segunda-feira, 21 de março de 2011

"Evolução de Consciência - Entrevista Cool Vibes 2011, parte 3"

Uma entrevista que um amigo meu teve a ideia de me fazer. Ele foi um dos primeiros participantes em cursos do Cool Vibes, e a entrevista foi gravada no dia em que fez 3 anos que ele descobriu o Cool Vibes :)

Temas:

As diferenças entre o Cool Vibes do passado e do presente, desenvolvimento pessoal, evolução espiritual, como melhorar a vida amorosa e social e como lidar com o lado desagradável da vida (como por exemplo a crise económica).

10 comentários:

Anónimo disse...

Boa noite Pedro. Qual a tua opinião acerca do namoro ou relação , com diferenças de idade de 5 , 10 , 15 anos é possivel haver algo genuino , verdadeiro ou a idade deve ser igual? E também namoros e relações a distancia?

Anónimo disse...

Olá Pedro, diz me uma coisa, é normal as mulheres fazerem testes aos homens com quem andam a sair há pouco tempo para saberem até que ponto eles gostam dela (do tipo dizerem que tao doentes no 4 encontro, para verem a reacçao do homem).
Caso seja assim percebo que seja a "arma" delas já que sao elas as mais fracas fisicamente e terem o risco de engravidarem.
Eu tenho uma "amiga" que vive longe daqui sinto-me bastante atraido por ela, só que no quarto encontro disse que ficou doente, mas eu dei a volta ao assunto e de uma forma natural sem pensar nisso marquei um futuro encontro muito mais emocionante (foi persistente), e parece que algo mudou nela (falamos por mensagens sms), parece que agora tá mesmo preparada para algo mais e até me vai apresentar as amigas, mas eu sinto-me como se tivesse passado num teste.
É me claro que eu sou apenas um desconhecido para ela e que ela possa ter mesmo adoecido, (nao sei).
Só sei que gosto dela e que vou continuar a persistir.(mas nao numa de desejo mas sim de contribuiçao))
obrigado, Exelente audio como todos aqui do coolvibes.
Angelo Pinho(ponho o nome só para saberes que já nao é a primeira vez que te pergunto algo)

Anónimo disse...

Boa noite Pedro. As mulheres além da personalidade do homem , elas gostam rir , eu não sei fazer rir uma mulher fico com "ar sério", como fazê-las rir? Não quero fazer figuras de palhaço ao ponto de chegar ao ridiculo. Começo por ler anedotas e conta-las , ver filmes de rir ou isso é pouco. Obrigado.

Pedro C. disse...

Boa noite,

A diferença de idades não importa. É sim a compatibilidade pessoal e sexual que definem se a relação é possível e se pode ser agradável ou não. Pode haver uma diferença de 15 anos de idade, mas a relação ser muito boa.

Quanto a relações à distância, esquece. À distância não é possível haver intimidade entre os parceiros, e intimidade é precisamente a essência das relações entre homens e mulheres. Nós temos relações porque queremos experienciar intimidade, logo não faz sentido estar numa relação em que não haja intimidade.

Relações à distância baseam-se apenas em "tapar buracos" emocionais, aliviar sofrimento e carências, é na verdade são uma questão de validação e nada mais. A pessoa quer sentir que há alguém que gosta dela, e quer a atenção de alguém. Isto, apesar de ser egocêntrico (eu, eu, eu e o que eu ganho), não tem nada a ver com Amor, serviço ou intimidade.

Ou há intimidade ou não há, é simples. E se não há, a relação não faz sentido e tem como base algo falso.

Obrigado pela tua pergunta.

Pedro C. disse...

Olá Angelo!

Sim, é normal e necessário as mulheres testarem os homens, e precisamente pelas razões que tão bem identificaste. É uma questão de segurança, pois os manipuladores em busca de sexo e sem consideração por elas são mesmo muitos. E elas têm todo o direito em quererem evitar o melhor possível esse tipo de homem.

Parece-me que fizeste muito bem em lidar com a situação dessa forma e em persistir, agora é continuares a ter essa atitude e ver no que dá. Espero que seja sempre agradável para ambos.

Abraço e obrigado pela tua pergunta!

Pedro C. disse...

Boa noite,

Ler anedotas e ver comédias é útil, mas enquanto não conseguires deenvolver em ti um estado de Alegria, vai ser impossível seres o tipo de homem que faz as mulheres rir naturalmente e espontâneamente. Humor Inocente tem de ser a tua prioridade. Alegreia é um estado que não tem causas exteriores, vem de um caminho de transcender o ego e silenciar a mente. Contemplação e meditação são essenciais. Enquanto fores dominado pelos desejos do ego, tudo o que se passar com as mulheres vai ser demasiado importante e sério para ti, e estarás a bloquear a alegria que tens em ti.

O "melhor" sentido de humor vem de evolução espiritual :)

Obrigado pela tua pergunta.

Anónimo disse...

discordo plenamente nisto:

"Relações à distância baseam-se apenas em "tapar buracos" emocionais, aliviar sofrimento e carências, é na verdade são uma questão de validação e nada mais. A pessoa quer sentir que há alguém que gosta dela, e quer a atenção de alguém. (...) Ou há intimidade ou não há, é simples. E se não há, a relação não faz sentido e tem como base algo falso."

lá por haver distância nao quer dizer que não haja amor e que a relação não seja baseada em algo verdadeiro. há mil e uma condições capazes de pôr duas pessoas que se amam à distância... à partida serem de sitios diferentes, já é uma condicionante! vais dizer que só podemos amar os nossos vizinhos porque so eles é que estão proximos para ter intimidade?? isso não faz sentido nenhum! do longe se faz perto se se quiser quando se quiser! relações à distância funcionam desde que haja amor penso eu, que já tive de namorar à distância apesar de continuar a amar e ser verdadeiro o sentimento.

Pedro C. disse...

Não tens de concordar comigo, tens é de descobrir a verdade por ti próprio.

Se queres ter relações à distância, tudo bem. Não há nada de errado nisso. Mas ou há intimidade ou não há. Se a essência de uma relação está ausente, a relação em si nunca poderá ser o melhor possível que se pode experienciar. E é esse o propósito do Cool Vibes.

É fácil confundirmos Amor, com carência/desejo... o ego através da mente ilude-nos e esconde-nos a verdadeira intenção que está por detrás das nossas escolhas e pensamentos. E virá sempre com a justificação lógica perfeita para continuar a fazer exactamente a mesma coisa.

Tu és livre de escolher, e o importante é que és livre de escolher o tipo de relação que queres experienciar na vida, e nenhum tipo é errado ou tem algo de mal. Mas todos os tipos têm uma verdade em si. Pediste-me a minha opinião, eu dei-ta. Agora fazes o que quiseres, é essa a beleza da liberdade.

Anónimo disse...

agradeço a opinião mas analisado isto:

"É fácil confundirmos Amor, com carência/desejo... o ego através da mente ilude-nos e esconde-nos a verdadeira intenção que está por detrás das nossas escolhas e pensamentos."

eu penso que existe menos amor e mais interferência do ego (necessidade de obter) numa relação cuja primeira condição é a facilidade da proximidade do que numa relação de admiração, respeito e partilha mesmo que por vezes exista distância fisica forçada pelas condicionantes ou a necessidade de esforço extra para superar essa distância... está-se numa relação dessas por admirar o outro e gostar de estar com ele, não por precisar de alguém... se fosse apenas por ser mais fácil e rápido ter o que se precisaria... acho que o verdadeiro amor é incondicional e suporta bem a distância sempre que tal seja necessário... e isto não é carência nem desejo (nesses estados é que não se pode estar longe tamanha é a necessidade de obter!)

Anónimo disse...

Olá Pedro, gostaria de saber, se por exemplo, tratando-se de uma pessoa que é casada e, de repente, o seu cônjuge resolve emigrar para procurar uma vida melhor, a pessoa terá que esquecer o seu conjuge por causa da distância? É, apenas, uma dúvida que me surgiu porque alguém falou, aqui, sobre relações à distância.