AMOR

"Ensina só Amor, pois é isso que tu és"

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

"Como Ter Uma Vida Amorosa Agradável, parte 8 de 18"

* Atracção e Amor - Como Ser Uma Pessoa Agradável (Atraente)
* As 3 Qualidades Essenciais da Pessoa Agradável e Como as Desenvolver
* Negativos a Evitar
* A Compatibilidade Pessoal e Sexual
* Como Conhecer Pessoas do Sexo Oposto de Forma Íntegra e Natural
* O Que Se Deve Fazer Num Encontro?
* Princípios de Uma Relação Amorosa Feliz
* Erros a Evitar e Princípios a Seguir
* Contemplação - O Caminho da Transcendência do Ego e da Mente

Lista dos Níveis de Consciência http://coolvibesblog.blogspot.com/2011/01/lista-dos-niveis-de-consciencia.html





Parte 9 - Amanhã! :)

4 comentários:

goncalo disse...

nao acredito que acabaste na melhor parte, fogo! tá mal


pedro, se a voz que tenho na cabeça é o ego, então e se essa minha voz só diz para fazer o bem, e ajudar os outros (sem intensões), é possivel que o meu ego seja "bom"/integro?

Pedro C. disse...

Gonçalo:

Falar da "voz na cabeça" pode trazer mal entendidos e confusão, e provavelmente não devia ter explicado as coisas dessa forma.

Qualquer intenção íntegra que tenhamos, como por exemplo a de fazer o bem e ajudar os outros (sem ser para obter algo com isso, mas apenas pelo bem-estar dos outros), nunca vem do ego. O ego não é íntegro, e nunca é íntegro, e é por causa do ego que podemos não ser íntegros. É o Espírito que traz a Integridade e essas intenções, e os pensamentos de fazer o bem/ajudar os outros (quando é pelo bem estar dos outros apenas, e não para obter algo).

goncalo disse...

sim, eu percebo isso, mas não era bem essa a minha pergunta.

Eu estava-me a referir especificamente à voz na cabeça que falas.


Eu quando era criança falava muito sozinho, depois disseram para eu deixar de falar sozinho, porque parecia mal, e eu (como era muito inocente) deixei...

Mas ultimamente tenho voltado a falar sozinho (evito falar em publico, para nao "parecer mal" para algumas pessoas), mas a verdade é que esse "outro ser" (chamemos-lhe assim) dá-me conselhos, e diz-me coisas boas (ao contrario do ego que tu falas)




será o meu ego essa voz? ou será a voz da consciencia (como eu já ouvi falar)?

Pedro C. disse...

Não sei Gonçalo, aquilo de que falas é muito específico e particular. Mas se o que essa voz te diz para fazer/dizer é íntegro, e estás mesmo consciente disso e tens a certeza de que é íntegro, então tudo bem. Mas primeiro tens de ter mesmo a certeza se é íntegro ou não. Caso não seja tens de a ignorar e seguir sempre e apenas princípios íntegros.

Há de facto contextos em que não é apropriado falar-se sozinho. Não é uma questão de nunca o fazeres, ou de o fazeres sempre... depende do contexto.

Não sei se essa voz é o ego... a consciência não é de certeza pois essa não tem voz. O som do espírito é o silêncio. A voz é mental, mas pode ser activada pelo espírito. Terás de descobrir isso por ti, meditando muito e contemplando constantemente.