sexta-feira, 26 de outubro de 2007

"O Badboy e a Bitch"

Algo me diz que estes nomes não te são lá muito estranhos...

É normal... são duas espécies de ser humano que têm muito “sucesso” com o sexo oposto, mas com quem tu NÃO queres ter nada a ver. São MEDÍOCRES mas extremamente ATRAENTES.

“Hã?! Mas como...?”

Nota: Lê os meus posts sobre a Relação Masculino/Feminino.

Já alguma vez comeste algo muito saboroso mas que depois só te fez foi sentir mal?
E pior, não o consegues deixar de comer a não ser que chegues a um estado dramático de saúde?

Benvindo/a ao mundo do Badboy e da Bitch. Eles são o tipo ERRADO de homem e mulher para ENVOLVERES. Eles desligam a tua lógica e põe-te num estado de piloto-automático emocional que, por muito que saias prejudicado/a, não os consegues largar.

“Hey, se calhar dava jeito saber como detectar estas pessoas medíocres...”

Boa observação. Continua a ler...



O BADBOY

À uns bons anos atrás, um amigo meu disse-me: “As raparigas só querem é gajos que tenham mota, que fumem, tenham rabo de cavalo e que sejam estúpidos”. Na brincadeira ele quase que fez uma definição perfeita do que é um Badboy. Eu conheço homens que curtem motas e não são Badboys... assim como homens que fumam e têm rabo de cavalo e não são Badboys. Mas o “estúpido” já encaixa na perfeição.

Então afinal como é um Badboy?
Um Badboy é um homem masculino e infantil. É um homem que cresceu sendo muito activo, a lidar e conviver com muitas pessoas diferentes e a dedicar-se a actividades muito físicas e perigosas. Ele é confiante e agressivo. As suas actividades favoritas são sempre muito físicas e perigosas (geralmente ele faz musculação e alguma arte-marcial para mais facilmente conseguir “destruir o universo”. Simplesmente espectacular). Ele não é necessáriamente burro, até pode ser inteligente e esperto, mas é sem dúvida infantil. Para ele ser confiante e um homem é estar-se a cagar para os outros e desafiar a lei cometendo crimes e delitos. Ele é infantil pois faz as coisas sem querer saber se PREJUDICA os outros. E ele sabe que os prejudica, por isso é que faz essas coisas: para sentir que tem poder. Ele tem sempre vícios: seja alcóol, tabaco ou até drogas. É um escravo do ego: é o primeiro a dizer que “não quer saber o que os outros pensam”. Mas na verdade o que está a demonstrar é que se preocupa se os outros pensam que ele se preocupa com o que os outros pensam... senão não diria nada.

Ele acha-se superior aos outros homens só porque é confiante e geralmente físicamente forte e agressivo. E também porque “come” muitas “gajas”. Isso acontece porque ele é MASCULINO, e qualquer mulher FEMININA vai-se sentir atraída por ele. Se acontece ou não alguma coisa depende do nível de qualidade da mulher, pois nós atraímos sempre aquilo que projectamos. Para o Badboy as mulheres são uma fonte de validação e um prazer físico rápido. Ele é medíocre e isto é o melhor que ele consegue com a sua personalidade disfuncional. Ele conta sempre aos amigos quando “come” mais uma, e explica-lhes os pormenores todos do seu “domínio” e “superioridade” perante ela, e o quanto ela o curte e quer, mesmo andando ele a traí-la e a “comer” outras “gajas”. Muito fixe não é?

O Badboy é o tipo de gajo sobre o qual há comentários do género “Não percebo porque é que aquela miúda anda com aquele palhaço, ele trata-a mal...”. A miúda anda com ele porque se sente atraída por ele, e na sociedade contemporânea, na qual cada vez há mais homens femininos, inseguros, carentes, dependentes e presos dentro das suas cabeças, o Badboy surge como a melhor opção pois cria ATRACÇÃO nas mulheres FEMININAS.

Como é que se evita esta espécie de ser vivo?
Eu já disse aqui no blog... pensando a LONGO PRAZO. Eles só querem gratificação a curto prazo (curtir, sexo) e por isso sabem como obtê-lo: demonstram a sua masculinidade e manipulam a mulher com promessas de amor e intimidade a longo prazo. Se tiveres AUTO-ESTIMA nunca vais “cair” numa estupidez dessas, pois só vais aceitar o melhor para ti. E só sabes se algo é o melhor para ti passado uns tempos de explorares essa mesma coisa. Cria esta regra e segue-a para sempre: “PRIMEIRO CONHEÇO A PERSONALIDADE E VIDA DA PESSOA EM QUESTÃO. SE FOR MEDÍOCRE AFASTO-ME, SE FOR DE QUALIDADE APROXIMO-ME”.

O Badboy tem sempre ar de quem acabou de fazer uma asneira. Tem um ar agressivo ou ameaçador. Por vezes é a personagem “Pintas” que tu como mulher tanto adoras. Nem todos se vestem mal ou como se tivessem acabado de sair de um filme de acção sobre a guerra do Vietnam. Não há um estilo de roupa próprio do Badboy. Mas ao longe um Badboy distingue-se dos outros homens por vestir sempre algo que dá nas vistas (a típica camisa de colarinho levantado e aberta até quase ao umbigo). Ele NÃO TEM AMIGAS. Para ele as mulheres só servem para sexo. Por isso ele ou sai sozinho ou com os amigos, que são todos medíocres e muito provavelmente Badboys também. Por isso há sempre uma tribo de mediocridade à sua volta. A vida de um Badboy é sempre um caos de problemas, pois ele está constantemente a prejudicar os outros e a cometer crimes, e por isso não tem a ajuda de ninguém (que realmente seja seu amigo e o possa ajudar). Se entrares na vida de um Badboy vais mergulhar num mar de lixo tóxico radioactivo que vai corroer todas as boas emoções que tens na vida. Espectacular não é?

Ele pode ser fisicamente atraente, rico e até famoso, mas a Realidade nunca mente. A sua personalidade define-o como homem medíocre, perdido na vida, criminoso, manipulador, infantil, mentiroso, falso, escravo do ego, viciado... ou seja, ele é LIXO HUMANO na sua essência. Se vives a vida à procura de “curtes”, se tens o hábito de ir para a cama com homens que conheceste apenas à uns dias atrás, ou se começas uma relação com um homem dias depois de o conheceres, vais de certeza levar com Badboys a destruirem-te a vida. Lembra-te: GRATIFICAÇÃO A CURTO PRAZO ATRAI MEDIOCRIDADE.



A BITCH

Este tipo de mulher é extremamente feminina e SEXUAL (atenção: A questão aqui não é ser sexual, isso é normal e bom, a questão é o “porquê” e o “como”). Mas tem BAIXA AUTO-ESTIMA. A verdade é que ela anda SEMPRE atrás da validação dos homens. Ela mente e manipula apenas para ter mais um palerma interessado nela. Ela não quer saber de relações nem de homens para nada, ela só quer VALIDAÇÃO. O seu ego é pior que um buraco negro. Ao longe na discoteca ela parece muito confiante e consciente da sua beleza. É mini-saia, é decote, é cores berrantes, é maquilhagem, é penteado elaborado, é o ar sério, é a pose, são os sapatos que a fazem mais alta e sensual mas que lhe fazem doer os pés, etc. Mas no fundo tudo isso são apenas iscos para atrair a atenção dos homens. O seu objectivo é obter validação, logo ela faz tudo o que consegue para dar nas vistas e chamar à atenção. E claro, todas as noite há sempre meia dúzia de palermas que caem na armadilha. Estes desgraçados quase que vão em fila indiana e acabam sempre por lhe pagar qualquer coisa e lhe fazerem elogios, e no fim são sempre rejeitados (óbvio). E com eles ela sente que já ganhou o dia: “Mais um a demonstrar interesse em mim. Eu sou tão espectacular e superior a todos estes homens estúpidos. Eu sou a maior e niguém me merece!”.

És é a maior estupidez à face da Terra e só serves como material de reciclagem para ver se sai uma mulher de qualidade com auto-estima.

Oh yeah... =)

Elas só se interessam por homens que elas vejam que obtêm muita validação. Tipo o gajo atraente, famoso ou rico. Ou simplesmente um que projecte ser masculino ou que ela veja que há várias raparigas à sua volta (a bela técnica dos ciúmes – usada pelos Badboys). Na sua cabeça ela pensa: “Este gajo é validado, logo se eu obter a sua validação vou ser SUPER-VALIDADA e vai ser a melhor emoção do universo! Vou ser dona do mundo!”

E então ela aproxima-se e mete-se com ele. Ele no fundo também é um escravo do ego de baixa auto-estima, por isso a interacção vai ser sempre medíocre. Ela fica com ele até obter a sua validação, e vai fazer tudo para o conseguir. Nem que seja uma oral na casa-de-banho da discoteca. Hey, por alguma razão é a Bitch...

Estes gajos, para conseguirem a validação das Bitches, aprenderam uns truques e não lhes dão validação até as conseguirem levar para a cama. Uma relação entre estas duas espécies de ser vivo está sempre cheia de discussões, problemas e traições. São dois caçadores de validação que não se interessam por nada que não seja uma potencial fonte de validação. A sua atitude padrão é OBTER algo dos outros. É por isso que as Bitches se metem com muitos homens, fazem sexo com muitos homens, traem, mentem, manipulam, vestem-se como se fossem popstars no concerto mais importante da sua vida, etc.

Elas são femininas e INFANTIS. E completamente DESINTERESSANTES. Só aprendem e usam o que lhes possa trazer validação, o resto não interessa. Na discoteca elas têm duas atitudes: ou se põem num local de destaque em pé, paradas, com uma cara séria numa de “Olhem para mim e dêem-me validação” como se fossem umas rainhas, ou então vão para a pista de dança e mexem-se demasiado (parecem umas strippers com speeds) a dançar para darem nas vistas (e elas sabem que o fazem não apenas para se divertirem mas com o objectivo de chamar à atenção dos homens).

A Bitch evita-se como o Badboy: pensando a longo prazo. Nunca investir em algo que se conhece mal. O importante é conhecer bem a personalidade das pessoas, e saber o verdadeiro significado dos seus comportamentos e decisões, antes de se investir numa relação com elas. As relações medíocres e os problemas existem porque se vive a vida às cegas e se idealiza o que se passa. Sê selectiva, sê selectivo.


Perguntas:
CoolVibesClub@hotmail.com
Nota: Houve uma pessoa que mandou um comentário a dizer que se podia ter uma característica das que eu falei e não se ser um Badboy ou uma Bitch. É verdade e eu concordo. Eu dei apenas uma ideia geral do que é um Badboy e uma Bitch, eu generalizei. É importante que analises as pessoas sempre a pensar a LONGO PRAZO e conhecendo o CONJUNTO de características da sua personalidade e vida. Só uma não chega para definir a pessoa (se bem que há coisas que revelam logo como a pessoa realmente é). Assim como NUNCA deves aceitar uma pessoa na tua vida tendo apenas em conta uma característica, nunca a deves eliminar tendo em conta APENAS uma característica. É por isso que eu falo em conhecer bem a personalidade da pessoa, e isso leva tempo. Portanto se fazes musculação e praticas uma arte-marcial SÓ isso não quer dizer que sejas um Badboy, mas é algo que GERALMENTE um Badboy também faz ou pratica. Ele define-se como Badboy pelas DECISÕES que toma na vida e pela ATITUDE com que faz as coisas.


Segue as tuas paixões.
Pedro Constantino

sexta-feira, 19 de outubro de 2007

"Como Detectar Um Homem de Qualidade"

Para ti mulher, que estás farta de homens comuns e medíocres, que estás farta de secas e desilusões, que estás farta de homens aborrecidos e repelentes a aproximarem-se de ti para te conhecerem, que estás farta de estar com homens que não te fazem sentir realizada como mulher e feliz por ser mulher, e que estás farta de sair magoada e saturada de relações, aqui está a tua solução:

COMO DETECTAR UM HOMEM DE QUALIDADE.

“Então mas qual é o segredo? Quais são os sinais? Existem homens de qualidade? Onde é que os posso encontrar? Como é que eu distingo um homem de qualidade de um homem medíocre?”

É fácil.

A questão é conseguires encontrar um.

Homens de qualidade são raros, e muito mais raros são homens de qualidade livres e disponíveis que não estejam numa relação.

Mas hey, eles existem. E tu podes aprender a detectá-los.


Este é o processo:

Tens de eliminar todo o tipo de pensamentos que tenhas semelhantes a “Todos os homens são iguais” ou “Os homens são todos a mesma porcaria”. Se pensares assim, um homem de qualidade pode aparecer à tua frente e começar a falar contigo e tu NUNCA irás perceber que ele é de qualidade. Esse pensamento está errado, é infantil e é criação do teu ego. Vê-te livre desse tipo de mentalidade. Lá porque ao longo da tua vida só conheceste homens medíocres, isso não quer dizer que não hajam homens de qualidade.


Para o resto da tua vida, lembra-te disto:

Um homem de qualidade é Masculino, Maduro e Interessante.

Com ele sentes-te sempre motivada, bem disposta, alegre, feliz, cheia de energia e realizada.

Ele não fala de problemas, não critica ninguém nem se queixa de nada. Ele resolve o que tem para resolver sem fazer publicidade aos seus problemas.

Ele nunca te mente ou manipula. Ele só sabe dizer a verdade e ser autêntico.

Com ele vais sempre aprender coisas novas, interessantes e úteis. Ele conhece-te melhor do que tu própria. Ele sabe como te fazer sentir aquilo que sempre desejaste sentir. E o que nunca pensaste sequer ser possível sentir...

Ele sabe vestir-se e tem bom gosto. Ele não anda com roupas caras de marca. Ele anda com roupas que lhe ficam bem e que estejam em sintonia com a sua personalidade.

Ele nunca sai à noite para se embebedar e “ver gajas”. Ele sai para se divertir. Ele sai para conviver, rir, conversar, dançar, e está sempre aberto a conhecer pessoas. Homem ou mulher, novo ou velho.

Ele não sai para locais luxuosos super-selectivos. Ele sai para locais que tenham a ver consigo, com as suas paixões, interesses e dedicações.

Ele não é desleixado nem perfeccionista. Ele simplesmente faz as coisas como elas precisam de ser feitas para resultarem. Ele segue o caminho da excelência.

Ele não usa as mulheres. A verdade é que ele não precisa das mulheres, ele adora-as. Ele sabe apreciar o feminino e compreende que uma mulher atraente não é tudo. Sexo é apenas um mero acto físico que dá prazer, e isso é fácil de obter. O que ele quer mesmo é uma ligação profunda e única com a energia feminina de uma mulher especial. Ele quer mergulhar nas profundezas de uma personalidade feminina e sensual, e sentir os prazeres de uma relação de qualidade, na qual tudo é excelente, e na qual através do sexo ele expressa com a sua mulher feminina uma intimidade grandiosa.

Ele é independente e confiante. Na sua presença sentes-te protegida e segura.

Ele respeita e tem compaixão por todas as mulheres. Ele compreende que todas as mulheres têm as suas inseguranças e problemas. O seu objectivo é fazê-las sentirem-se bonitas, sensuais e femininas. É criar nelas a emoção de serem a personificação da beleza.

Ele não usa truques nem técnicas. Ele usa o conhecimento que tem e as suas qualidades.

Nunca o apanhas em discussões.

Ele segue o seu caminho na vida e as suas paixões. A sua vida tem uma estrutura sólida criada por ele. Podes confiar nele e renderes-te aos prazeres da intimidade com ele.

Com ele o tempo passa depressa. Na sua ausência tens saudades dele... e ele tem saudades tuas.

Muito provavelmente não irás receber prendas dele, pois ele compreende que o que interessa não é o dinheiro que ele gasta contigo em objectos, mas sim as emoções de prazer que ele faz o teu coração sentir. Ele sabe que no fundo ele é a melhor prenda que te pode oferecer, pois o prazer dos objectos acaba assim que os vês, e ele é constante e eterno.

Um homem de qualidade não vive através do seu ego, mas sim da sua auto-estima. Ele não se compara a ninguém nem compete com ninguém. Ele compreende que a qualidade da sua vida só depende dele próprio e da sua evolução, ser melhor que os outros é irrelevante. Ele é o único responsável pela sua vida.

Ele faz sempre o que diz que vai fazer, mesmo que leve tempo a fazê-lo.

Ele tem honra e integridade. Ele não se perde em prazeres rápidos, apenas investe na gratificação a longo prazo. Ele compreende que só essa é constante e lhe cria uma vida de relaxamento, satisfação, amizade e intimidade.

Ele ouve-te e compreende-te. Ele ajuda-te e partilha contigo o que de melhor tem.

Ele não precisa de ti, mas trata-te como se fosses a única mulher no mundo.

Ele é sexual e romântico. E ele compreende que isso são energias que se projectam através de determinados comportamentos e atitudes.

Se o vires na rua, vais reparar que ele nunca está a olhar para o chão perdido em pensamentos inúteis. Ele vive na realidade e no momento presente. Ele tem uma postura confiante. A sua cara nunca tem uma expressão de quem sofre, está cansado, saturado, frustrado ou de agressividade; a sua cara tem sempre uma expressão subtil de alegria, pois ele passou por um caminho difícil e aprendeu como controlar e criar a sua vida, a vida que ele sempre desejou ter e que o faz sentir-se realizado. Não é uma vida cheia de brilhos para os outros verem (grande carro, mansão, fama, etc), é uma vida simples cheia das emoções que ele quer sentir.

Quando sais com ele tudo corre bem. Divertes-te, vais a sítios fixes, fazes cenas fixes... o mundo é só vosso e a vida é um prazer constante.

Ele enfrenta sempre as consequências das suas más decisões. Ele enfrenta sempre os seus erros. Não se esconde em mentiras ou justificações. Ele assume sempre a responsabilidade dos seus actos e resultados na vida.

Ele compreende que a perfeição nunca se atinge. Ele sabe que ao longo da sua vida vai ter sempre inseguranças, problemas e más emoções, mas que vão sendo cada vez menos e que cada vez vão desaparecer mais rapidamente com a sua evolução como homem e ser humano.

Ele não vai estar contigo todos os dias, nem telefonar-te todos os dias. Pois ele está a seguir o seu caminho na vida e tem as suas paixões. Para ele o que importa é tempo de qualidade, e não quantidade de tempo. Podes não estar e falar com ele todos os dias, mas quando isso acontece vale mesmo a pena. E tu como mulher sabes muito bem que mais valem poucas horas por semana com um homem de qualidade, do que várias horas todos os dias com um homem medíocre, aborrecido, feminino, infantil e desinteressante.

Ele pode ter interesses tipicamente masculinos como as artes marciais, o futebol e temas lógicos, mas podes falar com ele acerca do que quiseres. Ele tem variedade de interesses e uma profundidade de personalidade. Arte, cinema, música, psicologia, cultura, entretenimento, comédia, vida nocturna, etc. Ele tem sempre algo interessante e fascinante para dizer, ele compreende-te, e com ele tens sempre coisas novas e úteis para aprender.

Ele não está sempre em festas e discotecas. Ele não está sempre com os seus amigos. Ele passa a maior parte do tempo sozinho a dedicar-se às suas paixões e a tratar da sua evolução pessoal. Ele vai a festas e discotecas com os amigos, mas uma vez que ele é sempre a sua melhor companhia, ele não sai de casa só por sair. Ele só sai quando realmente vale a pena. Quando vai fazer algo que realmente lhe vá trazer mais qualidade para a sua vida e que tenha a ver com o seu caminho. O caminho que e ele escolheu percorrer.

Ele nunca está com alguém só para não se sentir sozinho. Ele só está com alguém se a companhia dessa pessoa realmente valer a pena.

Ele não esconde nem tem problemas com os seus desejos como homem. Ele está confortável com a sua sexualidade. Ao ver-te na rua ele vai olhar-te nos olhos, mas também vai olhar para todo o teu corpo. Com admiração e compaixão, pois ele adora apreciar tudo o que faz parte do feminino.

Ao falares com ele vais sempre sentir-te confortável, atraída e alegre. Seja meses, minutos ou segundos depois de o conheceres.

Ele compreende sempre o que queres dizer. Melhor do que os outros homens, e por vezes até melhor que as tuas próprias amigas.

O seu maior segredo é que ele não nasceu assim. Durante anos ele foi medíocre à sua maneira. Mas um dia decidiu mudar e evoluir. Ele é de qualidade pois tornou-se de qualidade. Aprendeu e fez tudo o que foi preciso. Desafiou-se constantemente. Percorreu um caminho difícil, confuso e solitário. E continua a percorrê-lo, só que agora esse caminho está cheio de prazeres, satisfação e realização. E ele vai continuar a percorrê-lo para sempre, pois ele sabe que esse é o único caminho no qual está tudo aquilo que ele deseja ter: qualidade, intimidade, felicidade, bem estar e realização pessoal.


Mas há um senão.


É que para atraires um homem de qualidade tens de ser uma mulher de qualidade. Podes despertar nele um interesse e curiosidade inicial com a tua beleza física, mas para ele continuar interessado, tens mesmo de ser de qualidade.

A questão é:
“O que é que eu tenho de fazer para ser uma mulher de qualidade?”

Resposta:
Evolução Pessoal é para todos. Para ti, para mim, e para todos os homens e mulheres do mundo. Todos podemos evoluir. Há sempre mais coisas a aprender e a melhorar em nós e na nossa vida. Para quê se ter uma vida frustrante e uma relação medíocre quando se pode ter uma vida espectacular e uma relação de qualidade? Para quê se ter um parceiro medíocre quando se pode ter um de qualidade? É apenas uma decisão. Depois vem um investimento. E depois as coisas ficam tão diferentes e fixes que parece magia, ou um sonho...

Como é uma mulher de qualidade?
Bem, isso fica para um futuro post.


Perguntas:
CoolVibesClub@hotmail.com


Tudo é possível, tudo tem uma solução.
Pedro Constantino

quarta-feira, 17 de outubro de 2007

"Polaridade Masculino/Feminino 2"

Hey, tens aqui mais uma lista de características Masculinas e Femininas sobre as quais reflectir.

Lembra-te que o Masculino e o Feminino são diferentes, mas ambos têm o mesmo valor. São duas formas diferentes de funcionar na vida que se atraem. Se não houver polaridade masculino/feminino não há atracção nem desejo sexual.

Há homens que são femininos e há mulheres que são masculinas. Não há mal nenhum nisso, a questão é que estas formas de funcionar na vida existem para “servir” o corpo. O homem deve ser masculino e a mulher feminina, pois só assim têm uma forma de funcionar na vida que está em sintonia com o seu corpo (que tem características muito específicas). Só havendo sintonia com o corpo é que é possível haver realização pessoal e satisfação a longo prazo.

Em todos os homens e em todas as mulheres há Masculino e Feminino. A questão não é eliminares por completo a forma de funcionar que não está em sintonia com o teu corpo, mas sim desenvolveres mais a que está e aceitares e compreenderes a que não está.

Se não aceitares nem gostares do teu lado feminino, nunca irás aceitar nem gostar de nenhuma mulher.

Se não aceitares nem gostares do teu lado masculino, nunca irás aceitar nem gostar de nenhum homem.

Sentes-te atraído/a pelo sexo oposto, mas há sempre um estranho sentimento de ódio e atitudes de crítica e julgamento em relação a ele. A solução, como eu já disse, é aceitar, gostar e saber lidar com o teu lado feminino (se fores homem), e com o teu lado masculino (se fores mulher).

Estas características do Masculino e do Feminino são conceitos gerais. O objectivo é ficares com uma ideia de como o Masculino e o Feminino são. Não estão organizados por opostos, apesar de alguns até o serem. Lê as listas, reflecte, e começa a corrigir em ti o que for necessário.



Feminino / Yin --- Masculino / Yang
Compaixão --- Disciplina
Perdoar --- Assertivo
Cooperação --- Concentrado
Humildade --- Paciência
Gentil --- Decisivo
Pacífico --- Organizado
Receptivo --- Contido
Aberto --- Confiante
Amante --- Poderoso
Fluído --- Forte
Cauteloso --- Corajoso
Terra --- Céu
Místico --- Oculto
Psíquico --- Psicológico
Brincar* --- Trabalhar
Falar --- Ouvir
Água --- Ar
Ser --- Fazer
Rendição --- Controlo
Intuitivo --- Co-Criador
Indutivo --- Dedutivo
Meditar --- Rezar
Lealdade --- Duro
Humor --- Sério


*Compreende isto: lá porque a atitude de BRINCAR é natural no Feminino, não quer dizer que o Feminino não trabalhe ou que seja preguiçoso. O Feminino adora brincar e divertir-se, é esse o seu impulso natural: sentir uma variedade de emoções. Mas o Feminino também trabalha. A questão é que há um CONTEXTO para as coisas. A atitude de trabalhar é natural no Masculino pois no início ele tinha de ir CAÇAR e arranjar COMIDA, enquanto que a mulher estava na caverna a AMAMENTAR e a CRIAR os filhos. É para essas funções que os nossos corpos se desenvolveram. Sem força, sem confiança, sem lógica ou sem disciplina o homem jamais caçaria fosse o que fosse. Sem humor (ou brincadeira), sem sensibilidade, sem intuição ou sem gentileza a mulher jamais conseguiria criar os filhos. É por isso que “trabalhar” se associa ao Masculino (acção de caçar) e “brincar” ao Feminino (acção de criar os filhos).


Perguntas:
CoolVibesClub@hotmail.com


Acredita em ti.
Pedro Constantino

sexta-feira, 12 de outubro de 2007

"7 Filmes a Ver"

Desde muito novo que tenho uma paixão por cinema. Adoro ver bons filmes, com bons argumentos e boas personagens. Sempre tive um fascínio por histórias cujo final me surpreendesse. A lista de filmes que aqui te vou apresentar não é de bons filmes. O que eu quero dizer é que não estão nesta lista por serem bem realizados. Não estão nesta lista por serem filmes de culto, clássicos ou espectaculares. Não estão nesta lista porque são fixes para ires ver com os amigos ao cinema e afundares-te em pipocas. Estes 7 filmes que te vou apresentar nesta lista podem ser bons filmes, estarem bem realizados, serem de culto ou serem fixes para entreter, mas estão nesta lista porque, cada um à sua maneira, te vão ajudar a EVOLUIR.

Através destes filmes vais aprender coisas importantes que não só te vão ajudar a evoluir e a tornares-te naturalmente atraente para as mulheres, como também a controlares e a melhorares a tua vida. Eu aprendi muito com eles, vejo-os regularmente, e são sem dúvida os meus favoritos. Não porque são boas distracções da realidade, mas porque me fizeram ver como a realidade realmente é.

Eu coloquei-os por uma ordem especial, de menos poderoso a mais poderoso.

Aqui estão os 7 magníficos:


7 – THE MATRIX

“Hã?! O Matrix está aqui? Como é que eu vou aprender alguma coisa com o Matrix?”. O Matrix está aqui porque vivemos numa situação semelhante à do Neo. Não, não estamos num programa de computador nem somos controlados por máquinas. Simplesmente, na sociedade contemporânea, 99,9% dos seres humanos vive enganado em relação à vida. Pensa que o seu futuro já está definido, que o poder para controlar a sua vida está fora de si, que as mulheres só querem é homens ricos ou famosos, que o exterior é que define o seu valor (ego), etc. Somos todos como o Neo, num caminho de descoberta em relação à vida, à verdade e à realidade. Num caminho de aprendizagem em relação a como as coisas realmente são, funcionam e resultam. Porque depois de saberes como elas realmente são e funcionam, vais ser exactamente como o Neo no final do filme: vais controlar a tua vida, não a parar balas com a mente, mas a criar a vida que desejas ter e a obter tudo o que queres... e tudo isso começando apenas com um pensamento.



6 – A STREETCAR NAMED DESIRE

Este filme é dos antigos. Este filme é a preto e branco. Mas neste filme entra o Marlon Brando em grande. Há histórias, e são verídicas, de que quando este filme saiu para os cinemas, havia mulheres que desmaiavam ao vê-lo, e outras que tinham ORGASMOS enquanto o viam. Será que foi magia? Bruxaria? Hipnotismo? Não, foi a MASCULINIDADE da personagem de Marlon Brando. Devo avisar que é um daqueles homens masculinos um pouco infantis e desinteressantes, mas é mesmo muito masculino. Por isso vê este filme com atenção e capta bem os comportamentos e atitudes da personagem do Marlon Brando. Ele é a pura masculinidade na sua essência. Não cometas é os mesmos erros que ele no filme...



5 – APOCALYPTO

Sim, é mesmo esse filme que estás pensar: o Apocalypto do Mel Gibson. O homem pode ter atitudes infantis mas é um génio. Este filme tem duas lições importantes. À primeira vou-lhe dar o nome de Sintonia Com o Corpo, e à segunda o nome de Evolução Masculina.

Sintonia Com o Corpo – Repara em como é a vida destas pessoas na floresta. Repara bem quais são as suas funções. A vida é fora da nossa cabeça, e não dentro dela. Se não seguires os desejos e necessidades do corpo terás sempre uma vida complicada e miserável. Este filme dá o exemplo perfeito de quais são os papéis naturais e puros do homem e da mulher. Observa com atenção o que fazem os homens e as mulheres naquela aldeia, qual é o seu papel, e vais perceber que a vida é simples: arranjar comida e ter filhos. O resto é apenas criar as melhores condições possíveis para que isso aconteça e continue a acontecer regularmente nas nossas vidas (exemplos contemporâneos: ter roupa, arranjar um emprego, ter uma casa, ser naturalmente atraente, etc).

Evolução Masculina – A personagem principal do filme não começa bem. Parece normal mas não é confiante. O seu próprio pai lhe diz “Não tragas o medo para a nossa aldeia”. Mas ele trouxe-o... e atrai a desgraça que a seguir acontece. Mas porque tem o desejo e o objectivo de voltar para a sua mulher e filho, começa a atrair situações que o ajudam a fugir. E enquanto foge dos “caçadores”, começa a evoluir e a ganhar confiança. E em vez de andar a fugir deles (Sistema Operativo do Medo), torna-se num “predador” e enfrenta-os, eliminando-os um a um e conseguindo assim voltar para a sua mulher e filhos. Não foi sorte nem acaso, foi confiança e intenção. E fazer algo para chegar ao seu objectivo.



4 – ROCKY

“O Rocky aqui?! O Matrix eu até percebi, agora o Rocky... de boxe e ainda por cima é com aquele pateta do Stallone”. Um amigo meu emprestou-me este filme à uns anos, e quando o vi pela primeira vez fiquei fascinado. A história é muito boa, e quando o acabei de ver pensei “Este filme não é sobre boxe, é sobre a vida”. Passei a admirar mais o Silvester Stallone, pois não só foi ele quem escreveu a história do filme, como o filme ganhou 3 óscares (o de melhor filme foi um deles). Os anos passaram, talvez uns 3. Até que, à não muito tempo, vim a saber pelo que o Silvester Stallone teve de passar para conseguir fazer aquele filme. Assim que soube dessa história fui comprar a edição especial do Rocky em DVD. Adoro histórias motivantes e inspiradoras, e Stallone é agora um dos meus maiores ídolos.

Para ouvires a história vê este video. São 9:20 minutos de investimento:



Por admiração, respeito e também compaixão por Stallone, senti que tinha mesmo de ir comprar este filme. O filme “Rocky” demonstra como tu podes atingir tudo aquilo que queres na vida, mesmo não sendo ninguém e tendo dificuldades. Rocky demonstra que se seguires as tuas paixões, se acreditares em ti, tudo é possível. Irás atrair oportunidades de realizar o teu sonho, e irás aproveitá-las. No fim Rocky não derrota Apollo Creed, mas derrota os seus pensamentos negativos e limitativos e acorda a sua auto-estima. E essa é a maior vitória que alguma vez poderás alcançar na vida. Por isso começa já hoje, começa agora.



3 – NINE AND A HALF WEEKS

Filme erótico dos anos 80 com Mickey Rourke e Kim Basinger. Não fiques hipnotizado a olhar para a Kim Basinger, o importante neste filme não é ela, mas sim a personagem de Mickey Rourke, John. Repara como tudo acontece, como eles se conhecem, como John é e como ele interage com Elizabeth. Repara na forma como ele olha para ela, no que ele diz, na forma como se move, nas suas atitudes e comportamentos, nas suas ideias. Repara bem na sua linguagem corporal e na sua personalidade, em como ele trata a Elizabeth, em como se veste, em como é o seu apartamento. John é sem dúvida, em termos cinematográficos, o melhor exemplo do que é um homem naturalmente atraente para as mulheres. Ele é o modelo que deves seguir. Quando vi este filme pela primeira vez fiquei logo fascinado, nem queria acreditar no que estava a ver. Era tudo tão ligado à realidade... ele tinha mesmo o conhecimento e a personalidade de um homem naturalmente atraente. Mas a melhor parte foi quando descobri que a história não era fictícia. Este filme foi feito a partir de um livro chamado “Nine and a Half Weeks: A Memoir of a Love Affair”, escrito por uma mulher, Elizabeth McNeill. Este livro é o relato de uma história verdadeira que aconteceu a Elizabeth McNeill. John existiu mesmo... todas as cenas do filme aconteceram... foi tudo REAL e VERDADEIRO. O nome verdadeiro da autora ainda hoje é um mistério (Elizabeth McNeill é um pseudónimo, a sua identidade verdadeira nunca foi divulgada), o que torna esta história ainda mais fascinante. Só se sabe que ela, na altura em que lançou o livro (1978), vivia em Nova Iorque e trabalhava como executiva numa grande corporação. Vê e revê o filme, estuda a personagem de John, mas por favor, não cometas o mesmo erro que ele comete no final do filme...



2 – THE COUNT OF MONTE CRISTO

Muitos dizem ter sido a melhor história alguma vez escrita pelo Homem. E é muito provável que seja. Além de ser um grande filme, é o melhor exemplo cinematográfico de evolução pessoal. A personagem principal, Dante, começa por ser inocente e infantil, tudo menos um homem a sério com auto-respeito e confiança. Todo o filme é a sua história de evolução pessoal, na qual ele passa por várias fases. Repara como ele, depois dos ensinamentos do padre na prisão e de encontrar o tesouro, se torna poderoso, melhor do que quem o traiu, e com um desejo de vingança. Esta é a fase do Ego. Ele tem dinheiro, poder e conhecimento, mas como ainda é infantil, usa-o para prejudicar quem o traiu. Mas no final do filme Dante passa a usar tudo o que aprendeu e tem para alcancar a sua realização pessoal, para criar a sua vida e bem estar. Este meu parágrafo não faz justiça à profundidade de conhecimento que está neste filme, é incrível, eu nem queria acreditar quando o vi. Vê-o e revê-o, toma atenção às diferentes fases da evolução de Dante. Ele vai de baixa auto-estima a escravo do ego e, no final, torna-se num homem de qualidade. O caminho que Dante percorreu é o caminho que tu vais ter de percorrer. Não necessariamente igual ao dele, com traição, conspiração, prisão, sofrimento e sacrifício, mas vais ter de te desafiar, e muito.



1 – THE SECRET

Já deves ter ouvido falar deste filme e, se calhar, até já leste o livro. Curiosamente eu devo ter sido das primeiras pessoas em Portugal a ver este filme. Foi em Maio ou Junho de 2006. Nessa altura ainda não havia o livro, e para se ver o filme tinha-se que ir ao site e pagar 5 dólares. Um professor meu da faculdade decidiu no final do ano mostrar vários filmes aos alunos, e este foi um deles. Nessa altura eu já tinha uns 2 anos e 2 meses dedicados à minha evolução pessoal, mas só depois de ver este filme é que as coisas começaram mesmo a mudar poderosamente para mim. O meu desejo e sonho por mudança, por evoluir, por ter uma vida melhor, por ser naturalmente atraente e por me sentir bem fez-me atrair este filme para a minha vida. E é mesmo sobre isso que o filme é: sobre a Lei da Atracção. Na sua essência explica que nós atraímos aquilo em que pensamos e que sentimos. Se pensamos em problemas só vamos atrair mais problemas, se pensarmos e sentirmos que temos muito dinheiro, vamos atrair mais dinheiro. E isto funciona para tudo: saúde, riqueza, relações, sucesso, etc. O filme é muito poderoso, mas eu aprendi algo muito importante durante a minha evolução pessoal: é que o filme apenas toca na superfície da questão. É apenas o início. É o 1º passo. O The Secret traz um conhecimento geral, mas sem conhecimento específico não vais chegar a lado nenhum. O filme ensina-te a eliminar os pensamentos limitativos e negativos que te impedem de decidir procurar o conhecimento específico. Basicamente ficas com a mente aberta, e em vez de procurares razões pelas quais algo não vai resultar, passas apenas a pensar em como atingir os teus sonhos, desejos e objectivos. Vê-o, lê o livro, vai ao site... explora o mundo de conhecimento do The Secret.

Rhonda Byrne, antes de lançar o projecto do The Secret, era POBRE. Assim como Sylvester Stallone antes do filme Rocky. Não interessa como a tua vida está agora, há uma solução para ela ficar melhor e para tu alcançares o que desejas. Sê íntegro, corajoso, positivo, persistente e paciente. Tu podes ser a próxima história de sucesso, não para os outros saberem e te elogiarem, mas para tu o sentires e adormeceres todas as noites com um sorriso na cara.

Vê e revê todos estes 7 filmes e, claro, vai lendo o Cool Vibes


Perguntas:
CoolVibesClub@hotmail.com


Divulga o Cool Vibes. Mostra o blog aos teus amigos ou manda-lhes o link. Se tens um profile ou blog, e curtiste o Cool Vibes, coloca nele o link.


Acredita em ti.
Pedro Constantino

domingo, 7 de outubro de 2007

"Os Outros 10 Maiores Erros Que Os Homens Cometem Com As Mulheres"

Aqui está mais uma lista de 10 erros que 99% dos homens costumam cometer com as mulheres. Não vai resolver todos os teus problemas, mas vai-te dar uma grande ajuda. As mulheres estão fartas do homem comum e medíocre, por isso nada melhor do que começares já a corrigir o que for preciso para deixares de ser um deles.

Se és mulher, mais uma vez vais perceber porque é que certos homens só te dão é vontade de fugir (ou de carregar no “delete”).

Por nenhuma ordem especial (até porque TODOS são graves e deixam as mulheres MUITO enjoadas só de pensarem em ti):


NEGATIVO

Se quando estás com uma mulher costumas falar dos teus problemas, do que está mal no mundo e na sociedade, do pior lado das situações, em como as coisas dificilmente resultam ou acabam bem, de criticar e julgar os outros, de falar mal da tua ex-namorada (muito mau mesmo), então eu tenho uma notícia para te dar: tu és uma seca e desmotivação para as mulheres. Elas só de pensar em ti ficam doentes, e não, não têm prazer em estar contigo, não sentem desejo sexual por ti e jamais serás mais do que apenas um “amigo”. As mulheres querem divertir-se e sentir-se bem dispostas e motivadas. Elas querem passar por momentos estimulantes, não querem ser levadas para uma realidade paralela onde tudo é uma dor de dentes.



INTELECTUAL

Estar com uma mulher não é um problema matemático. A vida não é passada dentro da tua cabeça, é fora dela. Saberes muitas coisas não te vai levar a lado nenhum com as mulheres. Leres centenas de livros e seres muito inteligente e culto não cria atracção nas mulheres. Elas não te querem ouvir falar de equações e conclusões lógicas. Elas não querem que vistas camisolas de lã aos losangos. Elas não querem que uses uns óculos esquesitos à anos 20, um penteado à wannabe Einstein, e uma barba à século 19. Elas não querem uma calculadora com pernas e braços. Por isso não penses que és superior a alguém só porque sabes muita coisa e és muito inteligente, isso é bom mas é apenas uma parte muito pequena do que é necessário. Não estejas sempre dentro da tua cabeça, pois a vida é apenas fora dela.



SEM CAMINHO NA VIDA

Se a tua vida é apenas uma busca desesperada por validação, dinheiro e prazeres rápidos, então nunca irás atrair uma mulher de qualidade. Se não tens uma paixão na vida, algo que adores fazer apenas pelo prazer de fazer, algo que te estimule e dê energia, então deves descobrir rapidamente qual é o teu caminho na vida. Seja ele qual for.



INFANTIL

As mulheres não querem saber de banda desenhada, jogos de computador e, muito menos, do Jackass. Esses entretenimentos são bons para estimular a mente infantil masculina, mas são PÉSSIMOS para cativar seja que mulher for. Principalmente mulheres de qualidade. A mulher de qualidade apenas se sente atraída por homens maduros, com interesses que tenham profundidade e valor, e que saibam lidar com a vida e as pessoas de uma forma saudável e funcional. Curtires jogar World of Warcraft só demonstra às mulheres que vives dentro da tua cabeça em mundos de fantasia, e isso prova-lhes que tens falta de experiência na realidade, na vida e no relacionamento com pessoas. Logo tens falta de maturidade.


CONVERSAS DESINTERESSANTES

Se, quando estás com uma mulher, costumas falar de futebol, wrestling, carros, tunning, e do filme de série B de artes marciais que viste à dois dias atrás com os teus amigos enquanto se embebedavam com vinho tinto, então tenho a certeza que tens muitos PROBLEMAS com as mulheres. Se calhar questionas-te por que razão é que as raparigas não querem nada contigo e te evitam depois do primeiro encontro. Sendo tu tão divertido, cómico e simpático. Hey, eu tenho a resposta: É PORQUE SÓ FALAS DE COISAS RIDÍCULAS, PATÉTICAS, INFANTIS E MASCULINAS. As mulheres femininas não gostam de futebol, wrestling, carros, tunning, etc. Isso são temas masculinos que te podem fascinar, mas a elas não. E situações do tipo da do filme de série B... mais vale dizeres logo à rapariga que ainda brincas com o Action Man e que tens os DVDs todos dos Teletubbies (aaargh!!). Garanto-te que tem o mesmo efeito. Isso são temas de conversa dos homens medíocres, infantis e que são uma seca (e uns palhaços). A solução também não é falares de temas femininos (e pareceres gay), mas sim teres dedicações e interesses na vida universais e com profundidade. Saberes falar de qualquer coisa relacionada com a vida e o ser humano, questões que interessam a toda a gente e as podem ajudar. Arte, cinema, música, histórias interessantes que ensinem algo de útil ou que mostrem verdades curiosas da vida. Não passes a vida a distrair a cabeça, usa-a.



TENTAR IMPRESSIONAR

Muitos homens, ao aperceberem-se que estão perto de uma mulher atraente, começam a ter comportamentos com o objectivo de a impressionar e assim serem escolhidos por esta (e se calhar casarem 30 minutos depois). O que estes comportamentos dizem à mulher é isto: “Olha para mim, vê o fixe que sou! Por favor aceita-me! Eu sou o melhor aqui neste local, eu sou o melhor potencial parceiro que está aqui ao pé de ti! Por favor demonstra-me o teu interesse em mim e dá-me validação! Vá lá! Por favor escolhe-me a mim! O meu Ego está tão esfomeado que era capaz de comer pedras!”. Enfim, isto não é lá grande coisa. Mas na presença de mulheres atraentes há muitos homens que começam a falar e a rirem-se mais alto para darem nas vistas; homens que tentam corrigir a sua postura (incorrectamente), ou pior, começam a fazer algo com os seus amigos que o façam destacar-se, como por exemplo, jogos de força (yah, como se a mulher te fosse escolher por teres força e assim seres a solução para os ataques de animais selvagens de que ela sofre perto da caverna onde vive). Na praia há aqueles que fazem acrobacias, há aquele que nos bares e discotecas põe-se ao lado delas em pé tipo palmeira, na esperança que ela veja o quão espectacular ele é; há aqueles que tentam ter mais estilo que o próprio estilo, mas se és mulher e vais lá interagir com ele, sabes que aquilo se desfaz tudo e de repente o “supa style boy” transforma-se num homem das tabernas (ele mexe-se, abre a boca e pronto, lá se vai a máscara social). O mais engraçado de todos é o homem que anda sempre com uma expressão agressiva na cara do tipo, “Eu sou poderoso e perigoso, cuidado comigo, eu sou capaz de destruir o Universo se quiser”. Yah isso realmente é muito útil e atraente. Este tipo de homem confunde confiança, independência e auto-estima com ser um super-vilão (não tenho nada contra o hip-hop, é uma arte musical como outra qualquer, mas repara só nas caras da maioria das vedetas de hip-hop... “eu sou perigoso e poderoso, não te metas comigo”. A Verdade é esta: o ser humano quer sentir que tem poder na vida para controlar as coisas e se sentir bem. Uns fazem-no através do Ego e tentam controlar o exterior com ameaças e dor, outros têm Auto-Estima e controlam e criam as suas vidas a partir do interior, através de indo em direcção ao que lhes dá prazer, tendo auto-respeito e seguindo o seu caminho na vida). Por isso deixa de ser pateta e deixa de andar a impressionar as mulheres. A atitude de tentar impressionar uma mulher não a impressiona nada, repele-a.



QUERER “COMER A GAJA DOS OUTROS”

Todos os homens que alguma vez tiveram o pensamento de “comer a gaja” de outro homem, ou pior, chegaram mesmo a fazê-lo, só demonstraram ao mundo ter BAIXA AUTO-ESTIMA. O seu pensamento é este: “Ele tem uma gaja boa e eu não, por isso ele tem mais valor do que eu. Logo se eu comer a gaja dele vou provar a mim próprio e ao mundo que tenho valor, pois não só estou a ultrapassar o obstáculo de ela ter namorado, como também ela é toda boa. Os meus amigos vão-me adorar e alimentar o ego quando eu lhes contar, e assim eu posso sentir-me bem”. Palhaço? Não. HOMEM MEDÍOCRE, ESCRAVO DO EGO e com BAIXA AUTO-ESTIMA. Já disse que ele tem BAIXA AUTO-ESTIMA? Vocês mulheres adoram baixa auto-estima não é? Não? Como não?! Então ele é tão fixe, ele consegue comer gajas boas que têm namorado e tudo... hey, não percebo. Ele está a demonstrar ter tanto valor... é tão espectacular e maduro o que ele está a fazer... Agora sem brincadeiras, deixa de ser medíocre e concentra as tua atenção apenas nas mulheres solteiras. Há mulheres solteiras atraentes em abundância, e também há mulheres de qualidade solteiras (pois têm MUITA dificuldade em encontrar homens de qualidade).



SER FORMAL

Há homens que, quando vão sair com uma mulher, comportam-se como se estivessem numa reunião de negócios ou numa entrevista para um trabalho. Comportam-se como se estivessem com um estranho, com o qual não pode haver troca de emoções mas apenas troca de texto. Estão ausentes durante a interacção, a tentar dizer e fazer sempre as coisas certas para não incomodar a mulher, e ao mesmo tempo tentar impressioná-la com a sua simpatia e educação. Não há o mínimo de contacto físico ou de entretenimento. Isto não é atraente nem estimulante para as mulheres. Sem emoções não há atracção. Sem atracção vais ficar SOZINHO para o resto da tua vida. Estes homens acreditam mesmo que estão a ser mais inteligentes do que os outros, e que vão ter mais hipóteses do que os outros, só por estarem a interagir com uma mulher como se fosse uma reunião de negócios. Mas a verdade é que a única coisa que estão a criar são momentos de SECA. Uma saída com uma mulher é para ser descontraída, divertida, estimulante e excitante. Não é para ser uma troca de texto sem emoções. Tem de haver uma ligação emocional entre o homem e a mulher.



MENTALIDADE DE SUSTENTAR/PROTEGER

Esta é talvez a mais difícil de assimilar e aplicar, mas na sociedade contemporânea a mulher já não precisa do homem, nem para a sustentar nem para a proteger. Ela ganha o seu dinheiro e já não vivemos em florestas onde há animais selvagens dos quais ela precisa de ser protegida. Por isso demonstrar a uma mulher que ganhas muito dinheiro e que tens muita força não te vai levar a lado nenhum a longo prazo, que é o que interessa.



PENSAR QUE AS MULHERES NÃO GOSTAM DE SEXO

Há homens que pensam que as mulheres não gostam de sexo. Esses homens vêm as mulheres como um obstáculo para chegar ao sexo e têm pensamentos do tipo “Fogo pá, isto para conseguir levar uma gaja para a cama é lixado. Elas têm sempre uma má reacção quando tento alguma coisa”. Se tens deste tipo de pensamento, e se ao longo da tua vida, no teu relacionamento com as mulheres, sempre viste provas de que as mulheres não gostam de sexo, eu tenho uma notícia para te dar: não é que as mulheres não gostem de sexo, simplesmente não o querem fazer CONTIGO. Porquê? Vou ter de repetir as palavras HOMEM MEDÍOCRE novamente...? Pois, bem me parecia que sim. A maioria dos homens pensa que as mulheres não gostam de sexo pois a maioria dos homens não cria nas mulheres desejo sexual. As mulheres GOSTAM de sexo. A questão é que as mulheres “vêm” o sexo de uma forma diferente do homem. Elas excitam-se de forma diferente do homem, e por razões diferentes das do homem. E abordam o sexo de uma forma diferente da do homem, ou seja, não tomam a iniciativa nem andam activamente à procura de sexo. Isto porque é o masculino que tem de tomar a iniciativa, o feminino é passivo, mas receptivo (se o homem for de qualidade).

Se tens problemas com o sexo lembra-te sempre disto: SEXO É NORMAL. MUITO BOM E NECESSÁRIO PARA QUE A RAÇA HUMANA CONTINUE A EXISTIR. É a expressão física da INTIMIDADE e o acto que torna possível a REPRODUÇÃO.
A única razão pela qual tens problemas com o sexo é porque, na sociedade contemporânea (e muito graças à religião), o sexo é INCORRECTAMENTE e RIDICULAMENTE visto como algo de errado e mau, e tu tens medo de ser julgado (ou julgada) por gostares de sexo... o que não faz sentido nenhum. Quem julga o sexo são geralmente pessoas com vidas medíocres e personalidades disfuncionais, pois combatem, criticam, condenam e julgam algo que é natural e puro no ser humano. Por isso sê confortável com a tua sexualidade.

Sim, há homens que pensam que vocês mulheres não gostam de sexo. Estes homens pensam que vocês SÓ se querem é casar e ter filhos. Esses são os homens com os quais tu apanhas grandes SECAS, pois nas vossas interacções não há estimulação nem excitação. Esse tipo de homem geralmente não é lá muito masculino, evita qualquer coisa que tenha a ver com sexo (mas quer tê-lo contigo – e tu sabes disso) e acaba sempre sendo apenas mais um amigo teu, meio feminino e aborrecido.


Perguntas:
CoolVibesClub@hotmail.com


Segue as tuas paixões.
Pedro Constantino

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

"Como Evitar Traições"

Porque será que certos seres humanos, quando estão numa relação, traem o seu parceiro?

Porque será que há homens e mulheres que têm casos e amantes?

Por várias razões.

Tudo começa quando o homem e a mulher se conhecem. Tudo começa em como e quando a relação começa.

O problema de 90% das pessoas é que entra numa relação às cegas sem conhecer mesmo bem o parceiro. Dias depois de o conhecerem já estão numa relação séria. Semanas depois... 1 ou 2 meses depois... é sempre pouco tempo.

A maioria das pessoas entra numa relação não para melhorar a qualidade da sua vida e apreciar os presentes da intimidade e do sexo oposto, mas por DESESPERO e CARÊNCIA. Desespero por uma companhia e desespero por sexo. Desespero por aprovação e validação (“ela/ele gosta de mim por isso eu tenho valor e posso sentir-me bem”). Desespero muito semelhante a um pobre esfomeado que vai comer a primeira coisa que lhe aparecer à frente, esteja estragada ou não, seja saudável ou não.

A consequência de se entrar numa relação às cegas é deixar o resultado ao acaso. A relação pode resultar ou não. Uma relação apenas resulta quando há compatibilidade e ambos os parceiros são de qualidade. A maioria dos seres humanos fica-se pela primeira condição, ou nem sequer em nenhuma das duas (quando o desespero é por sexo, só o corpo atraente é que interessa, logo muita gente vai mergulhar em lixo voluntáriamente sem se aperceber, ou pior, mesmo apercebendo-se).

A traição acontece QUANDO UM DOS DOIS SE SENTE INSATISFEITO NA RELAÇÃO.

As pessoas maduras não traem, apenas comunicam ao seu parceiro que não se sentem satisfeitas na relação, que já não aguentam mais e querem melhor, e esta acaba.

As pessoas infantis têm duas atitudes:
1 – Deixam o parceiro por outra pessoa sem dizer nada;
2 – Traem o parceiro (constantemente) mas não acabam a relação com ele, pois têm algo a ganhar por estar numa relação com ele (segurança, ego alimentado, dinheiro, etc).

Portanto se começares uma relação às cegas, sem selecção, vais quase de certeza entrar nela com uma pessoa infantil e a probabilidade de haver traição é enorme.

Imaginemos que entraste numa relação às cegas com alguém que parece ser fixe. Ao início a coisa corre bem, vocês divertem-se, o sexo é bom, etc. Mas 3 ou 4 semanas depois começas a sentir que já não é bem a mesma coisa. Ups! >>> P E R I G O <<<


Mas porquê? Por que é que já não fazem sexo como antes? Porque é que já não saem e se divertem tanto como antes? Porque é que ele ou ela têm um ar e atitude de já estarem fartos de ti? Porque é que parece que ele ou ela se afastou de ti? Porque é que agora discutem?

NOTA: As discussões acontecem sempre por falta de compatibilidade. Não é normal haver discussões numa relação. É comum haver porque a maioria das relações é medíocre e começa às cegas, mas NÃO É SUPOSTO HAVER. O ego também ajuda na existência de discussões (“se eu impor a minha ideia, se convencer, se ganhar, se for quem tem razão, tenho valor e posso sentir-me bem”), mas numa relação é a compatibilidade que tem mais peso.

Quando duas pessoas são compatíveis têm formas de funcionar na vida muito semelhantes, ou mesmo iguais. E quando duas pessoas têm formas de funcionar na vida muito semelhantes tomam decisões semelhantes. Logo não há discussão possível pois não há dois tipos diferentes de pensamento.

Mas voltanto às traições... Não se trata de culpa, mas sim de responsabilidade. A responsabilidade não é de quem trai, mas de quem é traído. O acto de quem trai é medíocre, mas não se trai por acaso. Eu já disse que a causa é a insatisfação, mas o que causa realmente essa insatisfação? A personalidade do traído.

Muitos homens, depois de entrarem numa relação, deixam de estar a seguir o seu caminho na vida e tornam a mulher na sua principal dedicação. Ele muda para repelente pois perde uma das principais qualidades de um homem que é naturalmente atraente: estar a seguir o seu caminho na vida.

A mulher deixa de se sentir atraída por ele, deixa de ter desejo sexual e de querer estar com ele, e a relação começa a deixá-la insatisfeita. Se ela for madura fala com o homem e acaba a relação. Se for infantil, e ver que tem algo a ganhar por continuar com ele, vai procurar satisfação noutro lado. Não é que se ande a atirar a outros homens (como o homem que trai, que intencionalmente anda a conhecer mulheres para ter sexo com elas) mas sempre que sai com as amigas está aberta a conhecer homens e a ter sexo com eles como se fosse solteira e não estivesse comprometida.

E se ela for atraente isso vai acontecer de certeza. Geralmente os homens traem a mulher quando são escravos do ego. Não têm a maturidade suficiente para apreciar o feminino e só vêm as mulheres como prazer físico e fontes de validação (que, se mostrarem interesse neles, ou fizerem sexo com eles, fazem com que eles se sintam finalmente homens – lê o meu post “Criar Atracção vs. Ser Naturalmente Atraente”).

Há muitas variantes em termos de causa das traições, mas é possível evitá-las.

1. Nunca entres numa relação às cegas, selecciona sempre. O processo de selecção leva tempo, à volta de 6 meses. Procura compatibilidade e qualidade (maturidade e auto-estima principalmente) nas pessoas do sexo oposto com quem andas a sair;

2. Depois de começares uma relação não mudes a pessoa que és. O teu parceiro está contigo numa relação porque se sente atraído por ti, e essa atracção existe por causa da personalidade que tens. Se a mudas diz adeus à atracção (a não ser que a mudes por evolução pessoal, aí o parceiro ainda se vai sentir mais atraído por ti);

3. Lá porque sentes desejo sexual por outra pessoa isso não quer dizer que a relação entre ambos vá resultar. A polaridade masculino/feminino é apenas parte da equação.

Portanto se és homem lembra-te sempre disto: mulheres atraentes não são uma raridade (a verdade é que, se olhares atentamente à volta, vais vê-las por todo o lado), mas mulheres de qualidade são. E só com as segundas é que podes ter uma relação de qualidade. Há mulheres atraentes de qualidade, mas para descobrires quais são vais ter sempre de conhecer bem a sua personalidade.

Se és mulher, a tua solução para as traições, para além dos 3 pontos que acima referi, é sem dúvida aprender a detectar um homem de qualidade (que ainda não esteja numa relação). Num dos meus futuros posts vou falar acerca disso. Não brinques com a vida. Deixar de brincar com a vida é não a deixar ao acaso. As coisas boas não acontecem às pessoas “boas” ou “más”, acontecem a quem as sabe criar.

Perguntas:

CoolVibesClub@hotmail.com


Só serás traído se primeiro te traíres a ti próprio.
Pedro Constantino