoal, falar com desconhecidos e sair sozinho para o ambiente social intenso que é a discoteca, dá-te uma certa confiança e à vontade que são essenciais para conhecer mulheres. É algo que elas irão identificar no teu olhar. É uma energia de experiência que está na presença, ou aura, tal como no pistoleiro que entra silencioso no Saloon, e sem dizer ou fazer nada, todos sentem e percebem que ele é um homem confiante e que se sabe defender. É algo que está no olhar e que não dá para fingir. Ou é real ou esquece.

Se queres evoluir na tua vida social tens de enfrentar os teus medos sociais e ganhar entusiasmo com a tua vida social, e não há como contornar isso. Se não fores falar com ninguém, paciência, não te ataques por causa disso. Mas então em vez de imediatamente achares que a pessoa está a fumar para dar nas vistas, questiona-te: "será que a pessoa está mesmo a fumar para das nas vistas? Que marca é que ela fuma? Porque está ela aqui, hoje e agora? De onde é ela? O que fará ela para se divertir? Para onde gosta ela de ir sair?". Curiosidade, e não julgamento, é o que te irá meter a mexer. Claro que estarás muitas vezes correcto nas tuas observações, é um facto que a maior parte das pessoas não são íntegras, são narcisistas e são um caso perdido ^_^ mas isso não significa que são demónios, super-vilões ou bandidos a abater lol são limitadas e primitivas, sim, e grande parte delas é boa ideia evitá-las, mas isso é diferente de estar-se sentado sozinho a disparar julgamentos sem ter a experiência de falar com muitos desconhecidos primeiro.

4 - Ha! Não perguntaste, mas a tua principal limitação é medo, e o teu ego tenta compensar isso com orgulho. Daí os pensamentos de superioridade e os julgamentos em massa ^_^ tens de te mexer e enfrentar os teus medos com as mulheres, sexualidade e vida social, e apostar a sério na gratidão (e fazer as outras coisas que sugiro nos áudios do curso). Precisas de experiência, muita experiência. Enquanto não estiveres disposto a morrer pela tua felicidade irás sempre sucumbir aos argumentos aparentemente plausíveis do ego para evitares fazer certas coisas. Basicamente segues as suas sugestões de seguir o medo, pois todos os medos vão dar ao medo essencial de morrer. Portanto arrisca, enfrenta os teus medos, e agradece todos os pequenos avanços, sucessos, emoções positivas e momentos felizes que tiveres pelo caminho =) e salta-lhes para cima com carinho ^_^


Pergunta de leitor 2:

"Olá Amigo Pedro, boa noite!

Na minha vida tudo parece funcionar, tenho um bom trabalho, um bom relacionamento com os meus pais e amigos, mas há algo que acho que não está a funcionar muito bem, tem haver com, mulheres. Saio à noite com regularidade, já falei com imensas mulheres, mas até agora nunca consegui nada, digamos, mais íntimo com elas. Não percebo o que se passa comigo. Sou considerado pela sociedade digamos assim, como um homem bonito seguindo esses padrões, mas não compreendo o porquê de ver por exemplo homens que costumam sair com mulheres e que conseguem envolver-se com elas, e eu… nada. Não considero por exemplo estar dominado por desejo, pois não sinto aquele desespero de arranjar mulheres, sinto apenas curiosidade e um enorme fascínio pela beleza que elas têm, pela maneira como andam, olham, comem, etc. Há algo de inexplicavelmente belo nelas, e tenho pena de não conseguir, digamos, ter algo mais profundo com elas, se é que me entendes.
Como me podes ajudar? Um abraço Pedro, bem-haja!"


Resposta, comentários:

É pá, já é de noite? Então tenho de ir dormir! :D

Digamos. ^_^

Como te posso ajudar? Não sei se te posso ajudar. Isso depende do que fizeres com o que eu partilhar contigo, e se estiveres disposto a largar aquilo que te mantém nesse nível de sofrimento. O que posso fazer é partilhar contigo o que sei por experiência, e o resto será o que for, dependendo do teu karma.

Agora que já estamos todos entusiasmados, passo às explicações e clarificações :D

Teres um bom trabalho, bom relacionamento com a tua família e amigos, e seres bonito tem o seu mérito e é motivo para te sentires grato. Mas a prova dos 9, o momento da verdade, é a nossa relação com as mulheres. Exige qualidades invisíveis que essas outras áreas não requerem. Todas essas coisas vão-te ajudar a ter acesso a mulheres com vidas melhores e mais bonitas, o que é óptimo. Mas para isso primeiro tens de conhecer a mulher e avançar em termos de intimidade com ela.

"Saio à noite com regularidade, já falei com imensas mulheres, mas até agora nunca consegui nada, digamos, mais íntimo com elas. Não percebo o que se passa comigo."

Eu não sugiro que saias à noite mais que uma vez por semana. E tem em atenção com quem sais à noite. Regra geral, quando sais com amigos, nada de íntimo e puro acontece com mulheres. Algo mais íntimo com uma mulher não é algo que se consegue que aconteça, é algo que acontece por si só. Não é uma questão de como o forçar a acontecer, mas de como Ser para que mais naturalmente e facilmente possa acontecer por si só. O que se passa contigo é um certo nível de frustração por não estares a conseguir fazer acontecer com as mulheres aquilo que queres. Ou seja, desejo :D e medo, provavelmente também. Sinceramente não tenho a certeza o que queres dizer com "algo mais íntimo". Sexo? Beijar a mulher? Ligações que dão em saídas? Namoro? Estás a montar um harém em casa? :D

Calculo que queiras dizer algo amoroso, algo que possa levar a namoro. O teu obstáculo é o desejo de quereres algo mais íntimo com as mulheres. Desespero por arranjar mulheres não é a única forma de desejo que existe. Por outro lado, esses homens que costumam sair com mulheres e conseguem envolver-se com elas, isso acontece pois eles seguem a vontade de as beijar, e não o medo de serem rejeitados. O beijo é o momento da verdade, é a ponte entre o "só conversa" e o "algo mais íntimo e profundo". Portanto tens de transcender o medo de beijar uma mulher, e isso faz-se enfrentando-o. Como? Aproximando a tua cara da de uma mulher para a beijares ^_^

"...sinto apenas curiosidade e um enorme fascínio pela beleza que elas têm, pela maneira como andam, olham, comem, etc"

Queres comê-las, portanto. :D

Essa conversa é muito linda, mas é só conversa. Estás a fantasiar a atracção que sentes pelas mulheres bonitas que vês. Estás a filosofar e a fazer poesia, preso na mente. Perdido em imaginações. Guarda isso para o teu best-seller :D na vida real precisas de Ser real. Se olhas para uma mulher e a achas bonita é porque te sentes atraído por ela. As tuas intenções podem ser boas, mas o lado animal masculino funciona à mesma. Essa atracção significa que queres algo sexual com elas, e isso é normal, e na verdade bonito. Só as más intenções e desrespeito do narcisismo do ego masculino é que tornam isso feio. Sim, sentes curiosidade. Curiosidade em saber como será penetrá-las :D ganhas mais em aceitar esse teu desejo sexual e brincares com isso, do que fingir que és um anjo assexuado com um pénis de Luz LOL porquê? Porque enquanto não vires a atracção pelo que ela é, serás controlado por ela. Será algo que fantasiarás, levarás a sério, e te deixará tenso e com medo. Atracção pode levar a algo lindo entre um homem e uma mulher, para quê negá-la? Para quê ter vergonha ou medo dela? Para quê falar dela como se fosse algo que não é? Enquanto estiveres na cabeça em invenções, não estarás na mulher em amores ^_^ e terás medo de beijar a mulher. E as tuas conversas serão fracas pois já vais ter com elas demasiado sério e nervoso.

"Há algo de inexplicavelmente belo nelas..."

Sim, as mamas :D

Brinca com a atracção que sentes por elas e deixa o teu estado interior elevar-se. Estas coisas não são para dizeres às mulheres, são para dizeres a ti próprio para te libertares das limitações que te impedem de teres algo mais bonito e íntimo com elas. Se beijar uma mulher é para ti uma aventura épica de 3 filmes de 4 horas cada um, esquece lol beijar tem de ser algo normal que fazes sem hesitação quando gostas mesmo de uma mulher, quando a achas linda, depois de teres tido uma pequena conversa na qual te apercebes de atracção e entusiasmo mútuo.

Podes começar a sentir-te grato por conseguires ir falar com muitas mulheres. Sem gratidão real não vais avançar lá grande coisa, e serás mais limitado pela pressa e ânsia do desejo de ter algo mais íntimo. A mulher vai perceber que não estás a apreciar a conversa, e que queres apenas algo mais íntimo. Ora isso nem sequer faz sentido lol Só se quer algo mais íntimo e profundo se a interacção for estimulante, não chega a mulher ser linda. Se queres apenas curtes e sexo, basta a aparência da mulher, mas se de facto queres algo mais íntimo e profundo, terás de avaliar durante as conversas a essência da mulher que está contigo. Só depois é que sabes o que queres ou não queres.

Agora vem a parte chata para o ego masculino: só uma minoria das mulheres irá gostar de ti. Falas com 100, e dessas 100 só 5 ou 6 irão gostar mesmo de ti para serem tua namorada. E não há nada que possas fazer em relação a esta verdade.

Evoluir irá dar-te acesso a melhores mulheres, o que levará a melhores relações e mais momento bonitos, mas não mudará esse número (que é aproximado, isto não é linear, não é matemático). Evoluir irá permitir-te ir falar com mais mulheres, pois não será impedido por medo. Vai levar-te a ter melhores primeiras conversas. Poderá levar-te a teres mais curtes e sexo. Vai levar-te a mais satisfação a curto prazo, mas nunca te levará a haver, e a descobrires, mais mulheres que gostam realmente de ti como és.

Evolução leva a qualidade, não a quantidade, na vida amorosa.

Se fores autêntico, é isto que acontece. Felicidade só surge com autenticidade, pois só assim a nossa vida e o que experienciamos é real.

A questão do namorar é tudo uma questão de compatibilidade a vários níveis, não é só uma questão de atracção. É compatibilidade na aparência, visual, estilo de vida, nível socioeconómico, educação, tipo de personalidade, nível de consciência, princípios, etc. É fácil perceber que isto não se controla na mulher, apenas se pode descobrir uma que já seja compatível connosco a esses níveis. Se não em todos, num número suficiente que leve a namoro. Curtes e sexo de uma noite, ou de encontros quase apenas sexuais, isso é uma coisa, e para isso basta haver atracção mútua. Relações amorosas é outra história. E esta lista de compatibilidades não é algo que vais verificando mentalmente e que controlas. Quando estão presentes compatibilidades suficientes, a relação acontece espontaneamente sem haver escolha da nossa parte. O ego acredita que consegue controlar estas coisas, mas na verdade não controla nada, é uma ilusão. As coisas primeiro acontecem na realidade, há um atraso na percepção, e depois o ego diz, "fui eu que decidi!", "fui eu que escolhi!", "fui eu que fiz acontecer!", "fui eu que criei!", LOL não, aconteceu antes do ego sequer percepcionar que aconteceu, essa é a verdade da qual ganhamos consciência com o estilo de vida contemplativo.

Então o que podemos fazer? E porque conseguem os manipuladores seduzir as mulheres?

Esta verdade de que há um número pequeno de mulheres que gosta realmente de nós, é incomodativo para o ego. Porquê? Porque isto significa que o homem tem de falar com muitas mulheres, e que vai levar tempo até encontrar uma que goste dele e que aconteça o que ele gostava que acontecesse. Assim é insuportável para o ego pois tem de levar com todo o tipo de rejeições, e leva demasiado tempo a obter o que quer... nunca mais chega a validação, aceitação e sexo, caraças pá!! :D

Então o ego tem a "genial" ideia de forçar a mulher a aceitá-lo, porque ele quer o que quer, aqui e agora, e acabou-se caraças!! :D

A solução torna-se assim manipular a mulher. Controlado por desejo e orgulho, e sem consideração pela mulher, lá vai o homem narcisista todo convencido tentar controlar o que a mulher sente por ele, para conseguir o que quer dela. Que regra geral é validação e sexo. Com esta intenção vale tudo: fingir que não está interessado na mulher (quando obviamente está pois foi ter com ela lol); mentir; fingir ser um tipo de homem que não é; entretê-la com jogos e truques de magia; vestir-se de forma ridícula e/ou provocante para dar nas vistas; etc. Em essência o que ele está a fazer é tentar perceber que tipo de mulher está à sua frente, e fingir ser compatível com ela. Ele, através de espertas técnicas de manipulação e de actor, vai fingir ser do tipo de homem pelo qual a mulher que está à sua frente se sente atraída e é compatível. Claro que assim que ele pára o espectáculo, ela perde o interesse lol ele tem de estar constantemente a bombardeá-la com falsas aparências, pois se ele simplesmente relaxar e for ele próprio, ela não tem interesse nele. porquê? Porque na verdade eles não são compatíveis, está tudo a ser forçado e fingido pelo homem. Estes homens basicamente vendem a alma noite após noite, mulher após mulher. São fracos, não têm essência. Apenas fingem ser aquilo que a mulher deseja lol são vazios, e combatem esse vazio com mais validação de mais mulheres, obtida através de truques de actor. É uma pobre e triste vida de aparências. Claro que eles depois andam todos orgulhosos, pois em aparência o que fazem torna-os numa espécie de campeões da sedução. O que eles não sabem, nem nunca saberão, é a figura de parvo que fazem perante as mulheres que percebem o que eles estão a tentar fazer, e que apenas ficam a falar com eles por piedade e/ou gozo. LOL claro que vão sempre enganar muitas mulheres e aproveitarem-se da sua inconsciência, mas muitos julgam que vão fazer algo muito esperto ou sedutor, e depois são tema de conversa de gozo entre a mulher e as suas amigas, que depois contam isso a homens como eu :D mas nem precisavam de contar, pois eu topo esses idiotas à distância, e já só vou a sítios onde eles não estão presentes, ou raramente aparecem. A manhosice vê-se à distância lol o lobo em pele de ovelha só tem hipótese com quem faz o mesmo ^_^

Então que podemos nós fazer para a nossa vida amorosa ser uma experiência autêntica de felicidade?

Evoluindo vamos ver-nos livres de limitações que nos impedem de ir falar com mulheres, e de avançarmos com elas em termos físicos e amorosos. Ganhando experiência vamos ficar mais sofisticados na forma como vamos falar com elas, e como avançamos fisicamente. Porque não temos essas limitações e fazemo-lo com excelência, vamos falar com muitas mulheres e fazê-lo com muitas mulheres, o que irá acelerar o processo de encontrar namorada, ou seja, é uma questão de números. Ter namorada é uma questão de números e tentativas, até descobrirmos uma mulher que é compatível o suficiente connosco. Quando a descobrimos é inevitável: espontaneamente acontece a intimidade e a relação. Não há como fugirmos da nossa próxima namorada, é inevitável :D

É portanto uma questão de nos aperfeiçoarmos como ser humano, de autenticidade, se seguir o coração, alegria e entusiasmo inocente em vez de medo, desejo e orgulho, é uma questão de coragem, de números, de nunca tentar controlar, forçar ou manipular seja o que for, mas de apenas nos mostrarmos como somos e de expormos o que queremos com excelência.

É patético mentir só para se conseguir ter uma conversa breve com uma mulher bonita. Para quê? Para depois se contar todo orgulhoso aos amigos, "Eish consegui falar com a boazona... inventei uma peta, disse-lhe que tinha XYZ e ela ficou DUH". lol É pobre. E mesmo que a mentira seja mais sofisticada, mesmo que a manipulação seja mais complexa e o homem vá para a cama com a mulher, a satisfação e prazer a curto prazo apodrecem rapidamente, e surge culpa (que pode ser consciente ou inconsciente, e só não surge se o homem for psicopata, o que é mais comum haver do que se pensa, e mais subtil também), pois o que aconteceu foi graças a algo falso lol e isso traz um karma "lindo" :D mas isso é problema dos idiotas narcisistas sem princípios. ^_^ o verdadeiro falhado é aquele que falha na integridade.

Portanto mantém-te activo, positivo e autêntico. É normal não acontecer nada com a maior parte das mulheres. Não quer dizer que não tens valor, orgulho é uma ilusão. Quer apenas dizer que não és compatível com a maior parte das mulheres, e todos os homens são assim. Aqueles que parecem ter sucesso com muitas mulheres forçam e falsificam essa compatibilidade através de manipulação, são actores, logo o seu sucesso com as mulheres é baseado em algo falso. É um esquema do ego, não representa a realidade. A vida amorosa não é uma questão de quantidades do orgulho, mas sim de qualidades do amor. E depois cuidado com as percepções. Quando vês um homem com uma mulher, que são namorados ou estão a curtir, só estás a ver o que está a acontecer naquele momento. Não sabes à quanto tempo estão na relação, não sabes como a relação realmente é em termos de felicidade, não sabes se ele anda com outras, ou ela com outros. Só sabes o que está à tua frente naquele momento, e estar numa relação ou andar a curtir com muitas mulheres não é o paraíso garantido lol depende da tua essência, sempre. O homem pode enganar os outros com a sua aparência, mas nunca se engana a ele próprio, pois é a essência que manda. Ele sabe o que anda a fazer, e sabe que está a forçar as situações. E ele sabe que se for apenas ele próprio sem coisas decoradas na cabeça, e sem técnicas de actor, as mesmas mulheres com quem ele teve algo não quereriam nada com ele. O "fazer jogo" ou "jogar" é isso mesmo que significa: falsificar compatibilidade e forçar atracção.

Ter namorada é bom, e ter experiências com mulheres também é bom, mas não vale a pena vender a alma pois nada disso garante felicidade. É precisamente o nunca vender a alma que nos torna íntegros e felizes mesmo quando não temos mulher na nossa vida.

Sem autenticidade não há integridade, e sem integridade não há felicidade. Por isso dedica-te a sério à tua subida de consciência, aperfeiçoa-te como ser humano, sê tu próprio, sê paciente e persistente, mantém-te activo e positivo, nunca tentes forçar, controlar ou manipular, aceita a realidade e aceita o que acontecer, não vejas as rejeições das mulheres como uma questão de orgulho mas apenas como uma questão de incompatibilidade, e sê feliz solteiro, para depois teres felicidade para partilhar com a mulher dos teus sonhos.


Obrigado pelas perguntas.