AMOR

"Ensina só Amor, pois é isso que tu és"

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

“Como Detectar e Evitar o Tipo Errado de Homem a Tempo, parte 1”

És uma mulher e estás farta de te sentir magoada e de sofrer na tua vida amorosa e relações íntimas/namoros com os homens?

Então tens *MESMO* de ler este post. Pois neste post vou partilhar contigo a Verdade...

Vou partilhar contigo qual é a verdadeira origem desse teu sofrimento na tua vida amorosa com os homens...

E vou partilhar contigo o que podes fazer concretamente, na prática, para que possas evitar para sempre voltar a sofrer no contexto de uma relação íntima.

Sim, é possível. E vais descobrir hoje como.

Este é provavelmente o melhor e mais completo post que alguma vez escrevi para mulheres... por isso é mesmo importante que o leias, tires apontamentos, apliques os conceitos na tua vida e que o releias regularmente. Imprime-o se achares que é útil para ti.

Então, qual é a verdadeira origem e causa do sofrimento das mulheres na sua vida amorosa e relações íntimas/namoros com os homens?

Porque razão acabam quase sempre magoadas e desiludidas?

A resposta é simples...

Essa causa chama-se Ego Masculino.

Altamente atraente... e prejudicial. Como aquele chocolate super saboroso, que sempre que o voltas a ver acreditas que desta vez é saudável e não te irá dar dores de barriga ou dar cabo da saúde... mas acaba sempre por dar.

Mas atenção: O problema não está no masculino... está no ego.

A questão não está no homem ser masculino. No homem ser homem e funcionar como homem... a questão está em o homem ser um homem de um nível de consciência baixo.

E antes que te baralhes toda, vou-te explicar o que isto realmente significa:

É a masculinidade do homem, a sua energia masculina, a sua confiança e todos os princípios e formas de funcionar Yang (masculinas), que te fazem sentir atraída por ele a um nível físico, sexual, romântico ou íntimo, que faz com que a vossa ligação (também) inclua beijos na boca, curtes e sexo.

Ou seja, é a energia masculina do homem que faz com que tu desejes tanto ser beijada por ele, beijá-lo, e ter com ele uma relação íntima ou namoro.

É a sua energia masculina que faz com que não o vejas apenas como um amigo com quem apenas falas, mas como um homem com quem desejas ter uma ligação física, com quem desejas ter prazer físico e explorar sexualmente.

E não há absolutamente nada de mal ou errado nisso. É a coisa mais normal, natural e fantástica do mundo. Assim como não há nada de errado em si com a energia masculina, com a masculinidade do homem.

A questão aqui é que há vários tipos diferentes de energia masculina. Existe masculinidade de diferentes níveis de consciência. Uns mais baixos, e outros mais altos.

E é o mais baixo de todos (ego) que causa o teu sofrimento. É o ego masculino que acaba sempre por te magoar e fazer sofrer.

A solução está em compreendê-lo, perceber como funciona e se expressa, aprender a detectá-lo, para que - mesmo que tenhas o desejo da ligação física - saibas exactamente o que está à tua frente (ego masculino), e antes de te partilhares e entregares em aventuras sexuais ou num namoro e depois te magoares e sofreres, possas dizer que não, afastar-te e assim evitá-lo.

A solução está em *nunca* te partilhares com esse tipo de homem, pois o resultado é sempre o mesmo (e tu já sabes isso): sofrimento.

Agora, para que nunca te partilhes com esse tipo de homem, tens claro de saber como o detectar a tempo para que possas dizer não e te possas afastar – e assim evitar o que era certo: sair magoada.

Afastando-te do ego masculino, irás estar sempre a criar tempo e espaço para que um outro tipo de homem possa surgir na tua vida, te possa conhecer, conviver contigo e trazer-te a felicidade que realmente desejas. Enquanto andares a perder tempo e energia com o ego masculino, esse tipo de homem mais consciente e evoluído não tem como surgir e fazer parte da tua vida, pois não tens “espaço” para ele.

Então que níveis de consciência masculina existem?

Vou-te falar do mais útil para o tema do post: Existem 3 níveis.

Egocêntrico, Etnocêntrico e Mundocêntrico.

O Ego Masculino está claro no nível 1 – Egocêntrico. E vou começar por esse...

O que se passa neste nível é muito simples:

O homem simplesmente não tem capacidade nenhuma para te Amar, para ter verdadeira consideração e compaixão por ti.

Presta bem atenção a isto:

Ele não tem capacidade ou consciência suficiente para poder gostar de ti. O melhor que ele consegue neste nível é gostar do que OBTÉM de ti.

Porque neste nível ele só consegue pensar na sua satisfação e interesse pessoal. Naquilo que ele sente, pensa, deseja, quer e precisa. Ele vive em estado de sobrevivência física, mental e emocional, sempre a precisar de mais, sempre a precisar de seguir os seus impulsos de desejo e necessidade, independentemente de como faz os outros sentir-se e do impacto que tem no mundo e na vida de quem o conhece.

Quando surge esse impulso de desejo ou de necessidade, ele esquece tudo o resto, esquece tudo e todos, esquece-te a ti, e segue esse impulso cegamente para se satisfazer. Tal e qual como um animal selvagem esfomeado: é matar ou morrer. É saciar a fome ou é a morte. E ele vive controlado por todos estes impulsos, segue-os cegamente, insconscientemente. Não se trata de inteligência, mas sim de consciência. Ele pode compreender que o que faz não é o melhor, que está errado, mas quando surge novamente o impulso ele não tem escolha: segue-o. É uma marioneta do seu corpo e mente. É sempre “mais forte do que ele”.

Ele trai porque apesar de ter namorada, no momento em que vê outra mulher que o atrai sexualmente, ele não tem escolha: tem de seguir esse impulso. Ele não tem capacidade para nesse momento ver pela perspectiva da namorada (compaixão), e respeitá-la não seguindo esse impulso e assim não a fazendo sofrer. Ele não tem qualquer capacidade de integridade. Ele é incapaz de Amar, pois nele não há Amor... apenas um vazio, uma carência, e constantes impulsos de desejo e necessidade que controlam as suas decisões, e que ele segue cegamente e inconscientemente.

Se o ego masculino um dia fosse honesto (coff coff...) e revelasse directamente a sua forma de funcionar a uma mulher, era isto que ela diria:

“Eu vivo a vida a correr atrás de prazer físico e validação emocional. As mulheres para mim são uma fonte de prazer e validação. É o meio que uso para ter orgasmos e para me sentir melhor comigo próprio. Se eu pudesse pegar em qualquer mulher e fazer logo ali sexo com ela sem ter de falar com ela e de a voltar a ver, eu fazia-o sem hesitar. A um nível fundamental ela, como Ser, não me interessa: só me interessa satisfazer o meu desejo. Ela é um “mal necessário” para chegar ao orgasmo. É fixe quando uma mulher demonstra interesse em mim, quando me demonstra que gosta de mim. Gosto quando uma mulher anda atrás de mim, pois assim sinto-me emocionalmente validado, interiormente preenchido e sinto-me desejado como homem. De outra forma não o consigo sentir, preciso disso. Faço-lhe e digo-lhe apenas o que for preciso para obter o que quero. Seja prazer físico ou validação emocional (não tenho prazer verdadeiro nenhum em ter uma ligação autêntica com ela e em partilhar momentos com ela) – e se for preciso mentir, fazer jogos e manipular, então ainda melhor. Gosto do que obtenho dela – pois isso faz-me sentir melhor e dá-me prazer – mas não gosto dela. Se pudesse obter tudo isso, sem ter de fazer nada por ela, seria perfeito. Se me comprometo num namoro é apenas para ter uma fonte de validação e prazer garantida para viver descansado. Obviamente que sempre que no meu dia-a-dia encontrar outra melhor ou que me atraia mais, vou fazer o que for preciso, o que conseguir, para obter dela o que desejo. Vou trair para me sentir bem, mas vou tentar escondê-lo para não perder a minha fonte fixa e garantida de validação e prazer. Nunca se sabe quando posso vir a precisar dela não é? Vivo dependente das mulheres, preciso delas para me sentir bem. Não tenho nada de especial para dar ou partilhar, nada para contribuir para a sua vida, aqui não há Amor nem faço a mínima ideia de como a fazer Feliz... pois em vez disso tenho um vazio dentro de mim que procuro preencher com ela. Vou fazer sexo com quem conseguir, usar o seu corpo para ter o meu orgasmo e sentir-me validado, incapaz de Amar seja quem for pois estou completamente perdido em mim. Sou o Ego Masculino, preciso sempre de ganhar, de ter razão e de obter aquilo que desejo, mesmo que alguém (mulher) saia magoada, prejudicada e sofra. E preciso, não de ser odiado e/ou eliminado, mas sim de ser transcendido e incluído. Nunca me deixem controlar as decisões do homem... pois vai sempre haver sofrimento. Foste avisada.”

Um homem que vive no nível de consciência egocêntrico (ego masculino) irá sempre fazer-te sofrer, pois vive controlado pelos seus impulsos de desejo e carência, pelo impulso sexual e pela necessidade de validação emocional. Ele não tem qualquer capacidade real para gostar de ti, os seus desejos e necessidades estão sempre em primeiro lugar... ele segue-os inconscientemente.
Ele irá “gostar” de ti se satisfazeres esses impulsos... o que significa que na verdade não gosta de ti, gosta do que obtém de ti pois através do que obtém de ti satisfaz os seus desejos e necessidades. Sejam sexuais ou emocionais (validação).

A primeira coisa que deves compreender é que odiar este tipo de homem ou desejar que ele desaparecesse da face da terra não é a solução. Se focas a tua energia neles só irás atrair mais homens como eles. Tens de direccionar a tua energia e pensamentos para o tipo de homem que realmente te interessa.

Isso faz-se começando por ter compaixão pelos homens do ego masculino. Compreendendo que eles não fazem o que fazem por mal, da mesma forma que um javali não fala inglês, não por mal mas sim por falta de capacidades. Este tipo de homem faz o que faz por estar num nível mais baixo de evolução e consciência.

A solução não é odiar o ego masculino ou tentar combatê-lo e eliminá-lo... mas sim ter compaixão por ele. Isto não vai mudar os homens que nele estão (só evolução interior o faz), mas vai-te libertar deles, pois irá imediatamente gerar em ti a energia certa.

Não cometas o erro de pensar que há algo que possas fazer, dizer ou dar a estes homens que os vai mudar. Pois não há. Eles são como são e só mudam se começarem a evoluir interiormente – e esse é um processo que tem sempre de vir da sua vontade e esforço pessoal.

A ideia é detectares a tempo este tipo de homem e afastares-te. Não há mais nada a fazer.

Então mas como percebes a tempo que estás diante de um homem do ego masculino?

É fácil: ele pode-te mentir, fingir ser alguém que não é, fingir que gosta muito de ti e conseguir esconder as suas intenções... mas tudo o resto na sua vida é criado através do seu ego masculino. O seu estilo de vida é o estilo de vida de quem vive nesse nível de consciência: desonestidade, muitas decisões inconscientes a seguir impulsos, desejos, necessidades, carências e medos, materialismo, nenhum interesse por temas espirituais e de desenvolvimento humano, etc.

Ele cria a sua vida através de quem é. Logo se saires com ele várias vezes (sem haver nada físico), irás aos poucos perceber como ele é, e como vive a vida. As suas reacções e escolhas vão-te sempre revelar a verdade. Ele pode-te estar a mentir, mas a verdade está sempre no mundo à vista... precisas apenas de algum tempo para a descobrires.

Uma forma muito fácil de o desmascarares é não lhe dando o que ele quer. O ego masculino quer o teu corpo para ter um orgasmo. Logo se não lhe deres o teu corpo logo, ele vai-se fartar de ti e afastar-se. O que é espectacular, pois vês-te livre de uma dor de cabeça.
Se ele gostasse de ti, ele iria continuar a sair contigo para sempre mesmo que não houvesse sexo. Seriam bons amigos, pois um homem de um nível de consciência mais elevado sabe apreciar a mulher pelo Ser que ela é, não vive controlado por impulsos, e dá valor à ligação que tem com ela.

Ele procura partilhar algo... e nunca obter algo.

O Ego Masculino não tem capacidade para ter verdadeiro fascínio e consideração pela mulher... ele está preso num nível de existência em que apenas consegue pensar nos seus desejos e necessidades e em como os satisfazer. E se na sua mente achar que certa mulher o pode satisfazer, então ele irá fazer tudo o que conseguir (manipular, comprar, enganar, mentir) para obter o que quer dela. Ele irá reagir positivamente ao que obter dela, e é isso que confunde a mulher. Ela pensa que ele gosta dela, porque quando ela lhe dá algo (sexo, interesse) ele sente-se bem e diz ou faz algo que vem dessa emoção positiva de satisfação. Mas essa emoção positiva de satisfação é sempre temporária, e é apenas uma consequência de ter obtido algo da mulher. Antes de obter algo ele não tem uma atitude de apreciação da mulher, pois não há Amor nele.
A mulher "preenche-o", ele sente-se bem e diz que gosta dela. A mulher não o preenche, ele sente-se mal, fica irritado e dá-lhe desprezo (ou trata-a mal de outras formas).

Quando o homem é mais consciente, é-lhe irrelevante se a mulher lhe dá algo ou não. É-lhe irrelevante se faz sexo com ela ou se ela demonstra interesse nele. Ele é sempre simpático, fá-la sempre sentir-se bem, a sua ligação dura para sempre, e é sempre uma presença altamente positiva na vida da mulher. A mulher nunca o apanha furioso só porque não lhe respondeu a um sms, ou porque saiu com as amigas à noite e não lhe disse nada, ou porque não quis curtir com ele.

Agora experimenta fazer isso com um Ego Masculino... ele vai logo ficar irritado e vai haver cobranças, ameaças e discussão.

Eu estive a pensar numa forma concreta de descobrires se o homem com quem andas a sair é deste tipo que te vai magoar e fazer sofrer – ou se não é.

E é muito simples... basta perguntares.

A sua resposta e reacção vai-te sempre revelar a verdade.

Imagina que estás num café ou bar com ele, uma pergunta que podes fazer é esta:

“Porque estás aqui comigo?” ou “Porque andas a sair comigo?”

Já sabes que o Ego Masculino só quer duas coisas de ti: sexo ou validação. Ele jamais te vai dar uma resposta directa que te convença. Pois obviamente que não irá revelar a sua intenção com medo de que te vás embora, e ele assim perca a oportunidade de se satisfazer como deseja.

Ele pode reagir de várias maneiras:

Ou finge que não ouviu a pergunta – e aí voltas a fazê-la até ele a ouvir e não ter escolha senão responder...

Ou vai responder-te com uma piada para se esquivar - e aí, mesmo que tenha piada, voltas a fazê-la até ele responder...

Ou então vai-te dar uma resposta vaga do género “não sei...”, “depois digo-te...”, “porque achas?”, “porque és fixe...”, “porque gosto de ti...”, etc – e neste caso pedes para ele desenvolver a resposta.

Ou então pergunta-te porque lhe estás a perguntar isso – ao que tu respondes: “Porque só o tipo de homem que me interessa consegue responder a esta pergunta...”

Tens mesmo de te sentir confortável a perguntar isto, e manter-te firme na pergunta até ele ou responder a sério e descobrires que vale a pena voltares a sair com ele... ou ele espalhar-se ao comprido e descobrires que não vale a pena voltares a sair com ele.

Qualquer reacção de evitar responder à pergunta – ou responder muito vagamente - vai-te revelar que ele tem intenções escondidas, que não é do tipo de homem que te interessa.

Tens de estar disposta a acabar ali o encontro caso ele não te responda à pergunta. Faz-lhe a pergunta, e não deixes mais nenhuma conversa se desenvolver até ele te responder de forma satisfatória.

Outras perguntas que podes fazer são estas:

“Porque gostas de mim?”

“Como foram as tuas relações passadas? Apenas sexuais e depois largaste a mulher?”

“Já alguma vez traíste uma namorada?”

O conceito base de interpretação das respostas é simples:

O Ego Masculino vai tentar esconder-te a verdade pois ela não é lá muito bonita. Ele sabe que se tu soubesses a resposta irias deixar de o aceitar na tua vida e ele já não teria a hipótese de se satisfazer contigo. Logo ele vai fingir que não ouviu, responder com uma piada, fazer-te uma pergunta de volta, responder muito vagamente para despachar e mudar de assunto, demorar a dar uma resposta (pois está a pensar em como se safar e mentir).

Seja como for, tens de te manter firme na pergunta, e repeti-la calmamente, até ele responder. E se ele insistir de alguma forma em não responder, já sabes: acabou-se ali o encontro.

Tem de ser mais importante para ti saber a Verdade do que estares à frente de um homem qualquer em quem nem sabes se podes confiar. Tens de estar consciente de que o ego masculino não é de confiança mas pode ser divertido, interessante e muito bom na cama. Só que tudo isso vem com o preço do sofrimento, e quando deres por ti foste só mais uma a quem ele mentiu ao dizer que ama, e que és a companheira sexual das 4ªs e 6ªs... ou que ele afinal apenas está contigo pelo sexo e não pela pessoa que és, e pensavas que não.

O tipo de homem que realmente te interessa também é estimulante a todos esses níveis, e ao mesmo tempo tem Amor dentro de si. Vai-te sempre respeitar, vai ser sempre sincero, vai ser sempre autêntico. E irá sempre responder directamente a essas perguntas, de uma forma convincente, sem hesitar, pois estará a dizer-te a verdade. Não irá despachar para mudar de assunto, irá dar-te a resposta completa, descrever-te emoções e opções, explicar-te o porquê da resposta, etc.

Ele poderá responder-te “Sim, sinto-me físicamente atraído por ti... mas o que me faz estar aqui contigo são as qualidades x, y, e z que descobri em ti”.

Se ele quiser ter algo físico contigo, ele vai-te dizer directamente, enquanto que o ego masculino vai sempre tentar escondê-lo com medo de perder a sua oportunidade.

Porque o Ego Masculino está contigo para obter algo até às últimas consequências... enquanto que o masculino mais consciente está contigo para partilhar algo, e mesmo que não aconteça nada isso não o incomoda. Ele continua a partilhar algo contigo, a sorrir-te, a meter-se contigo, a convidar-te para sair, a fazer-te rir, a fazer-te perguntas, a Amar-te.

Caso o homem insista em dar-te meias respostas meio nervosas ou irritadas, diz-lhe: “Eu só estou interessada numa resposta directa e sincera”.

O Ego Masculino vai sempre ficar com uma energia negativa quando alguém quer saber algo que ele procura esconder. E ele procura-o esconder pois o que fez ou como costuma ser é desonesto, mau, não-íntegro, etc. O Ego Masculino quer usar a mulher para fazer sexo e depois abandoná-la... logo se lhe perguntares isso directamente ele não vai dizer “Eu apenas quero as mulheres para ter sexo. Minto para lá chegar, elas pensam que eu gosto delas, fazemos sexo e depois desapareço”.

Agora atenção: isto não é para viveres desconfiada de todos os homens. Relaxa e diverte-te. Enquanto for agradável vai saindo com o homem que estás a conhecer. Se tiveres algo físico com ele logo na 1ª saída, ou numa das primeiras saídas, tudo bem. Não há absolutamente nada de errado nisso. Apenas tens de estar consciente das tuas decisões e escolhas, para que em vez de te magoares e sofreres, adiciones mais qualidade e satisfação à tua vida.

Estes exemplos de perguntas que te dei são para ser feitas descontraidamente. Não se trata de uma guerra com o homem, mas apenas de uma expressão da tua curiosidade e auto-respeito.

Portanto já sabes: relacionares-te com o ego masculino vai-te sempre trazer sofrimento. A solução é detectá-lo e evitá-lo a tempo.
*** Fim da 1ª parte ***
Volta aqui na 6ª feira para leres a 2ª parte!
Até lá relê a 1ª parte, tira apontamentos e envia-me as tuas perguntas.
Na 2ª parte vou partilhar contigo como funciona o tipo certo de homem, qual é o seu nível de consciência, qual é a atitude que *nunca* deves ter (pois atrai sempre o errado e afasta o certo) e o que deves fazer concretamente (decisões e atitudes) para que possas atrair e manter na tua vida o tipo certo.
Perguntas:
~ Pedro Constantino
::: Cool Vibes :::
Junta-te à comunidade online do Cool Vibes em http://coolvibes.ning.com/ conhece pessoas interessadas em desenvolvimento humano, e recebe todos os segredos e dicas em 1ª mão!

3 comentários:

Mara disse...

Desculpa Pedro mas não resisti! Falaste de chocolate e da vontade de que ele fosse saudável... Preciso informar esta comunidade que existe de facto um chocolate saudavel no mundo, que já chegou a Portugal e que até é uma oportunidade de criar uma fonte de rendimento residual! Tudo isto é cientificamente provado e de garantia de qualidade devidamente certificada, portanto a quem gosta de chocolate não perca esta oportunidade! Não vou abusar, deixo apenas um contacto para mais informações, para os interessados:

portugalxocai@gmail.com

Agora falando do post, gostei do que li, esta cena do ego está cada vez mais clara para mim! Mas todo e qualquer tipo de pessoa que se cruza no nosso caminho terá uma mensagem para nós, algo a ensinar-nos (como dizia a "Profecia Celestina") portanto é como tu dizes, nada de stress, é preciso é divertirmo-nos e estarmos bem connosco e com a vida e aquilo que ela nos proporciona! Estamos cá para sermos felizes e a felicidade é um caminho e nao apenas um destino! Peace & Love

Pedro Constantino disse...

Estamos cá é para comer chocolate! lol

Então vieste aqui e nem me deste um bocado para provar?! Isto não pode continuar assim... ;)

Obrigado pelo teu comentário Mara.

Uma coisa é conhecer/compreender o ego, outra coisa é transcender o ego.

Mara disse...

Pois foi, esqueci-me de oferecer mas se quiseres uma amostra manda morada para o e-mail indicado! Vou amanhã enviar amostras! (valido para todos os interessados)

Em relação ao ego, é verdade, mas para transcender é preciso compreender! obrigada pela ajuda que tens dado nesse sentido :)