quinta-feira, 31 de maio de 2012

“Como Evitar Mulheres Narcisistas Materialistas Que Se Aproveitam Do Dinheiro e Fraqueza Do Homem”


Pergunta de leitor:



“Pedro, de acordo com as minhas experiências com as mulheres, sobretudo, aquelas mais maduras, tenho notado que elas querem coisas concretas. Ou seja, as mulheres já não acreditam nas promessas independentemente destas serem sinceras ou não. Elas querem coisas palpáveis e reais. Até aí, tudo bem. O problema é que algumas mulheres se aproveitam das boas intenções e da benevolência do homem para tirarem o máximo proveito possível e, para, logo depois de estarem completamente saciadas, fugirem sem deixar rastos. E, isto deixa qualquer homem completamente desiludido. Pedro, estou a falar por experiência própria.”





Resposta, comentários:



A mulher apenas se consegue aproveitar do homem porque ele deixa. E o homem deixa porque está a dormir =D



Só um homem de nível de consciência baixo é que se deixa enganar assim. Só subindo de nível de consciência é que vamos ter a sabedoria e energia suficientes para não cair nesse tipo de situações.



Será que elas são mesmo mulheres mais maduras…? Podem parecer mas não ser.



Sim, há mulheres que querem coisas concretas, palpáveis e reais. Mas não serão essas, coisas apenas materiais também?



Eu não sugiro fazer promessas. Ou se faz as coisas no momento ou não se fala no assunto. O que importa é viver e experienciar o momento presente com a mulher, e não falar sobre um futuro que ainda não existe, ou seja, prometer isto e aquilo. A vida é agora, o Amor Ama Agora. Não é amanhã, nem daqui a 1 ano. Portanto a meu ver (mas posso estar errado), nem sequer faz sentido fazer promessas, e promessas não fazem subir a energia e qualidade do convívio que temos com a mulher, que é o mais importante de tudo. Que tal humor em vez de promessas? =)



É normal ficarmos um bocado desiludidos quando descobrimos que afinal aquela mulher atraente não é de confiança, é narcisista, ou não tem o que é necessário para uma relação minimamente agradável e alegre. Mas daí a sermos usados, abandonados e ficarmos completamente desiludidos… vai muito, e não é normal, digamos assim.



O homem entra a Amar, ou seja, a dar. A esquecer-se dele próprio e a contemplar a mulher, tendo como intenção proporcionar-lhe o melhor momento possível, trazendo ao presente energia e alegria, por exemplo. O homem procura servir e proteger a mulher, oferece-lhe o café por exemplo. Mas o homem não está a dormir! Lol o homem está atento, pois está acordado a contemplar o contexto e a mulher. Ela pode aproveitar-se dele uma vez, e tentar aproveitar-se uma segunda vez, mas à 2ª vez a porta já está fechada.



Porquê? Porque quem realmente se procura alinhar com o Amor rapidamente vê quando alguém está num nível de consciência virado de costas para isso. Ou seja, detecta logo os comportamentos espontâneos do narcisismo, e afasta-se disso pois nada tem a ver com Amor. Um homem que ainda é cego pelo ego, não consegue ver isto. Ele paga coisas à mulher pois inconscientemente está a tentar comprar a sua companhia e afecto. E a mulher narcisista percebe ele está a dormir (que é fraco), e aproveita-se, dando-lhe falsas esperanças nas quais ele acredita logo lol



Enquanto nós próprios não experienciamos um estado de Amor (Amor mesmo, e não a carência/desejo fantasiada), não conseguimos ver nos outros a sua falta de Amor pois não temos ponto de referência experiencial.



É o nosso nível de consciência que define tudo, aquilo que realmente vemos e sabemos e as escolhas que fazemos e como nos sentimos. E não é muito difícil detectar uma dessas mulheres narcisistas e materialistas pois delas nunca vem nada real lol há sempre jogos, mentiras, distância desnecessária, frieza, expressões de desinteresse subtis… mas só quem procura tornar-se e ser o mais inocente possível, sem tentar controlar o outro para obter algo dele, é que consegue ver isto.



Deixo uma sugestão: não fazer a abordagem do materialismo. A forma como nos apresentamos e damos a conhecer à mulher, mais o tipo de momentos que ela passa connosco, devem ter o mínimo possível a ver com dinheiro. Uma coisa é oferecer um café ou uma outra bebida. Outra coisa é levar de propósito a mulher a jantar fora a um sítio caro e ainda lhe levar um presente caro, etc. Aqui funciona um pouco a dinâmica do isco: conforme o que mostrarmos e apresentarmos ao início, vamos pescar um peixe diferente. Se não usarmos o isco do materialismo/dinheiro, as materialistas narcisistas vão-se afastar e não querer nada connosco. Para mim o “isco” ideal é o da simplicidade, humildade e humor, que na verdade não é um isco como já deves ter percebido, mas sim algo que realmente nos tornamos =)



É quando conseguimos que a nossa intenção seja o mais pura possível, pura o suficiente, é que detectamos quando a dos outros não é. Se essa for a nossa prioridade, e se vivermos atentos aos nossos impulsos egocêntricos de controlo, vamos detectar os dos outros. Mas enquanto não for mesmo importante para nós e uma prioridade e dedicação consistente, estamos à mercê da esperteza do ego dessas mulheres. Uma das suas tácticas de manipulação mais comum é alimentar o ego ao homem, ou seja, alimentar o orgulho e a luxúria do homem. Na verdade não se está a passar nada, é só conversa, mas para o ego do homem é como se fosse real, logo o homem é facilmente manipulado. Esta conversa que alimenta o orgulho e a luxúria do homem, fazem o homem pensar que a mulher está interessada e que a qualquer momento vai haver algo físico entre eles, mas é só fachada! Lol ou até pode vir a haver sexo, mas a mulher usa o sexo para controlar o homem e o manter à distância que quiser, e fazer dele o que quiser. Pode usar o sexo como recompensa por algo que o homem fez, o que é a intenção errada, pois sexo é algo que acontece porque ambos querem no momento, e não algo que se “dá” a alguém porque se acha que essa pessoa merece lol =D



Portanto, cautela com elogios exagerados e/ou que não fazem muito sentido no contexto em que se encontram os 2 (mau timing, palavras sem energia), e cautela com decotes e mini-saias acompanhadas de conversa sexy e olhares sensuais a mais. Ou há beijo e fazem amor ou não há beijo e não fazem amor… nunca te contentes com apenas fogo-de-artifício e promessas. Beija a mulher quando te apetecer, assim qualquer truque que ela tenha na manga para te manipular com o que referi acima cai por terra. Se aquilo que referi acima não for acompanhado por algo concreto e real, se não andarem a curtir pelo menos, a probabilidade de ela te estar a tentar manipular é grande. Dá sempre o benefício da dúvida, claro, mas fica atento. Quando a mulher quer mesmo ter algo com um homem garanto-te que não se mete com esses fogos-de-artifício nem perde lá muito tempo. As coisas acontecem, fazem sentido na forma como acontecem, sentes-te desejado (e não na dúvida), e não tens de esperar muito.



Independentemente de tudo, a vida é apenas uma espécie de sonho. Nada se perdeu pois sempre se já é tudo. Vamos acordando do sonho para o experienciarmos melhor, tornando-o mais bonito e amoroso, até que um dia acordamos de vez. Antes ser usado e abandonado por uma mulher, mas ter ido em frente e feito algo, do que andar a fugir delas e nunca fazer nada para as conhecer e experienciar uma relação a dois. A preferência é sermos Amados e não usados, claro. Mas aquilo que procuramos não está nas mulheres, apenas no Espírito. Claro que uma boa relação com uma mulher é bonito, e aprender a chegar aí é óptimo. Hoje podemos ter sido enganados, mas amanhã tudo pode ser melhor, se fizermos o que é necessário fazer para aprendermos a lição e subirmos de nível de consciência.



Obrigado pela tua pergunta!

-

Interessado numa educação mais avançada e detalhada sobre como ser atraente, iniciar conversas, conhecer mulheres, experienciar intimidade, namorar, tornar-se Amor e espiritualizar a vida para alcançar Alegria e felicidade? Dá uma vista de olhos aos cursos do Cool Vibes:

COMO ATRAIR E CONHECER MULHERES
CURSO ONLINE NÍVEL 1


«Como Ser Naturalmente Atraente, Iniciar Conversas e Conhecer Mulheres»

14 ebooks + 6 meses de email coaching personalizado

Mais informações em:

http://coolvibesblog.blogspot.com/2011/04/curso-online-como-atrair-e-conhecer.html

* * * * *

COMO TER UMA VIDA AMOROSA ALEGRE
CURSO ONLINE NÍVEL 2


«Espiritualidade / Aumento de Consciência / Como Atrair, Conhecer e Amar a Mulher dos teus Sonhos / Intimidade e Relação Amorosa / Vida Social / Afirmações, Visualizações, Meditação, Contemplação e Exercícios»

8 áudios / 9 horas de mp3 + 6 meses de email coaching personalizado

Mais informações em:

http://coolvibesblog.blogspot.com/2011/06/como-ter-uma-vida-amorosa-alegre-curso.html

6 comentários:

raonidantas disse...

Olá Pedro!

Tenho uma dúvida sobre o exercício de Contemplação.

Tu nos ensinou que o exercício é bastante simples: Devemos estar CONSCIENTES ao máximo de tudo que ocorre ao nosso redor.

Ouvir ao máximo, sentir o cheiro, os movimentos, as texturas, tudo em silêncio e com a mente silenciosa.

Porém, quando estamos plenamente consciente dos nossos sentidos, não estamos a pensar neles ? A pensar nos sons, nas cores, nas texturas? Como manter a mente silenciosa se o funcionamento dos nossos sentidos depende da mente ?

Como manter a mente silenciosa desse jeito?

Um abraço

Anónimo disse...

Olá Pedro como vai ?

Acabei de ouvir um áudio seu sobre contemplação, a 21° qualidade.
Gostaria de saber se é possível desenvolver as outras 20 qualidades não citadas apos desenvolver a 21°? vc já conseguiu desenvolver todas as 21? Obrigado.

achei um link interessante, gostaria de compartilhar falando dos principais defeitos psicológicos

http://www.gnosisonline.org/textos-especiais/lista-dos-principais-defeitos-psicologicos/

Anónimo disse...

Boa noite Pedro.
Hoje de manha fui apanhar o autocarro na paragem habitual de repente apareceu uma rapariga ela sentou-se e tinha a perna cruzada de uma maneira , depois mudou para outra posição ou seja na primeira o pé está para o lado esquerdo da segunda está do lado direito , mudança de posição tem significado diferente estando no mesmo contexto , neste caso?

Pedro C. disse...

É irrelevante o significado da perna cruzada ou da mudança de posição. Pode significar algo, ou pode não significar absolutamente nada. Se queres conhecer a mulher, sê homem e diz-lhe alguma coisa, não percas tempo a tentar ser um pseudo-detective passivo :D

Pedro C. disse...

As qualidades são na verdade dedicações infinitas. São algo em que nos tornamos, não há um final tipo "já está!" lol

Como já partilhei num áudio, humildade, inocência e gratidão são as principais prioridades (qualidades/dedicações). As 20 qualidades são uma ajuda para níveis de consciência mais baixos, tem-se de começar por algum lado. Mas depois vem a fase mais espiritual, e a espiritual a sério, e o processo é diferente.

Ter como prioridade os princípios do Amor e da Integridade, tais como a humildade, inocência, gratidão, honestidade, perdão e aceitação, em tudo o que fazemos e nos acontece, faz-nos subir de nível de consciência.

Pedro C. disse...

Raoni Dantas:

Pensas que depende, mas não depende. E o importante não são os sentidos, mas o momento. Provavelmente ainda não estás pronto para a contemplação, pois consistentemente tens dúvidas e baralhas o que é a contemplação. Na contemplação a prioridade é estar 100% consciente do momento em silêncio interior. Portanto tudo o resto é largado e deixa-se desaparecer os pensamentos, e os sentidos se necessário.

Mas não acredito que seja necessário, pois a contemplação aumenta a sensibilidade dos nossos sentidos, enquanto que os pensamentos distorcem a nossa percepção e tornam mais difícil sentir com os sentidos.

É por isso que as pessoas de níveis de consciência mais baixos precisam exagerar os estímulos para os sentirem normalmente. Um bom exemplo é ouvir música muito alto... as pessoas de baixo nível de consciência apesar de poderem ouvir bem têm a audição atrofiada pelos pensamentos, pois vivem pouco conscientes da realidade (momento), e por isso precisam da música muito alta para a sentirem normalmente. Uma pessoa de um nível de consciência mais elevado está mais consciente da realidade (momento), por isso não precisa da música tão alta para a apreciar ao detalhe e as suas subtilezas.