AMOR

"Ensina só Amor, pois é isso que tu és"

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

“As Discotecas e o Aumento de Consciência”

Pergunta de leitor:



“Olá Pedro, Feliz Natal hou hou hou kkk, brincadeiras à parte vou mandar a pergunta. Indo directamente à pergunta, você diz para sair mais de casa, frequentar mais lugares, mas em alguns lugares o ego prevalece mais que em outros, como por exemplo, balada, alguns bares, em que as pessoas não vão lá apenas para se divertir e sim para ficar com alguém, e se começarmos a frequentar esse tipo de lugares isso não poderia nos influenciar ou até prejudicar nossa evolução? Sendo que seria muito difícil encontrar alguém com pouco ego nesses lugares? Mesmo que não vamos com tal intenção. O que pode dizer a respeito? Obrigado.”



Resposta, comentários:



Obrigado senhor! Bom Natal para ti também, apesar de estar a responder à tua pergunta no final de Janeiro! :D



E Bom Ano!



E Bom Carnaval! Que será o mais apropriado :D



O ego está em todo o lado lol e depois?



Está nos teus familiares, nos teus amigos, nas mulheres que conheces, na tua escola, no teu emprego, na rua… e depois?



:D



O “pior” local onde o podes encontrar é…



…em ti! :D



Não te preocupes com o ego dos outros, isso é responsabilidade deles e só te pode influenciar e prejudicar se tu quiseres. Preocupa-te com o teu e com o teu aumento de consciência.



Eu acredito que é importante ter uma vida social saudável e sair regularmente, seja sozinho ou acompanhado, mas não tem de ser só à noite e para discotecas lol



Temos primeiro de participar no mundo e aprender a sermos seres humanos, antes de podermos alcançar níveis de consciência mais elevados, ou considerados espirituais. A vida social, tal como qualquer outra área da vida, é perfeita para enfrentarmos os nossos medos e começarmos a transcender o ego aos poucos. E não importa muito onde vamos, mas sim qual é a nossa intenção ao ir a esses sítios. Sugiro sempre cautela, nada de locais perigosos e sem o mínimo de alegria.



É verdade que há locais mais egocêntricos e de baixa energia que outros, mas não tens de ir a nenhum deles. Quanto às discotecas, o que prevalece mais, no geral mas não na totalidade, é o orgulho e a luxúria. E depois? :D



Podes ir a discotecas à vontade, desde que a tua intenção não seja orgulho e luxúria. Se a tua intenção for ir experienciar e expressar alegria com quem lá estiver e aprender lições que te ajudem a transcender o ego, o que importa o que os outros lá vão fazer? Lol



A discoteca, tal como outras actividades e locais, são largados automaticamente quando atingimos determinado e elevado nível de consciência. Até lá não faz sentido deixar de ir. Se gostas de ir vai e diverte-te, se não gostas de ir não tens de ir. É simples.



“Sendo que seria muito difícil encontrar alguém com pouco ego nesses lugares?”



É difícil encontrar alguém de egocentrismo reduzido em todo o lado! Lol este é o mundo do ego lembras-te? E tanto tu como eu fazemos parte dele :D não te acredites já superior aos indesejáveis egocêntricos, és mais como eles do que consegues ver. Primeiro terás de passar pelas lições que eles te têm a ensinar, e apreciá-los pelo que são.



Amor não pensa “ah isto é tudo egocêntrico (inferior a mim lol)”. Amor avança e expressa-se. Só depois, por experiencia real e discernimento, ao realmente conhecer a pessoa, é que escolhe continuar com ela ou não. Não é um pensamento em antecipação. “Ah é tudo muito egocêntrico, tem tudo ego a mais para mim, ser superior cósmico que sabe tanto sobre isto e eles nada!” lol



Não, primeiro tens de entrar em acção e ir lá. Tens de conviver com a pessoa e experienciá-la. Apreciá-la pelo que ela é, e só depois tomas a tua decisão. Há muitas mulheres que vão a discotecas que têm muito para te ensinar lol Por isso sê humilde e vai-lhes prestar os seus serviços, partilha a tua alegria com elas, e não penses que vais encontrar uma mulher para a eternidade lol



Esquece isso, dentro e fora das discotecas, seja onde for, não existe uma mulher que garanta uma relação para sempre. Tudo é temporário na vida, e se não sabes apreciar apenas umas curtes ou noite de sexo, também não tens energia para uma relação a longo prazo com uma mulher de consciência mais elevada. Não se pode saltar níveis, tens de aprender tudo por ordem, por experiência e não por imaginação lol



Pensa menos e entra mais em acção. Participa mais no mundo e julga-o menos. Serve mais as mulheres e julga-as menos. Não tens de ir a discotecas se não gostas, mas se gostas de ir, vai à vontade, mas não exageres. Uma vez por semana ou menos é mais que suficiente! Define uma intenção pura e inocente, vai-te divertir e conviver com os amigos. Não vás para conhecer alguém lol isso não se planeia, acontece naturalmente quando estás no local (contexto) e no estado de consciência que permite isso. Vai para beber um copo, experienciar e expressar alegria. Vai porque amas a tua vida. Vai para aprenderes lições que te ajudem a aumentar a consciência. Sê humilde e apercebe-te de que todas as mulheres têm algo para te ensinar. Seja sexualmente, seja socialmente, seja em termos de intimidade e relações… muitas delas têm muito mais experiência nisso do que tu… mas ao longe parece-te que elas têm muito ego lol não sabes isso até ires lá e conviveres com elas. E mesmo que tenham, e depois? Aprecia-las pelo que são, e aprendes a Amar com elas.



Não há muito nem pouco ego, há ego apenas. Há níveis de consciência egocêntricos. Uns estão mais no orgulho, outros no ódio/raiva, outros no desejo/carência, outros no medo, outros na tristeza, etc. Onde os outros estão é da sua responsabilidade, o importante é tu descobrires as tuas imperfeições e defeitos e trabalhares diariamente para os transcenderes. Olha para dentro em vez de para fora. Desenvolve um estilo de vida de contemplação, mantém-te humilde e procura servir as mulheres que conheceres.



Tudo se encaminha conforme a tua intenção verdadeira e o nível de consciência que alcanças. Ama e sentir-te-ás amado. É simples.



Obrigado pela tua pergunta!

* * * * *

Interessado numa educação mais avançada e detalhada sobre como ser atraente, iniciar conversas, conhecer mulheres, experienciar intimidade, namorar, tornar-se Amor e espiritualizar a vida para alcançar Alegria e felicidade? Dá uma vista de olhos aos cursos do Cool Vibes:

COMO ATRAIR E CONHECER MULHERES
CURSO ONLINE NÍVEL 1


«Como Ser Naturalmente Atraente, Iniciar Conversas e Conhecer Mulheres»

14 ebooks + 6 meses de email coaching personalizado )

Mais informações em http://coolvibesblog.blogspot.com/2011/04/curso-online-como-atrair-e-conhecer.html

* * * * *

COMO TER UMA VIDA AMOROSA ALEGRE
CURSO ONLINE NÍVEL 2


«Espiritualidade / Aumento de Consciência / Como Atrair, Conhecer e Amar a Mulher dos teus Sonhos / Intimidade e Relação Amorosa / Vida Social / Afirmações, Visualizações, Meditação, Contemplação e Exercícios»

( 8 áudios / 9 horas de mp3 + 6 meses de email coaching personalizado )

Mais informações em http://coolvibesblog.blogspot.com/2011/06/como-ter-uma-vida-amorosa-alegre-curso.html

16 comentários:

Alex disse...

Obrigado Pedro, para vc também, agora entendi um pouco melhor o que vc tenta passar aqui no Cool vibes, ainda tenho algumas dúvidas, mas vou pondo em prática, e quando eu ver que ainda não consegui entender, te mando outra pergunta, mas essa era uma das que eu ainda não tinha muito conhecimento, e não lembro de vc ter comentado algo parecido, ou eu que não percebi ou li, obrigado novamente, boa ano.

Anónimo disse...

Olá Pedro..venho acompanhando seu blog, e gosto muito do seu trabalho! Agora me surgiu uma dúvida. Durante esse caminho interior que temos que fazer, qual seria um momento ideal pra viver com uma pessoa a sós, ter filhos com ela, e dar suporte para que os filhos cresçam? Pois, seus textos passam a ideia que para que isso aconteça, temos que estar num nível beeeem mais elevado e as vezes dá a entender que vamos levar uma vida toda pra isso. Mas, surgiram algumas dúvidas. Será que pessoas com o ego ainda a flor da pele, não poderiam se relacionar? ter filhos? E manter uma união estável? Apesar dos ciumes naturais duma relação desse nível? Pq acredito que uma relação desse nivel egocentrico, apesar de n ser uma relação mega espiritual, ensinam bastante aos dois. Ainda acredito q numa relação dessas, apesar do ego, os dois possam viver harmoniosamente, um escutando o outro, apesar de alguns momento de secas e etc(acredito nisso pelo o exemplo que tenho dos meus pais e outros casais)..Me parece, que se fossemos todos, primeiro evoluir, para só depois se relacionar ao ponto de formar família...o mundo ia passar alguns anos sem ter novos descendentes..lol Será que pra formarmos uma familia, temos que está num nível tão elevado? Ou podemos nos juntar com uma pessoa com ego ainda n totalmente desfeito, apesar de ser uma pessoa sensata, e aprendermos um com o outro durante o resto da caminhada?Espero q vc tinha entendido a minha angústia. Obrigado

Anónimo disse...

Eu adoro o Cool Vibes !! DAMN
Depois de nascer, este blog é a melhor coisa que me aconteceu na vida. ahahah
Não dá mesmo hipótese. Sinto-me grato todos os dias por ele :D
Não tenho perguntas Pedro!
só obrigado ! :D
BRUTALLL

Anónimo disse...

Olá Pedro
Post muito bom!
Tenho uma pergunta.
Como deixar de querer obter validação das pessoas, mulheres etc..
Eu tento mas sei que estou a ser manhoso na minha atitude e que no fundo ainda busco pela atenção das raparigas.
Existe algum processo pratico ou exercício especifico?

Abraço e obrigado :)

Pedro C. disse...

Não entendi a tua angústia pois nunca há razão real para haver angústia :D

Podes fazer o que quiseres quando quiseres, a vida é para se experienciar. Não tens de esperar por nada.

Mas tens de largar a fantasia da boa relação entre egos... isso é impossível. Tu ainda és um ego, e se aumentar a tua consciência é a tua verdadeira intenção, terás de o transcender e isso implica, entre outras coisas, contrariá-lo (em vez de alimentar os seus desejos e ilusões).

Uma relação entre 2 pessoas de nível de consciência egocêntrico nunca é feliz, harmoniosa ou alegre, pois cada uma está na relação apenas por si própria e pelo que pode obter/ganhar com a relação e o parceiro. A essência do ego impede que a relação seja feliz e banhada com amor lol

O propósito das relações é aprendermos a amar... se for essa a nossa intenção. A relação em si não garante lições se a intenção for egocêntrica. Aliás, a relação pode tornar a pessoa ainda mais revoltada e arrogante lol e todas essas relações entre egos (chamemos-lhe assim), ou acabam sempre mal, ou se duram são desagradáveis.

As relações dos outros não são exemplo, pois não sabes o que realmente se passa dentro deles. Aparência não é essência. Ainda não tens discernimento para perceber o que realmente se passa. Tens de olhar para ti e para dentro, e descobrir a verdade sobre ti, e o teu nível de egocentrismo. E então começar a trabalhar para desfazer o teu ego e te tornares amor (e não apenas imaginar que já o és lol o que é um erro bastante comum nestes caminhos espirituais de aumento de consciência).

Nem vale a pena falar na questão dos filhos, pois 2 egos não têm consciência suficiente para ensinar a um filho como ser decente, íntegro, como amar, ser alegre e feliz... pela simples razão de que eles não o são! :D

"o mundo ía passar alguns anos sem ter novos descendentes... lol"

E depois? :D

Mas não tens de esperar. Podes-te casar e ter os filhos que quiseres. Mas lembra-te que a felicidade não vem daí, vem só e apenas do Espírito. Ou seja, depende do teu nível de consciência, que é o que define a tua experiência subjectiva. Ou seja, é o teu nível de consciência que define se tens uma boa relação alegre ou uma relação conflituosa e stressante :D

"Pois, seus textos passam a ideia que para que isso aconteça, temos que estar num nível beeeem mais elevado e as vezes dá a entender que vamos levar uma vida toda pra isso."

É verdade, leva uma vida inteira. Ou várias vidas. As boas notícias é que não há pressa! :D

Viver com uma pessoa a sós é opcional, é apenas uma experiência que se pode ter no mundo.

Ter filhos é opcional, é apenas uma experiência que se pode ter no mundo.

E todos somos livres de termos as experiências no mundo que quisermos e quando quisermos, e iremos aprender com todas essas experiências... mas as lições só nos vão ajudar a evoluir se for essa a nossa verdadeira intenção. Se fazemos as coisas apenas para nos satisfazermos, ou seja, satisfazer os nossos desejos/carências egocêntricas, as lições das experiências não terão efeito, e ficamos na mesma a andar aos círculos e a sofrer.

Felizmente a vida é um sonho e todos vamos acordar mais cedo ou mais tarde. Ufa! :D

Alex disse...

O Pedro está demasiado elevado, kkkk, mas entendo o que vc quer dizer, realmente temos muito o que aprender, obrigado :)

Anónimo disse...

Olá Pedro, de facto, o que disse é a pura verdade. Ou seja, ter filhos e viver com uma pessoa a sós é uma questão de opção. Agora, o problema está em lidar com a pressão da sociedade que vai achar que, pelo simples facto, de uma pessoa atingir a maioridade, deve constituir família. E a pressão vem de todos os lados: Da família; dos vizinhos; dos amigos e colegas, etc. E, normalmente, quando a pessoa tarda em constituir família estará sujeita a ser estigmatizada pela sociedade, uma vez que vivemos num mundo extremamente conservador que rejeita e tem dificuldades em aceitar tudo aquilo que põe em causa os seus princípios. Muito embora, pessoalmente, considero que existe uma certa dose de hipocrisia nisto tudo, mas é esta a realidade.

Anónimo disse...

Obrigado Pedro pela resposta. Aliviou um pouco minha angustia rsrsrs Ah! Mas se nao tivesse relacionamento entre pessoas com o ego ainda aflorado...provavelmente, nao teriamos tanto mais Pedro Constantino(s) por ai lol! Gracas a Deus o mundo trata de evoluir em qualquer situacao. Obrigado.

Anónimo disse...

Olá Pedro : ) Eu sou acompanhador do Coolvibes, e eu vi esse último comentário e achei oportuno te fazer essa pergunta agora, é uma dúvida que eu tenho. Estou nesse caminho de aumento de consciência e minha dúvida é como eu posso saber que já tenho consciência suficiente pra ter uma relação minimamente agradável? Como eu posso saber se tenho o nível de consciência suficiente para ser uma pessoa minimamente agradável, também saber "selecionar" uma pessoa minimamente agradável, ou seja, se ter uma relação minimamente agradável (honesta, decente, alegre, etc) com uma mulher? Grande abraço.

Alex disse...

Olá novamente Pedro, agora vou perguntar algo para ajudar um amigo meu, o que vc recomendaria atualmente para uma pessoa que é muito tímida, insegura e negativa ? ele já tem 26 anos, gostaria de saber por onde ele pode começar a mudar sem que ele sinta tão mal diante das situações sociais? Porque quando se está num nível mais elevado certas coisas não afetam tanto, mas e quando se está num nível tão baixo quanto o dele, o que fazer para dar os primeiros passos ? e como conseguir as mudanças minimas para poder evoluir?

mais uma vez Obrigado.

Pedro C. disse...

A única forma de saber é experimentando.

Nós só sabemos aquilo que somos e experienciamos.

Portanto dedicas-te diariamente ao teu aumento real de consciência, e vais vivendo a vida. E vais conhecendo mulheres, envolvendo-te com elas, e vais arriscando. Vais tendo relações com elas, e descobres momento a momento do que és capaz e permites ser possível para ti.

Saberás que já tens consciência suficiente para teres uma relação amorosa mínimamente agradável, no momento em que te encontrares numa relação amorosa mínimamente agradável.

Se ainda não estás numa relação amorosa mínimamente agradável, ou não estás a conhecer e a sair regularmente com mulheres mínimamente agradáveis, então é porque ainda não tens consciência suficiente para isso.

É simples: Quando se é algo, automaticamente se experiencia o que esse algo potencia.

Anónimo disse...

Obrigado pela resposta :) Grande Abraço

Pedro C. disse...

Não há problema nenhum em lidar com a pressão da sociedade lol Essa não é a realidade, é apenas a tua percepção que vem do teu nível de consciência.

Em níveis de consciência mais elevados, a partir da integridade, essas "pressões" não incomodam nem influenciam as nossas escolhas.

Nós somos Amor, o resto são ilusões que são largadas assim que tomamos consciência dessa Verdade. A família, os amigos, os vizinhos e os colegas não têm mais poder que o Espírito lol a ilusão de que têm algum poder vem do nosso alinhamento com o ego :D o mundo não é o nosso ponto de referência para as nossas escolhas, mas sim o Espírito. Pois o mundo é do ego, e nada nele é real ou eterno. É o Espírito que nos indica quais as escolhas mais apropriadas, se fosse o mundo e as pessoas que nele habitam, que fazem questão de estar sempre a dar a sua opinião e dicas, já todos éramos felizes lol a realidade é o oposto disso, e o mundo existe para ser transcendido.

O ego odeia o Espírito, o Amor, a Paz, a Alegria, ataca a Inocência, goza com a Humildade, desvaloriza a Gratidão, acha estúpido ser-se sempre Honesto e Sincero, e acha que se não nos tivermos casado e tido filhos até certa idade há algo de errado lol

O ego é um idiota, não lhe dês ouvidos :)

Pedro C. disse...

Alex:

Mas ele tem que se sentir mal, muito mal mesmo. Enquanto ele não alcançar o seu ponto de saturação de sofrimento, ele nunca irá querer mudar e aumentar a sua consciência. Enquanto ele não atingir esse ponto máximo, ele não irá largar o que tem de largar, nem estará disposto a fazer o que tem de fazer para mudar.

Nós somos tímidos, inseguros e negativos porque queremos :D ele ainda não sofreu o suficiente para querer largar isso tudo. Essas características parecem muito inocentes, e parece que a pessoa é uma grande vítima, mas a verdade é que isso vem tudo de um grande egocentrismo onde a energia é tão baixa que nem se consegue fazer o que as pessoas normais fazem.

A idade nunca é desculpa, temos de enfrentar os nossos medos. Tem de ser tão importante para nós mudar, que estamos dispostos a morrer por isso. O que morre é apenas o ego, por isso é seguro :) ir dizer olá a uma mulher bonita não é perigoso lol só um idiota pode acreditar que é. Mas para o ego é altamente perigoso! Porquê? Porque se o fizer e for rejeitado, perde o seu orgulho e cai na vergonha, e isso é o apocalipse! :D a sua falsa auto-imagem de perfeição é desfeita e isso faz dói dói no eguinho :D

Seja como for ele pode começar por escrever afirmações que tenham a ver com se sentir alegre na vida social, e conseguir ir dizer olá a mulheres bonitas, etc e fazer visualizações sem diálogos sobre isso tudo. Ele pode começar pela mente e os seus pensamentos, mas não pode ser preguiçoso, tem de ser um trabalho diário e intenso. E tem de passar a ler muito sobre isso e a rodear-se de coisas positivas.

Mas não é possível aumentar de consciência sem entrarmos em acção, enfrentarmos os nossos medos e nos sentirmos mal.

Anónimo disse...

Obrigado Pedro, pela resposta. De facto, se ficarmos, eternamente, a agir em função daquilo que a sociedade quer, cedo ou tarde iremos ficar desiludidos. Gostei imenso da tua resposta.

Alex disse...

obrigado Pedro, acho que ele desistiu de tentar mudar, mas qualquer coisa ele já tem o link do blog, caso ele resolver que não aguenta mais essa situação,ele vai atras, não pra ajudar quem não se ajuda.