AMOR

"Ensina só Amor, pois é isso que tu és"

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

High Noon, Uma Lição Em Integridade


High Noon


Uma Lição Em Integridade






Aqui está um excelente exemplo do que significa ser-se íntegro, e de como os 85% de pessoas não-íntegras se comportam perante o momento da verdade.

Contexto:

Frank Miller é um assassino libertado que se dirige de comboio a Hadleyville para se vingar do homem que o capturou e prendeu. Na estação de comboio estão à sua espera para o ajudar 3 bandidos seus amigos, que compõem a gang de Miller.

O homem que capturou e prendeu Miller foi o Marshal Will Kane. Este tinha acabado de se casar quando soube que Miller vinha a caminho para o matar, e que chegaria dali a 1 hora a Hadleyville. Kane parte em lua-de-mel com a sua esposa, mas renitente em ir-se embora, e pouco depois de partir decide parar e dar meia volta regressando à cidade para enfrentar Miller e a sua gang.

Kane deixou de ser o marshal (ou sheriff) de Hadleyville ao se casar, e o novo sheriff apenas chegaria no dia seguinte, enquanto que Miller chegaria dali a menos de 60 minutos.

Então o que temos aqui?

Kane poderia ter fugido e evitado Miller e a sua gang, mas o seu sentido de responsabilidade perante a cidade fá-lo regressar. Miller não iria apenas matá-lo e depois ir-se embora pacificamente com a gang lol numa cidade sem ninguém a fazer cumprir a Lei, Miller iria aproveitar-se e os cidadãos desta iriam obviamente sofrer todo o tipo de abusos. Então Kane regressa para proteger a cidade, mesmo sabendo que a sua vida estava em risco. Ele também regressa pois sabia que fugindo apenas iria adiar o inevitável: Miller e a sua gang iriam caçá-lo, e essa não é uma vida livre. Então prefere enfrentar a realidade agora, e não fugir a esta.

Chama-se a isto coragem. 1 contra 4 não está propriamente na lista de prendas de Natal do ego =) Kane já não era o sheriff, e podia ter fugido, e quem sabe Miller nunca o encontrava, mas por uma questão de princípios regressa a Hadleyville para enfrentar a gang de Miller e volta a colocar a estrela ao peito para proteger a cidade. O que acontece a seguir é a previsível, mas chocante, atitude dos 85% não-íntegros.

Will Kane percorre a cidade para formar uma posse (grupo de homens armados sob as ordens do sheriff), para fazer frente a Miller e a sua gang. É o procedimento normal. A história é realista, logo Kane não é nenhum Lucky Luke que dispara mais rápido que a própria sombra, e cujos tiros dos bandidos lhe fazem ricochete nos dentes.

Então Kane, sheriff adorado na cidade por a libertar de todos os bandidos nos últimos anos, percorre a cidade em busca de ajuda. A responsabilidade é de todos, pois a cidade é de todos. E o que acontece?

Praticamente ninguém o aceita ajudar lol 

Eis a fantástica gratidão dos não-íntegros =D

O homem que tanto os ajudou no passado, permitiu com o seu esforço e dedicação que eles tivessem uma cidade livre de crime, regressa para os proteger mesmo já não sendo o sheriff oficial... e eles simplesmente recusam ajudá-lo, haha! Aqui está uma lição sobre quase todas as pessoas do mundo: quando chega o momento da verdade, vão-te desiludir.

Todos na cidade têm a razão perfeita para não o ajudar, mas tudo se resume a cobardia e ingratidão. E todos o adoravam, com as palmadinhas nas costas, e falsos sorrisos. Todos na verdade queriam a aprovação e ajuda de Kane, mas ninguém era na verdade seu amigo.

Há uma meia dúzia que se oferecem para ajudar Kane, mas um era apenas um miúdo de 14 anos, outro um bêbado sem 1 olho (Kane agradece mas recusa a sua ajuda), outro um homem genuínamente grato e entusiasmado em ajudar Kane, mas ao saber que mais ninguém vinha em seu auxílio não teve coragem de continuar, e outros 3 (ou 4) na igreja são facilmente convencidos por um idiota e cobarde discurso.

Todos os outros recusam ajudá-lo, todos com as suas perfeitas desculpas para não o fazer, havendo até aqueles que fogem da cidade. Cobardia e ingratidão é a essência e verdade que está por detrás de todas as desculpas dadas. Uns até se revelam amigos de Miller lol e é esta a verdade sobre 85% das pessoas que vive neste planeta: chega o momento da verdade e o lobo disfarçado de ovelha vem ao de cima. E houve aqueles que até ficaram chateados pelo regresso de Kane à cidade, pois isso iria trazer problemas, e queriam que ele fugisse. Cá esta o ego em acção a tentar destruir a Integridade. O ego odeia a verdade, logo está contra a atitude heróica de Kane.

Então como é, vamos ser amigos deste pessoal magnífico? Vamos aprová-los, validá-los e ter interesse neles? Vamos concordar com este tipo de atitude como se fosse bonita e de valor?

Nops! =)

Se queres ser íntegro, não. No mundo o que há de bom e bonito só vem de Integridade, logo se valorizas o que há de bom e bonito no mundo, tens de o proteger dos lobos disfarçados de ovelhas.

Não é odiá-los ou desejar-lhes mal, ou castigá-los... é identificá-los e rejeitá--los. A crença de que as pessoas podem mudar é apenas uma fantasia: um tubarão nunca se irá transformar num golfinho... um lobo nunca se irá transformar numa ovelha... uma cobra nunca se irá transformar num gato. As coisas são como são, têm uma essência, e é através da essência que discernimos no momento (Realidade) que podemos fazer as escolhas mais certas, e não imaginando um futuro hipotético, o que é desastroso. Uma pessoa só muda, evolve e se torna íntegra quando o quer mesmo, quando o esforço é intencional e diário, o processo é doloroso e difícil e pode levar 1 ou mais vidas. Quem de facto está neste caminho sabe como é lento e difícil, mesmo com uma dedicação sincera, esforçada e diária, logo sabe que uma pessoa que nada faz para evoluir jamais irá mudar para melhor e se tornar íntegra em semanas ou mesmo anos lol logo a escolha sábia é aprender a discernir os não-íntegros, evitá-los e se necessário rejeitá-los.

Então sabemos que um tubarão é em essência um predador carnívoro, e jamais se transformará num golfinho amoroso. Percebemos então que é inteligente evitar ir nadar onde há tubarões, por razões óbvias. Logo é estúpido - repito, estúpido - primeiro, ver o tubarão como um animal inofensivo, pois ele não o é. Distorcer a verdade, ou negá-la, ou pintá-la de cor-de-rosa é estúpido lol porquê? Porque se a verdade é que a curva é à direita, é estúpido virar à esquerda pois as consequências são desastrosas. Logo é estúpido ir mergulhar onde há tubarões, pois a essência deles é o que é. Segundo, esqueci-me, haha! Seja como for, o tubarão não quer abraços, quer a nossa perna como almoço =) essa é a verdade, e é com isso que temos de trabalhar. Ah, a segunda atitude estúpida é achar que se está acima das consequências, ou seja, que se é especial e porque se tem todo este amor e boa intenção perante o tubarão, que ele se vai tornar nosso amigo verdadeiro. Nops! haha ele vai é perceber isso e aproveitar-se da nossa ridícula vulnerabilidade: almoço mais fácil. Logo é estúpido =)

Os não-íntegros apenas são travados com a atitude dura e implacável do auto-respeito. Atitude essa que vem de integridade, integridade esta que Vê que estes não vão mudar (logo o narcisismo e desrespeito são constantes e para sempre), então a decisão mais inteligente é rejeitá-los. Tentar mudá-los, não os vai mudar. Esperar que eles mudem, não vai dar em nada. Atitudes de amor, tolerância, bondade, generosidade, não os vão transformar em seres humanos decentes e íntegros. A verdade é que se te colocas indefeso e ao seu dispor, os não-íntegros vão-se aproveitar de ti, desiludir-te, sabotar-te a vida, destruir-te o que tens de bom e bonito, e basicamente fazer-te sofrer como passatempo regular. Portanto temos de ser duros e implacáveis com eles, se de facto valorizamos o que há de bom e bonito no mundo, pois são eles que o tentam destruir. Aceitar pessoas não-íntegras na nossa vida é concordar com tudo o que há de mau no mundo. É aceitar essa forma de ser, esse campo e nível de energia, essa essência como algo bom, fixe e na boa lol É como se o sheriff visse o bandido a roubar/matar/violar e achasse que isso fosse lindo, útil, benigno e aceitável, e o deixasse livre pois hey, as pessoas podem mudar, hahaha! hahahaaa!!


(3 dias depois de poderosas gargalhadas...)

Nota: Para o humano comum, é fácil reconhecer os crimes físicos ou materiais, mas a sua consciência não é elevada o suficiente para discernir os "crimes" emocionais, mentais e espirituais.


Em Will Kane temos um exemplo a seguir. Um verdadeiro herói, um homem íntegro e corajoso, que mesmo sem ajuda decide ficar na cidade e enfrentar a gang de Miller, 4 contra 1. E o mais fantástico do filme é que Kane não anda de um lado para o outro da cidade como se nada fosse. É possível vê-lo preocupado e cansado, mas mesmo assim firme na sua escolha, fiél aos seus princípios. Ele é humano, sente emoções humanas, mas é íntegro, logo as suas escolhas não são controladas pelas suas emoções. Ser íntegro não é ser-se um robô que nada sente e que segue uma programação mental e fria de "boa pessoa" lol pelo contrário, por se estar mais consciente sente-se mais que as pessoas que são controladas pelas emoções. A diferença é que há agora um Poder Elevado que guia e orienta as escolhas, pois a pessoa íntegra não "vive" nas ilusões do ego, mas está sim consciente destas, e vive na Realidade. Por estar mais consciente da Realidade (que é o mesmo que o Espírito), sabe o que fazer, e é a Realidade que segue, e não as emoções/ilusões do ego.

Portanto, mesmo com medo, Kane escolhe fazer o que está certo fazer. Ele fica e vai enfrentar os bandidos, sabendo que pode muito bem acabar morto. Não vou contar como o filme acaba, mas adorei o final pois considero-o simples e realista, com mais bons exemplos e lições.

Então no caminho para a Integridade primeiro temos a coragem de ser honesto, depois a coragem de agir (fazer o que está certo). Temos também a lealdade aos princípios, e a responsabilidade de proteger o que há de bom e bonito na nossa vida. E ao mesmo tempo a denúncia da falta de integridade e a sua rejeição.

Porquê?

Porque a felicidade e Beleza que o ser humano íntegro experiencia no seu dia-a-dia são valorizadas. O ser humano íntegro tem um ego como todos os outros, mas não é escravo deste. Logo consegue fazer escolhas que não são narcisistas. Logo consegue ter verdadeiro respeito, pois consegue largar os seus desejos, emoções e ideias para não prejudicar o bem estar e felicidade de outra pessoa, muito menos irá manipular e usar alguém para satisfazer algum desejo narcisista. Integridade significa consciência do que se passa em nós, em vez da típica repressão e negação. E porque temos consciência do ego e da sua programação animal e emoções, estas já não nos controlam, apesar de ainda as sentirmos. É então um alinhamento com a Verdade, logo existem menos limitações/obstáculos/bloqueios à energia do Espírito, logo tem-se mais energia o que nos faz imediatamente sentir melhor e conseguir não só apreciar o que a vida tem de melhor, como lidar com o que a vida tem de pior. E é uma experiência tão maravilhosa que o ser humano íntegro é incapaz de trair a sua fonte de felicidade (Espírito), e os seus princípios, mas sim sente uma responsabilidade em os proteger, mesmo que isso custe a sua vida. Ele é assim espontâneamente pois é esse o seu real nível de consciência e essência, ele não planeia ser assim, não se força a ser assim, e não acede à memória de textos lidos para agir assim. Ele é assim automaticamente. E porque espontaneamente aprecia e valoriza o que lhe traz esse grande nível de felicidade, ele protege-o, e protege aquilo que de bom e bonito vem deste. Logo ao discernir aquilo que odeia esses princípios, que ataca quem é íntegro e que quer destruir o que tem de bom e bonito na vida, evita-o e rejeita-o, pois é um perigo real e genuíno, é algo genuínamente mau, do qual é normal não se gostar e no qual é normal não se ter qualquer interesse.

Das dezenas de Westerns que já vi, Will Kane é sem dúvida o meu sheriff, ou marshal, favorito =)



1 comentário:

Andre Ramos disse...

High Noon - O titulo em Português devia ser Gang dos covardes. hehe

Toda população não fazia um.