AMOR

"Ensina só Amor, pois é isso que tu és"

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

"5 Formas de Transcender o Orgulho"


"5 Formas de Transcender o Orgulho"


Uma pequena lista para ajudar a ultrapassar o estado de orgulho, e deixar de ser controlado e limitado por esse impulso animal narcisista. Estes 5 princípios têm de ser aplicados diariamente para que se dê uma mudança e subida de nível de consciência real e permanente.



Por nenhuma ordem em especial:



1 – Entre ter razão e ser feliz, a tua escolha tem de ser, ser feliz. Não tenhas medo de estar errado, deixa os outros ganhar e ter razão. Liberta-te dessa prisão e falsa necessidade. Evita conversas que nada mais são em essência do que duelos de opiniões, desvaloriza qualquer tipo de discussões. Pára de tentar convencer seja quem for, do que for. Escolhe conversar não pela emoção narcisista de ter razão e derrotar verbalmente alguém, de ser o certo entre os 2 (ou quem estiver a conversar), mas escolhe sim conversar pela alegria e humor que são possíveis em trocas de palavras íntegras e humildes. Ter razão é uma ilusão que jamais te fará feliz, e irá afastar de ti pessoas agradáveis e momentos bonitos. A intenção por detrás de uma conversa, de falar, tem de ser mais elevada e bonita, e não egocêntrica.


2 – Não procures ser melhor que alguém ou superior a alguém, seja em que for, seja de que forma for. E se fores percepcionado como inferior, e depois? E se fores considerado o mesmo que os outros, igual aos outros, e depois? A breve e doentia sensação de ser melhor ou superior a alguém em nada se compara à infinita e extraordinária sensação de paz que vem do facto de largarmos a falsa necessidade de sermos admirados ou vistos com estatuto superior. Toma as tuas decisões não para seres percepcionado como melhor ou superior, mas sim para experienciares paz, alegria ou amor.


3 – Larga o desejo narcisista de ser notado e especial. E se fores ignorado e comum, e depois? O ser especial é uma ilusão, ninguém é especial. Todos somos o Espírito, logo ninguém é especial, todos somos o mesmo e temos o mesmo valor, ninguém se destaca. Querer ser especial e notado pelos outros é seguir uma ilusão que leva à auto-destruição e à constante preocupação com o que os outros pensam de ti lol Ser ignorado é ser deixado em paz para seres tu próprio e experienciares o que preferes na vida. Ser comum é ser simples e viver tranquilo. Valoriza a tranquilidade e a verdade de uma vida simples, agradável e bonita.


4 – Escolhe humildade e recusa, rejeita, larga e deixa para trás tudo o que estiver relacionado com vaidade e orgulho. “Só sei que nada sei”, deve ser levado a sério, pois o ego, por ser uma ilusão, nada pode saber lol e sem o Espírito, sem a sua ajuda, nem evoluis, nem sobes de nível de consciência, nem nada de bonito, bom, agradável e útil é-te possível acontecer. Só o Espírito tudo sabe, pois tudo é. E se somos um, fará algum sentido nos querermos destacar dos outros? Se queremos proximidade na vida e intimidade a todos os níveis, fará sentido querermos ao mesmo tempo ser diferentes e melhores que alguém? Não faz lá muito sentido lol o apropriado é sermos humildes e não termos nenhuma atitude de busca por destaque ou de vaidade. E que tal em vez de sermos vaidosos, sermos bondosos. Em vez de caçarmos elogios e a admiração dos outros, darmos elogios e procurarmos admirar os outros, e amá-los tal como são? O caminho da vaidade e orgulho pode saber bem a curto prazo, como todas as outras ilusões do ego, mas a longo prazo as consequências são horríveis. O caminho da humildade irá trazer-te paz constante, assim como alegria inocente e amor incondicional, estados que não dependem de circunstâncias exteriores, e não mudam com estas. Só largando a vaidade e o orgulho poderás descobrir o que de melhor e mais bonito a vida tem para oferecer, e as sensações espontâneas mais extraordinárias, pois estarás a largar limitações doentias do ego que te afastam de tudo e todos, e a deixar a energia do Espírito percorrer-te e guiar-te, aproximando-te da Realidade, onde tudo e todos estão, e tornando-te no Amor sempre feliz que sempre foste e és, mas de que não estás agora consciente, devido ao teatro mental e emocional de ilusões convincentes do ego.


5 – Escolhe silêncio em vez de dar as tuas opiniões individuais, egocêntricas e narcisistas. A Verdade é mais importante que qualquer opinião individual, pois opiniões vêm de percepção e percepção não é a realidade/verdade, mas sim uma interpretação equivocada, errada, distorcida e incompleta da realidade/verdade, cujo grau ou percentagem de verdade depende do nível de consciência de quem dá a sua opinião. Verdade descobre-se no Silêncio do Espírito, e não nas palavras de alguém que acha que sabe e quer ser visto como aquele que tudo sabe.


Logo, a cura é Humildade. Dá apenas a tua opinião quando te a pedirem, pois se não te a pedem acontecem 2 coisas extraordinárias: primeiro descobres que ainda não há verdadeira sabedoria em ti no tema em questão, e tens a oportunidade de ouro de te dedicar a esse tema e área, e evoluir. Porque quando há verdadeira sabedoria em nós, a realidade demonstra-nos isso, através das perguntas genuínas e pedidos de ajuda concretos das pessoas que nos rodeiam. É o aluno que cria o mestre, e não o mestre que se auto-entitula e angaria alunos à força lol


Depois descobres também que as pessoas com quem te dás, sais e passas tempo não querem saber do que pensas. Uma pessoa narcisista nunca quer saber do que pensas, mas apenas do que ela pensa, e do que pensas dela – se a achas superior ou inferior a ti lol são um caso perdido e uma perda de tempo, pois são orgulhosas e o orgulho é o grande obstáculo a toda a aprendizagem e evolução. O orgulhoso jamais admitirá que tem algo a aprender, a não ser que essa inconsciência ou ignorância lhe tragam um sofrimento atroz. Aí a pessoa fica disposta a começar a largar o ego e a deixar entrar a sabedoria do Espírito, ou seja, procura uma nova forma de ser, que lhe traga experiências e emoções mais agradáveis e estimulantes. Há pessoas cujo egocentrismo nem incomoda assim tanto, mas mesmo assim, é muito importante que vivas atento a elas e estejas disposto a deixá-las para trás para sempre, brevemente no futuro. Outras, como as orgulhosas narcisistas que descrevi acima, nem percas tempo, não hesites, elimina-as já da tua vida, pois elas, tal como o teu ego, estão a impedir-te de experienciar o melhor da vida, e com elas por perto, jamais conhecerás as pessoas extraordinárias e agradáveis que poderias conhecer, com quem os melhores momentos, humor, intimidade, amizade e saídas são possíveis.


No estado silencioso de contemplação descobrirás a verdade, e para amar alguém basta contemplá-lo, enquanto estás consciente do contexto em que ambos se encontram. Dar a nossa opinião quando não solicitada apenas solidifica as ilusões do ego que te fazem sentir coisas como medo, tristeza, incerteza, frustração, preocupação, impotência, vergonha e que te impedem de ter uma vida simples, calma, bonita, alegre, agradável em que conheces pessoas e tens ligações verdadeiras com elas, que são humildes, alegres, atenciosas, bondosas, gratas, optimistas, entusiasmadas, interessantes, tranquilas, sinceras, inteligentes, espontâneas, bem intencionadas, inocentes, etc, etc.
O medo de ir dizer olá a uma mulher bonita tem como origem o estado de orgulho. O ego tem medo que a sua falsa auto-imagem de perfeição seja destruída pela rejeição. O homem humilde não tem esta limitação pois orgulho não é a sua prioridade. Para conhecermos uma boa mulher, capaz de nos amar como homens, temos de primeiro deixar o nosso orgulho morrer por amor.
-
Queres deixar de ser controlado e limitado pelo orgulho de uma vez por todas?
Interessado numa educação mais avançada e detalhada sobre como ser atraente, iniciar conversas, conhecer mulheres, experienciar intimidade, namorar, tornar-se Amor e espiritualizar a vida para alcançar Alegria e felicidade? Dá uma vista de olhos aos cursos do Cool Vibes:

COMO ATRAIR E CONHECER MULHERES
CURSO ONLINE NÍVEL 1


«Como Ser Naturalmente Atraente, Iniciar Conversas e Conhecer Mulheres»

14 ebooks + 6 meses de email coaching personalizado

Mais informações em:

http://coolvibesblog.blogspot.com/2011/04/curso-online-como-atrair-e-conhecer.html

* * * * *

COMO TER UMA VIDA AMOROSA ALEGRE
CURSO ONLINE NÍVEL 2


«Espiritualidade / Aumento de Consciência / Como Atrair, Conhecer e Amar a Mulher dos teus Sonhos / Intimidade e Relação Amorosa / Vida Social / Afirmações, Visualizações, Meditação, Contemplação e Exercícios»

8 áudios / 9 horas de mp3 + 6 meses de email coaching personalizado

Mais informações em:

http://coolvibesblog.blogspot.com/2011/06/como-ter-uma-vida-amorosa-alegre-curso.html

15 comentários:

Anónimo disse...

Muito bom pedro.Tenho uma pergunta:
na escola,sinto-me mal e triste quando no intervalos das aulas,as pessoas se levantam e conversam entre si ,aparecem ,brincam e eu nao,fico parado preocupado em encontrar assunto ou piada.Com as mulheres é a mesma coisa,sempre deixando falar com elas para o amanham,adiando,adiando.Gostaria de saber como sair disto
obrigado

Telmo - Guarda disse...

Tenho a dizer que foi mesmo a tempo que li isto, por um tríz que me metia com uma rapariga que iria bloquear a minha miserável evolução, ainda assim :D obrigado Pedro! Coragem, ai vamos nós :D:D

MB disse...

Que excelente Post
Grande abraço.

Anónimo disse...

Pedro,gostaria de dar uma sujestão para fazeres um audio ou post,ou varios posts sobre como funciona o feminino
abraços brasil ;)

Anónimo disse...

Sou o Freitas aqui do Brasil, tudo bem pedro? A alguns anos atras comecei a pratica de meditação apenas por gostar e nada mais, porém ao conhecer o Cool Vibes fiquei curioso quando comecei a ver você falar sobre o silêncio na mente e percebi um silêncio em minha mente ou seja, comecei a percebe-lo de forma consciente e ter noção da boa qualidade de vida que isso nos proporciona.
Hoje em dia continuo meditando e agora contemplando a todo momento, todas minhas perguntas acabam sendo respondidas, ou por você Pedro aqui pelo Cool Vibes, ou por uma voz interior que comecei a escutar no meio do silêncio.
Não estou namorando no momento, mas na rua, na faculdade, no transporte público é muito gostoso a minha relação com os olhares das mulheres e elas em si, como você diz em seus audios, elas percebem mesmo algo forte no olhar masculino, é como se fosse até mesmo um sexto sentido feminino.
Mas enfim ainda tenho muito que andar pra frente, aguardo sempre seus posts e audios, e me observo bastante para não cometer um erro mais de uma vez.
Gostária que você falasse mas sobre a vida pós silêncio, aqui no Brasil só achei livros dos autores que você recomenda em Inglês.
Termino aqui lhe parabenizando por esse grande trabalho que é o Cool Vibes.

Um Grande abraço Brasileiro

Anónimo disse...

É normal uma pessoa deixar de sentir interesse em sair para discotecas?

Ultimamente, enquanto tenho saído para discotecas e festas tenho-me sentido meio desinteressado. Talvez os meus amigos também não sejam os 100% adequados. Só que a diferença é que eu aqui há uns tempos ia todo motivado e bem disposto, e agora vou no ir, sem qualquer êxtase.

É normal durante o caminho deixarmos de nos interessar para ir para estes eventos nocturnos?

Anónimo disse...

Olá Pedro.

Acompanho o seu blog a mais de um ano e só tenho a lhe agradecer, realmente ouve uma mudança muito grande em mim principalmente em relação a confiança em mim mesmo e as mulheres. No começo eu me importava mais com os teus videos falando sobre linguagem corporal, atração natural, coisas mais ligadas a atrair mulheres, coisa que era praticamente inexistente na minha vida, e o que aconteceu comigo foi quase "magica", foi uma mudança realmente muito grande.

No começo desse ano foi que eu comecei a me dedicar a estudos mais ligados a espiritualidade, vi o filme do Segredo, vi videos e li livros do Eckhart Tolle, do Neale Donald Walsch, e também os teus videos falando sobre evolução de consciencia e etc. Procuro por em pratica os ensinamentos, principalmente o de ficar presente no momento o que pra mim é muito dificil, já que sempre me perco em pensamentos com muita facilidade, mas percebo que aos poucos eu estou melhorando nesse aspecto. Também deixei de ver os filmes mais violentos tipo a franquia Saw, filmes de exorcismo ect, ainda vejo alguns filmes que contem violencia, mas os piores (que eu adorava) eu deixei pra trás.

Mas algumas coisas me incomodam, alias, eu acho que o que mais me incomoda é não saber se certas coisas estão ligadas a evolução espiritual ou não. Por exemplo, tem dias que eu fico muito desanimado, eu estou no onibus voltando da faculdade tento ficar ao maximo presente no momento e me bate um desanimo e até um certo cansaço, e isso vem acontecendo já a bastante tempo e não muda, eu não sei se estou realmente a evoluir. Algumas outras coisas que eu gostava de fazer meio que perderam um pouco da graça, eu percebo que ano passado quando eu só estudava temas de linguagem corporal, eu ficava bem mais animado e energico, e parece que os ensinamentos mais ligados a espiritualidade meio que "brecaram" isso. Lembro ano passado lugares que eu entrava e logo já recebia olhares das mulheres elas já vinham pra perto de mim eu tinha energia pra ir puxar papo com elas, e parece que eu perdi um pouco disso.

Alguns aspectos fisicos também aconteceram, eu percebi uma pequena queda no desejo sexual e ano passado (onde eu ainda não estava tão empenhado na espiritualidade) durante um tempo eu sofri com uma dor no peito, pensei que era problema no coração, mas fiquei na minha não fui a medico nem nada, e passou, vi nos comentarios esses dias um rapaz falando sobre isso e vi sua resposta, não sei se o meu caso é igual o dele mas foi bem parecido. Não sei se isso tem relação com o ego ou se é coisa do meu corpo mesmo. Gostaria de saber a tua opinião. Muito obrigado.

Anónimo disse...

Quando estamos tristes, admiti-mos aos outros certo...
Mas não é necessário explicar o porquê de estar triste ou é?
porque aí esta-mos a roubar energia a quem nos ouve.
é isto?

Abraço :)

Ruben A. disse...

O Pedro tem é que fazer uma workshop :)

Pedro C. disse...

lol lê o Cool Vibes todo. Tudo no Cool Vibes te ensina a tornar numa pessoa socialmente normal, alegre, com temas de conversa. E principalmente lê os últimos posts e pratica o que lá está, sobre "5 Formas de Transcender...".

E vais ter de arriscar e entrar em acção. Felicidade não é para cobardes, vais ter de enfrentar os teus medos e meter-te nas conversas. Se não sabes o que dizer e não tens piadas, interessa-te pelas pessoas e faz-lhes perguntas. Pensa menos em ser o centro das atenções numa conversa e mais em como servir alguém e dar-lhe algo através de uma conversa.

João F. disse...

Estes posts vão continuar para os outros níveis de consciência?

Estava a adorar :D

Anónimo disse...

Olá Pedro, como vai?

Não entendi algo que disse. Como assim NINGUÉM é especial?
Prefiro pensar que TODOS nós somos especiais. Cada ser humano é único e tem um valor infinito.

Agora, se todos tem o mesmo valor, o que diferencia um dos outros? Se eu não roubo e não mato e não traio, o que me diferencia da pessoa que rouba, trai e mata? Se todos tem o mesmo valor, onde está o objetivo da evolução?

Nós evoluímos para nos tornarmos pessoas melhores não é? Se nenhuma mulher é especial, porque ou pra quê escolher alguma de qualidade, se todas tem o mesmo valor? Qual é o sentido de se relacionar com uma mulher de qualidade se uma que rouba e mata tem o mesmo valor que a mulher integra? Se todos tem o mesmo valor que diferença faz ser uma pessoa boa ou má?

Que valor é este de que falas? E qual Verdade é esta de que tanto falas?

Desde já agradeço a atenção e a resposta.

Um abraço

Pedro C. disse...

Sim, é normal uma pessoa deixar de sentir interesse em sair para discotecas.

Ao longo deste caminho perdemos interesse por umas coisas, ganhamos por outros, voltamos a interessarmo-nos por coisas que pensavamos ter largado no passado... não importa, aprecia o momento e continua com a intenção de te tornares Amor.

Assim como há interesses que perdemos e ganhamos, há altos e baixos no nosso estado interior. Chama-se a isso sermos humanos lol

Pedro C. disse...

Quando estamos tristes, se nos perguntam "estás triste?", admitimos que sim.

Se depois nos perguntarem "porquê?", dizemos porque achamos que estamos tristes.

Se não perguntarem nada, podemos revelar que estamos tristes, para nos tornarmos íntegros, mas não explicamos o porquê nem aprofundamos o tema se não nos perguntarem "porquê?" a seguir. Porque sim, estariamos apenas a consumir a energia da outra pessoa, e não estariamos a trazer nada (energia) ao momento.

Pedro C. disse...

É óbvio que não consegues compreender o que quero dizer com ninguém é especial pois todos temos o mesmo valor, e isso deve-se ao teu nível de consciência actual, no qual essa verdade é completamente distorcida pela percepção equivocada do ego.

Especial é o que o ego quer ser lol pois especial implica individualismo, ser diferente de algo, separação, ser melhor que... é uma questão de orgulho.

Ora se só existe o Espírito e o ser humano individual é uma ilusão... ninguém é especial, todos temos o mesmo valor, pois todos na verdade somos o Espírito.

Agora, há níveis de consciência diferentes dentro da ilusão. Há pessoas que estão mais conscientes do Amor e que somos todos o Espírito, e há outras que estão menos, e outras muito menos lol

Por exemplo, tu ainda acreditas em separação e seres individuais. na verdade, não estás mínimamente interessado em verdadeira espiritualidade. Aquilo que defendes logo é a percepção do ego de especialidade, resistes à verdade de que não há como ser especial, isso é uma ilusão.

E confundes completamente o que valor quer mesmo dizer. Todos temos o mesmo valor, isso vem do Espírito. Valor não é algo que tu atribuis segundo o teu julgamento do que alguém faz. Não podes tirar ou adicionar valor a ninguém, podes pensar que consegues, mas o valor é fixo e igual em todos nós.

O que podes fazer é escolher subires de nível de consciência, e apenas te relacionares com pessoas com mais consciência e energia, alinhadas com princípios mais elevados. Não porque têm mais valor (lol) mas porque estão mais alinhadas com Amor, são presenças mais agradáveis, e se (e volto a dizer, se) realmente te queres tornar Amor, largar a ilusão do ser individual e alinhares-te com a Verdade (Espírito), é isso que realmente te interessa: pessoas com a mesma intenção.

Falta-te muita experiência e dedicação espiritual. A tua mente jamais compreenderá isto, e ainda não sofreste o suficiente para estares disposto a começar a largar as ilusões do ego e subires a sério de nível de consciência.

Este não é um caminho de meras ideias, imaginação e pensamentos lógicos, é um caminho de experiências reais.